Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

A geração dos homens banana

por Cristina Longhi
A geração dos homens banana

Publicado dia 4/6/2018 em Almas Gêmeas

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Você convive ou já conviveu com um homem banana?
Trata-se de uma geração em que alguns homens não aprenderam a ser homens. Aqueles que não conseguem prover o que deveriam nem mesmo para si mesmos. Você conhece alguém assim?

Vamos entender como isso acontece e como lidar com a situação quando você tem um homem banana em casa ou quando você mesmo é o próprio homem banana.

Imagine a seguinte situação: um homem que deveria fazer determinadas coisas e não faz, um homem que não consegue e fica sempre somente na promessa. Um homem que tenta sempre da forma errada e se sabota o tempo todo. Tem também o homem banana e folgado onde este, além de não ir além, não percebe nada disso e acredita que isso é normal e está bem assim, não aprendeu nem a ter vontade própria e não tem nenhum tipo de ganância. 

Já parou para pensar que a intenção do cara é melhorar e ele não consegue somente por que não aprendeu como? Se você observar a vida que este cara teve antes, vai começar a entender por que isso acontece. Vamos entender mais para ajudar?

Aquele homem que concorda com você e minutos depois não faz o que disse ou faz tudo ao contrário, é capaz de irritar muitas pessoas à sua volta. Além de causar muita frustração, indignação e decepção. Esses homens não entenderam como "caçar" ou melhor, como buscar aquilo que é necessário. Esses homens são formados em ambientes onde não tiveram como aprender a buscar, normalmente quando foram criados por mulheres que deletaram o poder dos homens à sua volta. Observe se o seu homem banana teve alguma característica assim. Homens que aprenderam a idolatrar o poder da mulher tirando o seu próprio poder da jogada ou quando ouviram muito que homens não prestam. Sendo assim, então, estes homens aprendem a fazer o papel de bonzinhos para conseguirem algum autovalor.
Normalmente, um homem banana é bonzinho, é fofo, é prestativo, quase feminino. Mas não sabe exatamente quem ele é, do que gosta, o que tem de fazer. É o tipo de cara que não se toca.

Outra característica desses homens bananas é que eles ficam dando muito valor ao que eles acreditam ser mais importante, o que na cabeça deles é o "amor", ou seja, estes homens ficam sempre confundindo os próprios sentimentos. Confundem as coisas o tempo todo.

Para isso mudar, é primeiro importante que estes homens reconheçam a diferença entre um homem que faz o papel de homem e outro que não faz. É preciso mostrar tudo isso com  muito cuidado para que ele não se sinta desprezado ou menosprezado e "espane", pois se isso acontecer a única coisa que se conseguirá será piorar a situação.

Então, o próximo passo é fazer o cara entender o que ele não aprendeu, e nesta parte ajuda inclusive listar fatores com as soluções. Por exemplo, se o cara não consegue ajudar mais com as despesas, não adianta ficar cobrando e se revoltando; é preciso olhar junto com ele para o "como" ele poderia fazer para melhorar e conseguir obter mais. É importante ressaltar que cada parte do plano vai levar tempo, pois não se aprende nada teoricamente, é preciso vivenciar cada passo ao longo do caminho. Qualquer pessoa que não consegue, se observarmos bem de perto, veremos que essa pessoa somente não consegue por não saber como e por que não aprendeu e nem começou a dar os passos necessários. A pessoa para na parte onde sente que não dá, então, a pessoa fica paralisada e nada mais anda.

Portanto, entenda que um homem banana pode sim se transformar, desde que você entenda como e pacientemente; espere ele aprender os passos necessários, como se fosse uma criança que vai aprendendo. É possível, tenha paciência e chegará lá. Vai valer muito a pena!

Boa sorte; Cristina Longhi
Revisado SS (atualizado para 2019)
Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo


Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstar Avaliação: 4 | Votos: 42

Sobre o Autor: Cristina Longhi    
Sou Terapeuta, Programadora Neurolinguista, Escritora e Comunicadora da Rádio Mundial. Atuo como terapeuta nas questões relacionadas a baixa estima, medos, ansiedades, traumas e questões relacionadas a relacionamentos no geral. Atendo adultos, adolescentes, casais e crianças. Autora do livro Anjos e Mentores, Lei da Atração para Crianças e outros.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Sabedoria
artigo Quais as deusas que habitam dentro em mim?
artigo Felicidade em suas asas
artigo Coração Ardente II

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




horoscopo

auravide auravide

auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa