auravide auravide

A RADIESTESIA E RADIÔNICA

por Maria Goret Xavier

Publicado dia 18/9/2008 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


As primeiras energias conhecidas foram a térmica e a acústica, desde o ventre materno. Logo o homem as reproduziu e as controlou iniciando sua evolução.

Vivemos num mundo energético, somos também energia. Energia não se cria, nem se destrói, se transforma. Um exemplo é a energia hidráulica que se transforma em energia elétrica que, por sua vez, se transforma em energia térmica e energia mecânica.

Assim como essas energias são conhecidas, existem outras formas de energias mais sutis que o homem moderno não aprendeu a identificar, mas nem por isso deixa de ser afetado por elas. Toda matéria parece possuir uma inteligência inata que se manifesta sob a forma de uma percepção primária acerca do que é bom ou ruim para sua estrutura. Parece-nos que os seres humanos têm desenvolvido essa capacidade até o mais alto nível, mas não se acham conscientes dela na maior parte do tempo; ignoram essa sensibilidade e desconhecem o que se passa nos outros níveis de consciência.

Muitas vezes estamos em determinados lugares e sentimos uma sensação de desconforto. Sentimo-nos irritados, inquietos, mas não damos importância e continuamos no mesmo lugar. Essa reação é, com certeza, um sinal dizendo que a atmosfera e a energia local não são favoráveis.

A radiestesia é a ciência que detecta a energia das coisas, pessoas e lugares. No século dezoito era denominada por rabdomancia (rhabdos, vara; mancia, prática de adivinhação). O termo radiestesia surgiu em 1890 através dos abades franceses Bouly e Mermet. Basicamente falando, a radiestesia, é o uso de um pêndulo para fazer leituras do subconsciente. Podemos dizer que Radiestesia é a ciência que estuda a interligação vibracional das coisas e a forma de representar graficamente essa ligação invisível.

O Radiestesista utiliza um instrumento designado pêndulo, composto por um objeto de madeira, cristal, metal ou outro material preso a um fio e perfeitamente balanceado; o radiestesista vale-se de gráficos escalares para mensurar as respostas que recebe do subconsciente do operador (radiestesista); dessa forma a verificação de informações pode ser feita à distância ou pessoalmente.

São amplamente divulgados os resultados obtidos por mateiros que descobrem água e outras substâncias alojadas no subsolo com a ajuda de uma forquilha de galho de árvore. Também são conhecidos relatos de radiestesistas que localizaram pessoas perdidas apenas com a utilização de um mapa e um pêndulo.

Radiônica é uma ciência que cuida do equilíbrio e gerenciamento energético, captando e enviando energias específicas, através de gráficos e máquinas específicas para esse trabalho.

Maria Goret Xavier

Texto revisado por Cris

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 4

Sobre o Autor: Maria Goret Xavier   
Psicóloga Psicóloga Clínica Pós- graduanda em Psicossomática. Pós-graduada em Psicopedagogia. Cursos de Especialização em Programação Neurolingüística, Gestalt-terapia, Bioenergética. Taróloga, Runóloga, Radiestesista; Trabalho com a Mesa radiônica; Mestra de Reiki
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa