auravide auravide

É Chegada a Hora



As palavras têm força, mas as fotos, muito mais! Recebi, hoje, pela internet, uma mensagem onde as fotografias mostram o sofrimento causado pela guerra em todos os tempos e, nela, muito pouco ou nada precisou ser escrito. Ela é um grito de desespero de uma humanidade exausta de assistir a tantos descaminhos, a tanta falta de consciência, a tanta maldade... hesito usar esta palavra, mas não há outra!

Precisamos reagir, nós que estamos conscientes de que só o Amor é Vida e de que Deus está em tudo o que existe. Temos que fazer alguma coisa muito especial e maior, nos instantes em que estamos vivendo: cada um no lugar onde vive, com quem se relaciona, precisa agir. Não podemos mais nos omitir diante de fatos horripilantes como os que assistimos acontecer, no nosso próprio país, no nosso Brasil, que sempre foi tido como a pátria de Deus - “Deus é brasileiro” - e que se transforma, a olhos vistos, numa praça de guerra onde a vida já não é mais respeitada, onde o assassinato e a violência fazem parte do cotidiano, de tal forma que não é mais sequer tão comentado; vai ficando comum, banal...

Senhor, o que podemos fazer, neste momento, para reverter este quadro aterrador? Dá-nos a clareza de saber como podemos contribuir para toda esta violência diminuir!

Se o mal está tão escancarado na atualidade - nas páginas dos jornais, no noticiário das revistas e rádios, por todo lado - por que o bem se omite, quieto, calado, como se estivesse temeroso de se mostrar contra tudo isso? O medo não vai nos levar a lugar algum, pois ele é sombrio e está fortalecendo aqueles que se comprazem em ferir, em matar. Se temos o Amor como aliado, é claro que venceremos! De que jeito? Não sei bem. Mas tenho a certeza de que cada um do seu jeito pode - e muito - ajudar. Trabalhando na consciência das pessoas, sempre no sentido de dentro para fora, pois a mudança para ser efetiva acontece aí.

Somos muitos! Podemos influir nos vários ambientes em que vivemos, sim. Sabemos disso e o caminho, cada um, se realmente desejar com o coração, haverá de saber qual é. Seja fazer pouco ou muito, não importa. Precisamos nos concentrar e estabelecer isso como meta pessoal, acima do que é puramente material. Lembrando sempre de que o momento é de urgência e de que o planeta, nossa casa, precisa de todos os trabalhadores de boa vontade.

Lembram a parábola do Filho Pródigo? Ocorreu-me que somos nós aqueles que finalmente desejamos voltar para a casa do Pai e que queremos levar conosco tantos quantos pudermos congregar.

Não é complicado. Uma palavra mais afetuosa aqui, o perdão ali e acolá, uma mão amiga quando está sendo necessário, um telefonema carinhoso e estimulador, um olhar de incentivo... a energia amorosa permeando tudo que fazemos... e ela há de multiplicar nossas pequeninas ações, tornando-as grandes alavancas do verdadeiro progresso. Jesus multiplicou pães e peixes dando-nos o exemplo do que podem fazer a Fé e o Amor. Pequenas ações podem abrir caminho nesta escuridão e ir iluminando o passo de muitos. Vamos nos dar as mãos e caminhar. Certamente a ajuda espiritual não nos faltará.

Que Deus nos ilumine e Jesus guie cada passo daqueles que têm boa vontade nessa nossa caminhada rumo à Luz!

Texto revisado por Cris
Publicado dia 2/3/2007

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 22



foto-autor
Autor: Maria Cristina Tanajura   
Socióloga, terapeuta transpessoal.
E-mail: tinatanajura@terra.com.br | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa