auravide auravide

4 dicas para harmonizar a mediunidade com Ho´oponopono


Facebook   E-mail   Whatsapp

Há muitos anos trabalho com a mediunidade porque nasci assim e tive que aprender lidar com essa habilidade de ver a vida, o mundo, as pessoas além do normal. Porém nem sempre as coisas foram fáceis, ao contrário descobri que quando a gente não entende muito bem o que sente, tudo se complica. Então ao longo da minha vida estudei muito, pesquisei, fiz cursos, viajei para vários lugares em busca de técnicas, meditações e aprendizados, e foi no Ho'oponopono que que descobri uma grande chave de cura e libertação para as questões mediúnicas que compartilho agora com você. Resolvi colocar de forma bem objetiva algumas dicas para você viver melhor consigo mesmo, com seus sentimentos e com o mundo a sua volta:

- Aceite sua visão diferente da vida. Se você tem uma sensibilidade a mais, se sente perturbado com isso, ou não sabe como agir com aquilo que sente, calma. Tenha muita calma ao olhar a si mesmo, e deixe de tentar se igualar aos demais. Conheço algumas pessoas que lutaram a vida inteira contra a sensibilidade com medo daquilo que viam e sentiam. Porém essa atitude de querer fazer parte do mundo objetivo, de forma pragmática tentando ser igual aos outros tem um preço emocional muito alto, e acaba trazendo muito sofrimento porque dificilmente as pessoas fogem daquilo que são, então muito amor por você mesmo. No Ho’oponopono o primeiro passo importante é a auto aceitação, você fazendo as pazes com quem você é. Pense nisso, pense no significado do auto perdão e pratique.

- Aceite, dialogue, com aquilo que você vê e percebe à sua volta. Normalmente um médium vê, sente, percebe coisas que não entende. Na maioria das vezes dentro do processo de desenvolvimento da mediunidade as pessoas costumam sentir, perceber mais comumente as coisas negativas e por isso querem fugir. No Ho’oponopono descobrimos que estamos conectados com tudo o que existe à nossa volta, e que somos 100% responsáveis por isso. Então quando um espirito, uma energia, ou vibração negativa, ou pesada se aproximar de você repita mentalmente ou fale em voz alta: Sinto muito, me perdoe, te amo, obrigada. Mas fale sentindo no coração. Compreenda que se existe um obsessor junto de você, ou atrapalhando a sua vida, em algum momento você criou conexão com esse ser, com essa energia, então este é o momento de vocês se libertarem. Use o Ho’oponopono para isso.

- Aceite as energias do ambiente. No Ho’oponopono aprendemos que tudo tem vida, as casas, os lugares, as egregoras familiares, profissionais, e que não existem vitimas, assim se você tem que conviver num ambiente aparentemente contrário aos seus desejos, ou a forma que você vê a vida é saudável você procurar em você porque está tendo que viver nesse lugar, conviver com essas pessoas, sofrer com vibrações pesadas que por acaso existem nesse local. Então quando estiver num ambiente que traga esse tipo de perturbação, antes de entrar na contrariedade mental, antes de ficar chateado por ter que estar ali, caso não tenha escolha de não mais frequentar o lugar, mergulhe no Ho’oponopono: Sinto muito, me perdoe, te amo, sou grato. Diga isso mentalmente para tudo o que está envolvendo você. No ônibus, na fila do banco, no seu escritório, na sala de aula, na casa da sogra, enfim onde estiver ative essa vibração de paz do Ho’oponopono e venha mentalmente desejando, de verdade, estar em paz com o lugar. Isso vai ajudar muito diminuir os sintomas negativos de raiva, dores de cabeça, enjoe, tonturas, e até da síndrome do panico etc. Com as palavras mágicas do Ho’oponopono você cria uma egrégora de luz ao seu redor que com o tempo, e a pratica constante vai proteger você.

- Aceite sua família. Sempre explico que o karma está na família, porque é nesse ambiente que nascemos, crescemos e aprendemos as grandes lições desta existência. Mas liberte-se do pensamento negativo de buscar culpados porque isso só realça dores e mágoas que podem ter vindo até de vidas passadas. Aliás você nasceu onde nasceu, e vive hoje com quem vive por conta de escolhas, algumas conscientes, e outras inconscientes. Claro que existe o karma, e os compromissos, mas na maioria das vezes as pessoas estão juntas porque não sabem se libertar, e presas às críticas vão apenas aprofundando motivos de raivas e dores. Devo lembrar que família não é apenas as relações consanguíneas, ou do casamento, pois tem gente que vive a solidão afetiva, e nem por isso deixa de sofrer, outros ainda encontram no ambiente profissional os desafios da grande família. Assim se você tem dores e mágoas dos seus semelhantes, pratique Ho’oponopono para si mesmo, para dissolver essas dores karmicas que vibram em você. Faça Ho’oponopono para essas ligações karmicas e espirituais. Peça perdão para si mesmo por ter que conviver com essa pessoa e sofrer aquilo que sofre estando com ela. A dor está em você. Diga assim: Divindade limpa em mim os sentimentos e dores causados da minha relação com Fulano... Depois complete dizendo para si mesmo: Sinto muito, me perdoe, te amo, obrigado.

Se você gostou do tema assista também este vídeo sobre: Limpar a mediunidade com o Ho’oponopono


Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 28


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Maria Silvia Orlovas   
Maria Silvia Orlovas é uma forte sensitiva que possui um dom muito especial de ver as vidas passadas das pessoas à sua volta e receber orientações dos seus mentores.
Me acompanhe no Twitter e Visite meu blog
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa