auravide auravide

A face oculta da violência


Facebook   E-mail   Whatsapp

Crianças sem...
não são crianças nota cem ou crianças "zen".

Crianças sem...
são crianças sem nada mesmo,
sem lar, sem pais, carinho ou afeto.

Crianças sem...
são nati-mortos "vivos",
zumbis sem perspectivas de vida
no presente ou no futuro.

Crianças sem...
São a face oculta da ignorância, da corrupção,
do descaso, da insensatez,
da irresponsabilidade e do abandono.

Crianças sem...
São a face oculta do orgulho, da vaidade,
do egoísmo e da prepotência.

Crianças sem...
São órfãos da miséria gerada pela ganância
e pela insensibilidade a valores
humanos e espirituais.

Crianças sem...
São filhos paridos da irresponsabilidade social
geradora da indiferença que gera violência
e mais violência em efeito cascata.

Crianças sem...
São crianças zero em amor,
mas "escoladas" na dificuldade,
no sofrimento, na dor... e no desamor.

Crianças sem...
não têm nada a perder,
pois já perderam tudo... ou quase tudo.
Menos o direito à sobrevivência e,
quem sabe um dia,
o direito à dignidade e ao amor!

Canalizado em 23/11/07

"A criança e o adolescente gozam de todos os direitos fundamentais inerentes à pessoa humana, sem prejuízo da proteção integral de que trata esta Lei, assegurando-lhes, por Lei ou por outros meios, todas as oportunidades e facilidades, a fim de lhes facultar o desenvolvimento físico, mental, moral, espiritual e social em condições de liberdade e de dignidade".
Estatuto da Criança e do Adolescente, em seu 3° artigo.

"Cerca de 45% dos indigentes brasileiros têm menos de 15 anos. Um apelido apropriado à nosssa prática social seria Guilherme Tell, uma alusão ao personagem suiço que ficou conhecido por atirar flecha sobre a cabeça de seu filho".
Marcelo Neri em "As crianças sem futuro", artigo publicado no Jornal do Brasil.

"A utilidade de passar pelo estado de infância é que encarnado, com o objetivo de se aperfeiçoar, o espírito é mais acessível às impressões que recebe, capazes de lhe auxiliarem o adiantamento, para o que devem contribuir os incumbidos de educá-lo".
A finalidade da infância em "O Livro dos Espíritos" de Allan Kardec.

"A paternidade é, sem contestação possível, uma verdadeira missão. É ao mesmo tempo grandíssimo dever e que envolve, mais do que pensa o homem, a sua responsabilidade quanto ao futuro".
A missão dos pais em "O Livro dos Espíritos" de Allan Kardec.

Psicanalista Clínico e Interdimensional.
flaviobastos

Texto revisado por Cris

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 9


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Flávio Bastos   
Flavio Bastos é criador intuitivo da Psicoterapia Interdimensional (PI) e psicanalista clínico. Outros cursos: Terapia Regressiva Evolutiva (TRE), Psicoterapia Reencarnacionista e Terapia de Regressão, Capacitação em Dependência Química, Hipnose e Auto-hipnose, e Dimensão Espiritual na Psicologia e Psicoterapia.
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Autoconhecimento clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa