auravide auravide

Como ser romântico sem ser piegas?



Seg, 13 Ago, 05h28
Por Yahoo! Notícias


"Ser romântico ou piegas está mais ligado à ótica pessoal do que a regras propriamente ditas. O limite é você quem determina, embora sempre exista o bom senso. Nos relacionamentos em geral, não existe um código que dite regras na hora de expressar o que se sente. Ser piegas ou romântico, portanto, está muito mais ligado à ótica do outro em termos de críticas ou julgamentos, do que na própria expressão da pessoa.

É como ser chique ou brega, sempre irá depender da ótica de cada um. Porque, em termos da harmonia interna, o que parece romântico para um, pode ser piegas para o outro.

No entanto, se houver exagero na necessidade de expressar o sentimento e se isso for feito das maneiras mais explicítas possíveis, o fator desencadeador dessa necessidade precisa ser analisado. Pode ser carência ou insegurança. Por isso, independente da crítica alheia, é fundamental ter um autoconhecimento que ajude a pôr em prática o que cada um é, sem medo de ser feliz.

De acordo com a Academia Mental, em São Paulo, a carência nos relacionamentos se traduz, eventualmente, por uma falta de confiança em si mesmo. Com isso, há uma tentativa exagerada de agradar ao outro. A Academia Mental é uma instituição que estuda o comportamento psicológico da mente humana, por meio do autoconhecimento.

Formada por três psicólogas, Adriana Spaulonci Politi, Sandra Soares Ribeiro e Walkiria Rovai, a academia tem por objetivo facilitar às pessoas o acesso a novos referenciais de relacionamentos consigo mesmas e com o mundo, possibilitando com isso reconhecer seus próprios recursos e capacidades, para poder estar inteira nas relações. Desta forma, as escolhas pessoais são feitas de maneira mais harmoniosa.

As psicólogas da Academia explicam que não existem regras nas relações românticas, do que é certo fazer e do que é errado. No entanto, há uma diferença em querer expressar o que se sente a querer apenas conquistar a pessoa. No primeiro caso, a idéia é ser você mesmo, mostrar seu lado sentimental de forma saudável. Já no segundo caso, da conquista, há uma necessidade exagerada de querer agradar o outro, o que é perigoso, pois você pode mostrar ser alguém que não é. E os micos acontecem justamente neste segundo caso.

Cada pesssoa tem sua forma de se expressar

Segundo um estudo feito pela Academia Mental, o que precisa ser realmente avaliado em um relacionamento é o que cada um busca com sua própria forma de expressão: se é atender um objetivo dele mesmo ou atender um ideal do outro.

Dentro dos namoros e casamentos as pessoas têm suas próprias formas de expressarem seus sentimentos e, se isto estiver em coerência e harmonia com o que a pessoa é, aí sim é possível que o outro a conheça de fato. Mas, se esta sintonia não está presente e simplesmente há uma necessidade de querer conquistar o outro apenas para agradá-lo, aí não existe relação saudável e, sim, somente uma conquista.

Para a Academia Mental, quando se quer agradar exageradamente alguém, o que existe na prática é uma baixa auto-estima, ou seja, a pessoa não acredita que possa ser aceita. Esta baixa-estima reflete a insegurança e tem que ser tratada. Desde a adolescência, por exemplo, as pessoas estão buscando uma identidade. É por isso que os adolescentes se baseiam muito mais em regras do que é ou não aceito pelo grupo, tanto que acabam não conseguindo confiar naquilo que querem. Esse período é marcado por um código próprio que ajuda os adolescentes a buscarem uma forma de expressão na vida adulta.

Mas, na vida adulta, quando dividimos a vida com outro alguém, não podemos mais ter medo de mostrarmos quem somos e devemos procurar um equilíbrio na hora de expressarmos o que sentimos. Isto impede o chamado "ridículo" ou "pieguice". Afinal, uma maneira exagerada de expressar os sentimentos pode estar relacionada ao medo e à insegurança que as pessoas têm de ser o que são.

Texto revisado por Cris


Publicado dia 15/8/2007

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 33



foto-autor
Autor: Academia Mental   
Consultorio Walkiria Rovai Psicologa CRP /0613624 R Itacolomi 333 cjs 61 e 116 Higienopolis-São Paulo tel. 32588347 cel 991328936
E-mail: academiamental@yahoo.com.br | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa