auravide auravide

Mãos que curam!


Facebook   E-mail   Whatsapp

Tocar, acariciar, massagear... A carícia num bebê, o toque apaixonado dos amantes, dirigir as mãos a uma região dolorida de nosso próprio corpo... atos tão mecânicos e, porque não dizer, instintivos estariam significando algo. Mas o quê?

Você já percebeu como é gostoso um afago quando se está carente ou triste ou mesmo nervoso ou aflito? Comece a dar mais atenção às reações do seu próprio Eu nesses momentos. Você vai perceber o poder do Toque! As mãos! Que doce remédio para nossas dores físicas, morais, dores de amores e tantas outras...

Que magia é essa, a do Toque? Sabemos que desde os primórdios da humanidade as mãos foram usadas para cura de diversos males. Os antigos sabiam muito mais sobre o poder contido nas mãos. Realmente, o Toque tem poder de cura e tantos outros!

E infelizmente estamos perdendo a capacidade de tocar as pessoas mais queridas. Envolvidos com nossos problemas de rotina, com questões moralistas e/ou maliciosas, o toque tornou-se algo um tanto quanto complicado. As pessoas esquecem de se tocar! Falo de coisas simples como um abraço entre pais e filhos, um toque afetuoso nos ombros de nossos amigos, o carinho descompromissado entre marido e mulher...

Quantas coisas estamos perdendo! Estamos carentes de afeto! Está provado que o bebê morreria se não fosse tocado de forma alguma, assim como pesquisas demonstraram que o bebê que recebe maior estimulação através do toque é mais tranqüilo e tem melhores condições de se desenvolver adequadamente do que aqueles que recebem uma quantidade menor de carícias.

O que acontece neste momento mágico do toque? Será que conosco, seres adultos, acontece o mesmo? Já percebeu do que é capaz um carinho?

Questões para se pensar, refletir... sentir! Se tivéssemos o hábito de tocar mais as pessoas queridas, muitos males seriam, sem dúvida, resolvidos! De onde vem essa certeza? Vamos olhar para nossos atos instintivos quando estamos com alguma dor. Já pensaram por que tocamos as regiões doloridas de nosso corpo? Por que temos o impulso de colocarmos nossas mãos no peito quando estamos angustiados, ou na testa quando estamos preocupados, ou no queixo quando pensamos muito? Nosso inconsciente não nos dirige para esses toques por acaso. Há motivos para isso. Motivos esses que alguns povos antigos conseguiram decodificar e foram mais além desenvolvendo as técnicas curativas envolvendo diversos tipos de toques e as utilizaram para curar os males dos seres humanos.

Cada civilização desenvolveu seu próprio meio de "Toque Terapêutico". A arte de massagear o corpo é tão antiga quanto a própria humanidade! Vemos nos variados caminhos que a humanidade já andou muitas histórias de curas através das mãos. E fica claro que nossas mãos têm o poder de curar! Temos essa capacidade! Basta torná-la consciente, seja através do estudo das técnicas de massagem, seja através da intenção e do afeto que conscientemente colocamos ao tocar as pessoas queridas!

Um bom começo seria nos perguntarmos: Que magia é essa contida em nossas próprias mãos? O que posso realmente fazer com elas?

Tania Resende
www.animamundhy.com.br

Texto revisado por Cris

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 12


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Tania Resende   
Eu Sou simplesmente Tania Resende. Maiores informações em: www.animamundhy.com.br
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Autoconhecimento clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa