auravide auravide

A HORA É DE SER COMO A FLOR DE LÓTUS



"Certo dia, à margem de um tranqüilo lago, encontraram-se quatro irmãos: o Fogo, o Ar, a Água e a Terra.
- Quanto tempo sem nos vermos - disse o Fogo cheio de entusiasmo, como é de sua natureza.
- É verdade - disse o Ar. É um destino bem curioso o nosso. À custa de tanto nos prestarmos para construir formas e mais formas, tornamo-nos escravos de nossa obra e perdemos nossa liberdade.
- Não te queixes - disse a Água, pois estamos obedecendo à Lei, e é um Divino Prazer servir à Criação. Por outro lado, não perdemos nossa liberdade; tu corres de um lado para outro, à tua vontade; o irmão Fogo, entra e sai por toda parte servindo à vida e à morte. Eu faço o mesmo.
- Em todo o caso, sou eu quem deveria se queixar - disse a Terra - pois estou sempre imóvel e mesmo sem minha vontade, dou voltas, sem descansar no mesmo espaço.
- Não entristeçais minha felicidade ao ver-nos, tornou a dizer o Fogo, com discussões supérfluas. É melhor festejarmos estes momentos em que nos encontramos fora da forma.
Cada um contou o que havia feito durante sua longa ausência, as maravilhas que tinham construído e destruído. Cada um se orgulhou de haver prestado para que a Vida se manifestasse através de formas sempre mais belas e mais perfeitas. Em meio de tão grande alegria, existia uma nuvem: o Homem. Como ele era ingrato! Haviam-no construído com seus mais perfeitos e puros materiais, e o homem abusava deles, perdendo-os. Tiveram desejo de retirar sua cooperação e privá-lo de realizar suas experiências no plano físico. Porém, a nuvem dissipou-se e a alegria voltou a reinar entre os quatro irmãos.
Aproximando-se o momento de se separarem pensaram em deixar uma recordação que perdurasse através das idades a felicidade de seu encontro. Resolveram criar alguma coisa especial que, composta de fragmentos de cada um deles harmonicamente combinados, fosse também a expressão de suas diferenças e independência e servisse de símbolo e exemplo para o homem. Por fim, refletindo-se no lago, os quatro disseram:
- E se construíssemos uma planta cujas raízes estivessem no fundo do lago, a haste na água e as folhas e flores fora dela?
A idéia pareceu digna da experiência.
- Eu porei as melhores forças de minhas entranhas - disse a Terra - e alimentarei suas raízes.
- Eu porei as melhores linfas de meus seios - disse a Água - e farei crescer sua haste.
- Eu porei minhas melhores brisas - disse o Ar - e tonificarei a planta.
- Eu porei todo o meu calor - disse o Fogo - para dar às suas corolas as mais formosas cores.
Fibra sobre fibra foram construídas as raízes, a haste, as folhas e as flores. O sol abençoou-a e a planta deu entrada na flora regional, saudada como rainha.
Quando os quatro elementos se separaram, a Flor de Lótus brilhava no lago em sua beleza imaculada, e servia para o homem como símbolo da pureza e da perfeição humana."
CONTO BUDISTA


Lótus é o símbolo da expansão espiritual, do sagrado, do puro. A lenda budista nos relata um ato de expansão espiritual que todo ser humano pode alcançar utilizando-se das energias criadoras que, combinadas, burilam suas diferenças, para que alcancem a Unidade.

"Meus Amigos,

A hierarquia espiritual tem avivado a luz nos corações de muitas pessoas, enviando caudalosa energia, tanto quanto a abertura do chakra de mil pétalas de cada um de vós permite a entrada dela e, conforme o desejo dos seres humanos, colocamos em seus corações idéias altruísticas.

Podeis atingir a consciência de vossas individualidades por vários caminhos. Algumas filosofias sugerem processos invariavelmente complicados, mas somente a vida, em si mesma, com suas provas e sofrimentos, aos poucos, preparando-vos e purificando-vos, pode burilar vossos corações.

Porém, deixo claro que aquilo que vosso intelecto, muitas vezes medíocre e vestido de vaidade pueril, entende como certo, pode nublar a Luz Crística e levar confusão à vossa mente e à do seu próximo. Responsabilidade! É onde todos os discípulos da luz precisam prender a sua atenção. Convertam-se em inabaláveis colunas de luz, para estarem sintonizados com a Nova Era que se aproxima. Trabalhar a personalidade e ativar seu Lótus de Mil Pétalas trará a todos vós as Forças do Fogo Sagrado, levando-os à Luz Interna. Escutai para dentro de vós!

Esperamos que todo ser humano se conscientize de seu retorno ao lar, antes que as dificuldades comecem a aumentar e conturbar ainda mais vossas atividades do dia-a-dia. Tirem vossas próprias conclusões: “tudo o que gerarem em pensamento e sentimento manifesta-se em vosso mundo”.

Portanto, estejam alertas e prudentes! Conheçam vossas energias, vossas potencialidades e centros de força, que são como usinas. Estejam em contato permanente com as qualidades da Terra, do Sol, da Água e do Ar e, querendo ou não, absorvam essas energias que são transformadoras quando estiverem receptivos a elas.

Nessa transição planetária, elas vos auxiliarão no esquecimento do passado e na excessiva preocupação com o Futuro. A hora está próxima demais e a necessidade agora é somente em desenvolver vosso sentimento e qualidades espirituais. Cultivai vossa fé naquilo que muitos ainda não vêem e não acreditam. Trabalhem em prol de si mesmos, sem pensar em sacrifício, mas sim na iluminação de vossos espíritos.

Eu vos envolvo com as irradiações e o amor de Meu coração".

Mestre El Morya.
Canal: Vera Godoy


A vontade de Deus quer que desapareçam a ambição... a arrogância... a teimosia... o orgulho... e o desejo de controlar os outros.
Que a nossa alma só reflita humildade... simpatia... tolerância... paciência e ternura.
A vontade de Deus quer que deixemos o passado para trás e nos tornemos mais abrangentes no contato com as pessoas, compreendendo-as e tornando-nos verdadeiros servidores.
A vontade de Deus quer que nos ocupemos em dar o passo seguinte no serviço, sem o desejo de colher os frutos do passado.
A vontade de Deus quer que fechemos nossos ouvidos a todas as vozes exteriores e ouçamos nossa própria voz interior.
A vontade de Deus quer que superemos nossa covardia e passemos a enfrentar as situações desarmoniosas e dificuldades utilizando ações muito mais elevadas para parar de fugir delas.
A vontade de Deus quer que eliminemos todo o fascínio por trilhar o caminho espiritual, o fascínio egoístico pelo poder... o fascínio que inclui a vaidade e o fanatismo que destroem todo serviço prestado.
A vontade de Deus quer que olhemos a humanidade como um todo e que não existam mais véus entre Deus e o homem.

Invocação:

Invocamos a vontade de Deus da presença universal eu sou dentro dos corpos físico, emocional, espiritual e mental.
Permita que o desejo inerente para fazer a vontade de Deus se expanda através de todo ser não ascensionado.
Permita que a alegria seja a recompensa de tal serviço e se expanda através das auras.
Permita que a mente externa de cada um aceite que a vontade de Deus é a plenitude de tudo o que é bom e das experiências perfeitas.
Nós aceitamos a presença da vontade de Deus.


Conheça o curso intensive “ALINHAMENTO DA PERSONALIDADE ATRAVÉS DA ENERGIA DOS RAIOS”, clicando aqui
ok
Publicado dia 18/1/2007
  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 381



foto-autor
Autor: Vera Godoy   
O Núcleo EL MORYA oferece Cursos, Vivências e Terapias. ATENDIMENTOS INDIVIDUAIS. Cadastramento com autorização. E-mails: contato@veragodoy.com Fone:11-2366-1104
E-mail: contato@veragodoy.com | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa