auravide auravide

COMO SAIR DAS CRISES

por Weber Malcher

Publicado dia 9/10/2008 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Este é o meu primeiro artigo para o Clube STUM

Na semana passada orientava um cliente que tem duas quadraturas em sua Carta Natal: uma de Urano com Mercúrio e a outra de Plutão com a Lua.

O que é uma quadratura em linguagem astrológica? É um ângulo de 90º que planetas fazem em suas órbitas. As construções do mundo moderno - casas, prédios, hospitais, etc. - formam quadraturas. Um canto de uma sala ou de um quarto formam quadraturas (ângulos de 90º graus). Nesses cantos a energia fica parada, estagnada, não circula.

Quadraturas são obstáculos a serem enfrentados, mas também são desafios com os quais nos deparamos em nossas vidas. Elas nos alertam sobre quais os padrões vibracionais que nossa Alma deseja mudar. As tabas (casas dos índios), as mesquitas e as cúpulas das catedrais têm a forma circular, por onde a energia flui livremente, sem obstáculos.

Pois bem, esse cliente - ele permitiu que divulgasse a interpretação de sua Carta Natal, desde que não mencionasse seu nome, é claro - manipula emocionalmente as pessoas - quadratura da Lua com Plutão - e impõe suas próprias regras no trabalho e no lar - quadratura de Mercúrio com Urano. Vale lembrar que, no momento presente, o planeta Urano (em Peixes) está fazendo oposição a Saturno (em Virgem), o que está causando toda essa turbulência econômica no mundo. Karma? Crise financeira ou de valores? No meu entender, a crise não é nas exatas, mas nas humanas. Tem o efeito “dominó”, as perspectivas são incertas, não se sabe como vai ficar.

Aprendi com astrólogos indianos que existem três grupos de karma:
1. Pralab karma é considerado o destino, o karma que deve ser enfrentado no agora, na vida atual.
2. Kriyaman karma é aquele que criamos no agora, cujo efeito teremos que enfrentar mais tarde. O processo básico para evitar a criação de karma no presente é refrear os desejos, cultivar a pureza de espírito, ter uma atitude de desprendimento nas tarefas diárias e praticar os valores humanos, que tanto se fazem ausentes na humanidade.
3. Sinchit karma é a reserva de karma que acumulamos durante inúmeras vidas, mas que não está em atividade nesta encarnação. Sabem por quê? Porque seríamos simplesmente soterrados fisica e emocionalmente. O Sinchit karma simplesmente não vem revelado no horóscopo individual.

Saturno revela o karma imediato a ser trabalhado (na Casa 2 do Brasil, um carma relativo a dinheiro, a bens materiais,  a posses), mas também revela a melhor maneira de saldarmos essa dívida kármica. Saturno é o planeta da responsabilidade, da disciplina e da generosidade, enquanto Urano, que rege o signo de Aquário, é o planeta da solidariedade humana, da confraternização universal.

O importante é que a Carta Natal sempre indica um caminho, uma maneira de sair do karma, porquanto não há culpa que não possa ser resolvida. "Como, então, sair da quadradura?" – Perguntou o meu cliente.

"Pela diagonal", respondi. Usei essa metáfora, mas explico o seu significado. Imagine 4 embarcações navegando num rio, formando um quadrado: dois na frente e dois atrás, um atrás do outro formando um quadrado. O barco da frente do lado esquerdo faz maresia para o barco que vai atrás, que pode até naufragar se as ondas forem fortes. O barco do lado direito, por sua vez, também faz maresia para o barco detrás, que sente a turbulência das ondas. Se você traçar uma diagonal entre o barco da esquerda que vai à frente com o barco que vai atrás do lado direito, você forma dois triângulos. Ora, os triângulos sempre são indicadores de soluções para os obstáculos. É fácil!

Acredite, na Carta Natal está a chave para a resolução dos nossos problemas. No caso do meu cliente, a saída dos seus problemas residia na solidariedade e na prática de alguns dos valores humanos, enfrentando os desafios com coragem, ousadia e determinação - uma linha azul no signo de Áries e um bom aspecto em Aquário.


O questionamento é, amigo internauta, colega do Somos Todos Um, você é refém das quadraturas? Aguarde novos comentários de como vencer a crise individual, como libertar-se das quadraturas e viver o seu propósito.

Abraços e Paz Profunda!

Se você gostou deste artigo, faça seu comentário.

Wéber Malchér

Escritor, membro da União Brasileira de Escritores – Seção Amazonas, Membro da Ordem Rosacruz (Amorc), Palestrante, Astrólogo, Numerólogo, Estudante de Cabala, Pesquisador das Ciências Herméticas. Autor de três livros, artigos publicados nos jornais locais, entrevistas em rádio e tv, Portal Amazônia, Amazon Sat (Manaus).

."mailto:[email protected]">[email protected]

Texto revisado por ."mailto:[email protected]">Cris

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 6

foto-autor
Sobre o Autor: Weber Malcher   
Escritor, membro da União Brasileira de Escritores (UBE-AM), membro da Ordem Rosacruz- Amorc- Reikiano; formação em Astrologia Tradicional e Kármica, Numerologia, Palestrante (temas místicos, culturais e filosóficos). (92)9.94494979 WhatsApp
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Qual é a sua ambição?
artigo Porque estamos novamente falando da Era de Aquário?
artigo O Universo num Corpo Humano
artigo A noite escura, de são joão da cruz

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa