auravide auravide

A ajuda e a aceitação



No último boletim especial muitas pessoas pediram para conhecer o exercício sobre a aceitação. Ele agora está aqui disponível em texto e em áudio.
Boa Viagem!

Muitas vezes nós temos o desejo de ajudar as pessoas a quem queremos bem e que, por motivos diversos, passam por momentos difíceis ou dolorosos. E, apesar de irmos imbuídos das melhores intenções possíveis, isso nem sempre dá certo.
Então, ficamos pensando, tentando entender o que aconteceu, por que aquela pessoa não aceitou ou não soube aproveitar a nossa ajuda.
E por que, mesmo tendo feito coisas concretas para ajudar, ainda saímos com uma sensação de peso, incômodo, até de culpa por não ter dado e feito algo a mais, ou melhor.
Aprendemos desde cedo que devemos ajudar as pessoas e, principalmente, aqueles que fazem parte na nossa família.
O que muitas vezes não nos ensinaram é que para realmente ajudar em alguns casos basta que possamos ACEITAR.
A aceitação está profundamente ligada ao respeito e ao reconhecimento.
Quando respeitamos alguém de verdade devemos respeitar e aceitar seu destino e suas escolhas.
Não quero dizer com isso que não podemos ajudar. Podemos, e isso é certo. O que é diferente é a atitude que temos ao fazermos o movimento da ajuda.
Quando ajudamos com respeito, reconhecendo o que faz parte do destino daquela pessoa de quem gostamos tanto, o sentimento que fica é de LEVEZA.
E o que acontece com a pessoa que estamos ajudando é que - se sentindo respeitada - surge um sentimento de força e dignidade e desta forma ela aceita receber a ajuda.
Um breve exercício de visualização pode auxiliar no entendimento desta nova forma de ajudar.

SOLTANDO O APEGO

Sente-se confortavelmente, feche seus olhos e relaxe seu corpo, respirando algumas vezes profundamente.
A cada respiração sinta que você fica mais relaxado e pense naquela pessoa que você quer muito ajudar.
Pode ser alguém muito próximo, como sua mãe ou seu pai, um irmão ou irmã, ou ainda seu marido, sua esposa, ou apenas alguém próximo de você que está passando por algo que você considera difícil, doloroso.
Agora veja, imagine, visualize esta pessoa na sua frente, a uma distância que seja confortável pra você.
Deixe que a imagem desta pessoa fique bem clara, nítida.
E agora olhe pra ela ou ele, e sinta, perceba qual a expressão dos seus olhos, do seu corpo.
Olhe amorosamente para ele (ou ela)...
E diga internamente para ela (ou ele):
Eu vejo você e concordo com tudo que vem de você.
Obrigada pelo que você pode me dar... foi o suficiente... e eu faço algo bom com o que recebi de você.
Eu respeito seu destino e aceito suas decisões...
E agora eu a deixo em paz.

Observe o que acontece com essa pessoa...
Observe o que ocorre em seu interior, em seu íntimo...
E sinta o que muda na sua relação com esta pessoa...
E perceba o que acontece com o amor...
E com muito respeito, imagine-se fazendo uma leve reverência com sua cabeça para esta pessoa e seu destino e internamente despeça-se.


Faça este exercício quantas vezes achar necessário, adaptando-o à situação que você estiver passando no momento.
Faça com calma e dê o tempo necessário para cada passo.
Os pensamentos são rápidos, mas a alma move-se lentamente.
Respeite este tempo e aceite este presente!






Texto revisado por: Cris
Publicado dia 4/4/2007

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 207



foto-autor
Autor: Nathalie Favaron   
Nathalie Favaron é Coach e Terapeuta Sistêmica especializada em Constelações e Hipnose Ericksoniana. Autora do LIVRO O Reencontro e do CURSO ON LINE - A História da sua Família SAIBA MAIS AQUI www.nathaliefavaron.com.br ou whatsapp 11-950203079
E-mail: nathfavaron@gmail.com | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa