auravide auravide

100 MAIORES INVENÇÕES DO MUNDO - PARTE I



Da primeira universidade à Internet, da caravela ao ônibus espacial, do microscópio à clonagem, a humanidade escreveu capítulos maravilhosos da história da ciência e do conhecimento do ano de 1054 ao 1997.

Veja abaixo as 100 grandes conquistas do conhecimento dos últimos mil anos...

1. 1054 - Explosão Estelar
Povos antigos já notavam no céu o surgimento de estrelas muito brilhantes. Mas a ciência considera que é de astrônomos chineses o primeiro registro sério de uma supernova - explosão de uma estrela - em 1054. Tudo o que resta no local do desastre é a Nebulosa do Caranguejo.

2. 1150 - Universidade
É fundada a primeira universidade do mundo, em Bolonha, na Itália. A criação da instituição dá à Europa o impulso intelectual que desembocaria no Renascimento no século XIV, e na Revolução Científica, entre os séculos VXI e XVII.

3. 1202 - Algarismos Arábicos
O matemático italiano Leonardo Fibonacci (c.1170-1240) troca os incômodos algarismos romanos pelos arábicos. A facilidade que isso trouxe para os cálculos resultaria no avanço da álgebra e, por conseqüência, da tecnologia.

4. 1268 - Óculos
O inglês Roger Bacon (c.1220-c.1292) constrói as primeiras lentes de cristal para corrigir distorções da visão. A invenção de Bacon demoraria mais 100 anos para se tornar prática. Em 1784, o americano Benjamin Franklin inventaria os óculos bifocais.

5. 1269 - Bússola Magnética
O engenheiro francês Petrus Peregrinus de Maricourt descreve pela primeira vez uma bússola em que uma agulha imantada bóia sobre um líquido. Apesar de já ser conhecida dos chineses há séculos, a bússola só passa a ser construída a partir dessa descrição.

6. 1288 - Relógio
Desde o início da civilização o homem usou a água, a areia ou o Sol para marcar as horas. Até a criação do relógio mecânico, que marca as horas mesmo à noite. A instalação do relógio mecânico na Abadia de Westminster, em Londres, Inglaterra, marca uma nova era na contagem do tempo.

7. 1440 - Leis da perspectiva
O arquiteto italiano Leon Battista Alberti (1404-1472) cria a teoria que dá profundidade e proporções reais a desenhos e pinturas. Sua obra "Dez Livros sobre Arquitetura" tem profundo impacto no traçado das cidades a partir do século XVI.

8. 1450 - Caravela
A exploração do mundo deve muito a essa invenção portuguesa. Comparadas com as demais embarcações da época, as caravelas são rápidas, seguras e resistentes. Elas abrem os caminhos para as Índias e trazem os europeus à América.

9. 1454 - Imprensa
A impressão com tipos móveis se originou na China entre 1041 e 1048. Mas foi o alemão Johannes Gutenberg (1400-1468) quem criou os tipos fundidos em metal e a tinta que aderia ao papel. Naquele ano ele imprimiu a "Bíblia", em latim, em Mainz, na Alemanha.

10. 1492 - Globo terrestre
O alemão Martim Behaim (1459-1507) cria a primeira representação do planeta respeitando sua forma real. Como a América só seria descoberta naquele ano, faltou ali o novo continente.

11. 1543 - Atlas de anatomia
O médico italiano Andreas Vesalius (1514-1564) publica seus "Sete Livros sobre a Estrutura do Corpo Humano". Até então, a anatomia - fundamental para a medicina - dependia de amadores.

12. 1543 - A Terra ao redor do Sol
O teólogo polonês Nicolau Copérnico (1473-1543) publica "Sobre as Revoluções dos Orbes Celestes", explicando que a Terra gira em torno do Sol. A idéia dá novo rumo às ciências naturais.

13. 1556 - Mineralogia
Os metais são usados desde a pré-história. Mas é a publicação póstuma do tratado "Sobre os Metais" que marca o surgimento da mineralogia. Nele, o alemão Georgius Agricola (1494-1555) discorre sobre os diferentes metais e suas propriedades.

14. 1572 - Medidas do céu
O astrônomo dinamarquês Ticho Brahe (1546-1601) observa uma supernova. Também mostra que os cometas não são fenômenos atmosféricos, como se pensava. Suas observações serviriam para que Kepler descobrisse as leis do movimento dos corpos celestes.

15. 1580 - Ciência no Novo Mundo
O matemático inglês Thomas Harriot (1560-1621) e o metalurgista Joachim Ganz montam o primeiro laboratório científico na América. Eles queriam detectar a presença de prata e ouro nos minérios.

16. 1582 - Revisão do calendário
O papa Gregório XIII (1502-1585) e um conselho presidido pelo matemático alemão Christovam Clavius (1538-1612) criam um novo calendário para corrigir uma distorção na contagem do tempo. Naquele ano, do dia 4 de outubro pulou-se para 15 de outubro.

17. 1589 - Moinho de Vento
O moinho já é usado pelos agricultores quando o italiano Agostino Ramelli (1531-c.1600) faz o primeiro projeto completo do artefato na obra "Livro de Diversas e Artificiosas Máquinas". A obra levou mais gente a construir moinhos.

18. 1591 - Símbolos em Matemática
Até que o francês François Viète (1540-1603) começasse a representar quantidades por letras nas equações, como a + b = c, a matemática européia era escrita com palavras. Imagine a confusão que seria fazer cálculos complicados se não fosse essa substituição.

19. 1610 - Telescópio
O italiano Galileu Galilei (1564-1642) aponta para o céu sua recém-inventada luneta e descobre os quatro maiores satélites de Júpiter, marcando o início das pesquisas sobre o Universo.

20. 1610 - Órbitas dos planetas
O alemão Johannes Kepler (1571-1630) prova que as órbitas dos planetas em torno do Sol não são circulares, mas elípticas, e que têm velocidade variável. Meio século depois, Isaac Newton mostraria que tais órbitas são conseqüências das leis fundamentais da Física.

21. 1623 - Máquina de calcular
O alemão Wilhelm Schickard (1592-1635) constrói uma calculadora mecânica capaz de somar, subtrair, multiplicar e dividir. Só em 1820 o francês Charles Xavier Thomas de Colmar criaria a primeira máquina de calcular comercial.

22. 1628 - Funcionamento do coração
Para Aristóteles, o coração abrigava os pensamentos. Para Descartes, o coração esquentava o sangue. É o médico inglês William Harvey (1578-1657) quem descobre que o órgão é um músculo que bombeia o sangue para o restante do corpo.

23. 1637 - Geometria analítica
O francês René Descartes (1596-1650), mais conhecido como fundador da filosofia moderna, faz o casamento entre a geometria e a álgebra, descobrindo como construir gráficos a partir de equações matemáticas.

24. 1652 - Cálculo de probabilidade
Muito interessado em jogos de azar, o filósofo e matemático francês Blaise Pascal (1623-1662) cria fórmulas para avaliar as chances de um evento ocorrer. O cálculo das probabilidades é usado em vários ramos do conhecimento hoje.

25. 1661 - Química moderna
O livro "O Químico Cético", do físico e químico irlandês Robert Boyle (1627-1691), lança as bases da química moderna. Nele, Boyle prega que as teorias têm que ser comprovadas por experiências práticas.

26. 1665 - Células
O físico inglês Robert Hooke (1635-1702) publica os primeiros desenhos de células observadas ao microscópio, disparando as pesquisas sobre as unidades fundamentais da vida.

Fonte: Compilação Internet

Texto revisado por Cris
Publicado dia 16/11/2007

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstar Avaliação: 4 | Votos: 34



foto-autor
Autor: Geraldo de Souza    
CONSULTAS AGENDADAS: REGIOES DE SANTO AMARO E INTERLAGOS... (SAO PAULO-SP). *TERAPIA DE PSICANÁLISE, ABORDAGEM JUNGUIANA, COM HIPNOTERAPIA ERICKSONIANA... *TERAPIA DE REIKI USUI ENERGIA NATURAL DE CURA. *COACHING COM PNL/APOIO PESSOAL/EMPRESARIAL... Contato inicial por email. Seja bém-vindo! Aguardando seu contato.
E-mail: gcvsouza@uol.com.br | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa