Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Hierarquia: respeito é bom e o sistema gosta!

por Roberto Debski

Publicado dia 16/2/2020 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Segundo Bert Hellinger e a visão das Constelações Familiares Sistêmicas, nos relacionamentos inclusive entre pais e filhos, devemos respeitar a segunda Ordem do Amor, a Hierarquia (a ordem em que as pessoas entram nos sistemas).

Muitos filhos desde pequenos desejam tirar o peso do destino de sua mãe ou de seu pai e, inconscientemente, sentem e agem da seguinte maneira "mãe, (ou pai) antes eu sofra do que você", ou "antes eu morra do que você, querida mãe (ou pai)", pretendendo aliviar o sofrimento daquela (e) a quem mais ama.

Além de não resolver o problema de seus pais, essa postura da criança pode mantê-la durante sua vida adulta como alguém que quer salvar todos assumindo suas cargas e não permitindo que cresçam, evidenciando uma postura infantil.

Assume em suas relações o papel de Salvador no Triângulo Dramático de Karpmann (Salvador, Vítima e Vilão).

Voltando a essa criança, que pode ter sido eu ou você, inconscientemente, ela sente que ajuda seus pais.

Essa postura da criança onipotente só pode ser solucionada quando ela assumir que seus pais são maiores e ela é menor, e sempre será menor mesmo quando for adulta e eles idosos.

Cabe aos pais resolverem suas próprias questões e um filho que pretende ser maior que seus pais lhes tira a dignidade e coloca a si próprio fora de ordem.

É evidente que nesses casos esses pais decretaram e determinaram desde cedo, consciente ou inconscientemente, qual ou quais filhos assumiriam a função de cuidar deles, pois esses mesmos pais, vivendo dinâmicas de dor e traumas infantis, ficaram presos em suas carências e vazios.

Necessitaram que seus filhos assumissem aquilo que não tiveram em suas infâncias, por isso exerceram esse abuso de função.

Pais quando não se prepararam para envelhecer saudavelmente acabarão invariavelmente necessitando de atenção e ajuda.

Ainda assim, os filhos devem se manter na posição de filhos e nunca assumir a função de pais dos pais. A ordem do Amor "Hierarquia" ensina que quem entra antes em um sistema será sempre maior.

Ir contra as leis da Vida só nos traz desequilíbrio e problemas.

Sermos conscientes e agirmos de acordo com as leis sistêmicas da Vida, chamadas ordens do Amor, pode nos encaminhar para um destino mais saudável.

Dr. Roberto Debski
Médico CRM SP 58806
Especialista em Acupuntura e Homeopatia pela Associação Médica Brasileira
Psicólogo CRP/06 84803
Facilitador em Constelações Sistêmicas

Texto Revisado

 

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 25

Sobre o Autor: Roberto Debski   
O Dr. Roberto é médico (CRM SP 58806) especialista em Acupuntura, Homeopatia e tem formação em Medicina Ortomolecular. Também é psicólogo (CRP 06/84803), Coach e Master Trainer em Programação Neuro-Linguistica. Formador e facilitador em Constelações Familiares Sistêmicas Acompanhe nossos próximos eventos! https://www.facebook.com/debskiroberto/
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Cuide da sua energia
artigo O Invisível, visível, 2
artigo Quando as Estrelas Descem Para Dançar no Coração do Homem
artigo O poder do desinteresse

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.








horoscopo



auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa