auravide auravide

Amor perfeito



Vamos ao fundo do coração procurar um amor perfeito. Imagine este amor livre, e que só existe em um estado de perfeita harmonia.

O amor com quem você vive, ou espera viver, tem que ser perfeito. Mas como seria esse amor? Você quer um amor que faça seu coração bater mais forte, que o sangue circule mais rápido, que o abraço seja um cobertor de segurança e paz? Que o beijo seja o toque carinhoso que desperta emoções transmitindo o sabor do desejo de ir mais longe, de sentir o prazer de se perder no tempo?

O seu amado tem que amá-lo do jeito que você é, ou não é amor. Mas você tem que procurar saber do que ele precisa e o que você quer dele. Saber quais as necessidades do seu coração, da sua mente e do seu corpo. Você também precisa descobrir o que é melhor para você.

Você também terá que se aceitar e amar a si mesmo do jeito que você é. E também, se o seu coração escolheu um amor, não tente mudá-lo em nada. Ele tem o direito de ser livre.

Para formar um par perfeito, um tem que se moldar ao outro, sem intervir no jeito de ser. Se um dos dois amores tiver uma crise emocional, o outro o deixará em paz, podendo ajudá-lo, mas respeitando o seu momento. Isso permite que cada um seja o que é. Se um deseja mudar o outro, que seja pelos exemplos e não impondo mudanças com pedidos ou gritos.

O importante é procurar fazer o seu amado feliz. Uma vez contaminado com a sua felicidade, entra a magia do amor perfeito. Ele também tem que procurar fazê-lo feliz. Quando os dois têm vontade de realizar os desejos um do outro, o Universo fala aos corações em explosões de prazer e iluminadas emoções.

Um torcerá para que o outro consiga lutar pelos seus sonhos, e quando o sonho de um for igual ao do outro fica muito mais fácil para conduzir a sua realização. Para que ambos sejam felizes, cada um terá que manter o seu lado perfeito. Cure o seu lado e será feliz. Se conseguir isso, estará pronto para compartilhar a vida com seu amor, sem medo, sem dependência. Porém, nunca se esqueça de que pode curar apenas a sua metade.

Em cada beijo, em cada abraço, em cada olhar, em cada toque, um sente que está presente, vivendo o momento em total entrega, para dar felicidade ao outro, sem esperar nada em troca. Isso tem mais a ver com companheirismo do que com sexo. Mas o sexo também se torna maravilhoso, algo completamente diferente, transforma-se numa comunhão, numa entrega completa, numa dança, numa arte. Uma suprema expressão de beleza que faz nascer milhares de novas estrelas dentro do nosso Universo interior.

BNN

Texto revisado
Publicado dia 11/7/2007
  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 370



foto-autor
Autor: Bernardino Nilton Nascimento   
"Não seja um investigador de defeitos, seja um descobridor de virtudes"./ "Quando a ansiedade assume a frente, as soluções vão para o final da fila"./ "Quando os ventos do Universo resolve soprar a favor, até os erros dão certo". BNN
E-mail: bernardinogga@gmail.com | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa