auravide auravide

A força do querer!

por Ana Carolina Reis

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Na cultura indiana, na qual busquei inspiração em anos de estudo e prática espiritual, o querer do ego é praticamente anulado a serviço do mestre/guru. Servir como um instrumento divino passa a ser uma lição primordial para se dominar os desejos do ego, que são recriminados por gerar mais karma. Realmente...
Mas, e se o desejo não partir do ego e sim, de uma intuição, um insight, uma pequena voz silenciosa?
Apesar da importância da entrega e rendição ao guru externo, é sempre lembrado que a meta final é a rendição e entrega ao guru interno.
Afinal, quem é esse guru interior?
Se não é o ego, quem é que sobra?
A nossa criança interior não pode ser, pois a criança apesar de toda espontaneidade, pureza e amor divino, não está desenvolvida ainda nos aspectos da consciência, ou seja, com maturidade e responsabilidade suficientes para dar conta de seus atos.
Você já viu aquele adulto que se comporta como uma criança muitas vezes? Que não assume a responsabilidade pela sua vida e se deixa dominar pela maré de emoções? Entao, está aí um exemplo de como ser guiado pela criança interna!
Não é um julgamento, apenas uma observação a fins didáticos. Podemos transitar por várias caminhos e direções ao longo da jornada (em busca de nós mesmos).
Portanto, se não é o ego, nem a criança, será o subconsciente, então, esse tal de guru interior?
O subconsciente tem muitos segredos guardados, memórias até de outras vidas, traumas, medos... É quem rege nosso corpo, nosso ritmo e atrai as situações e coisas em nossa vida.
Apesar de toda essa riqueza e profundidade, falta ao subconsciente a razão, a luz do intelecto, da sabedoria.
O subconsciente é regido por gostos e desgostos, por crenças, culpas e distorções mentais, por isso não pode ser um bom condutor (apesar de ser um excelente realizador!).
Bom, se não temos o ego como condutor, nem a criança interna e muito menos o subconsciente, quem é que nos sobra?
O Eu Superior! Nosso eu sábio! O eu que vê tudo de cima (de dentro), de outra perspectiva mais ampla (pois o espiritual engloba o material, não o exclui). O Eu Superior, a nossa alma, é o nosso Deus interno, é a fagulha divina da chama trina em nosso coração.
A nossa alma sempre sabe o que é melhor para nós. Por isso, aqui no sul do país, há uma conhecida canção que diz: "segue o rumo do seu próprio coração"... 
Saber quem você é, em toda sua integridade e plenitude, envolve alimentar/nutrir e gerir todo o seu ser, em todos os seus aspectos. Porém, tendo-se a consciência de quem é o verdadeiro condutor dessa carruagem: Krishna (que representa o Eu Superior) e não Arjuna (que simboliza o ego).
O ego, por si só, não é ruim. O que faz mal é pensar que se é apenas isto e mais nada, um ser apartado do todo. 
Dessa sensação de separação é que surge o medo e deste sentimento provém todas as demais emoções negativas, como ensina o livro "Um Curso em Milagres".
A partir desse ponto, a força de um querer, de um ego que sabe que é guiado pelo Eu Superior, que está equilibrado e conectado com sua criança interna e que conhece as profundezas e labirintos da sua mente subconsciente, é como um iluminado andando sobre a Terra. O seu pensamento se concretiza, o seu querer já parte da sua divindade, da sua mente integrada (espírito-mente-corpo). Um tripé que foi desmembrado ao longo da história, mas que está mais do que na hora de recuperarmos esse olhar mais amplo sobre nós. Não só como indivíduos, mas como sociedade, para que possamos construir um mundo mais justo e amoroso para todos.
É o que desejo, do mais profundo do meu coração, com a pureza da força do meu querer! 
Ana 
@aurorapachamama
 
PS: depois que escrevi o texto, me dei por conta que esse título foi nome de uma novela! Por sinal, a última que assisti! Haha, tudo se aproveita! "O espírito engloba a matéria" (...), nada está separado! 
 
Texto Revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 13

foto-autor
Sobre o Autor: Ana Carolina Reis    
Responsável pelo Espaço Aurora Pachamama. Graduanda em Psicologia, pela UFCSPA. Terapeuta de Práticas Integrativas, desde 2004 (CRTH-BR 6400 ABRATH). Mestre em Seichim e Reiki (Diversos Sistemas). Cristaloterapeuta pela "The Crystal Academy of Advanced Healing Arts". Autora dos livros: "Xô, depressão!" e "A Sabedoria dos Cristais".
E-mail: crystalbungalow@gmail.com
Visite o Site do autor e leia mais artigos.
Publicado dia 16/8/2020 em Autoconhecimento

Veja também
artigo Você está pronto para o risco?
artigo Tempo
artigo Pressão emocional como forma de abuso
artigo Dicas para melhorar a Energia

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa