auravide auravide

Meditação - Uma técnica milenar para a atualidade



Esta técnica sobrevive há séculos e continua fazendo parte da cultura de muitas tradições desde épocas remotas, contribuindo para trazer ao ser humano um conhecimento mais profundo de sua própria natureza.

Podemos citar a China, a Índia e o Egito como o berço desta sabedoria, principalmente quando vemos o ser humano adoecendo e limitando o seu potencial criativo em prol do avanço tecnológico acelerado.

Se por um lado este avanço nos traz inúmeros benefícios promovendo muitas facilidades para o nosso desenvolvimento, por outro lado, o mau uso disto deixa as pessoas mais vulneráveis ao consumismo exagerado.

Quando a meditação é utilizada como uma ferramenta para melhorar a qualidade de vida, sem o vínculo com instituições religiosas ou filosóficas, torna-se uma poderosa aliada para prevenir doenças e viver em equilíbrio num ambiente sobrecarregado de barulhos, tanto internos quanto externos. Contribui para melhorar a concentração e ampliar a consciência, mudando hábitos nocivos por outros construtivos e criativos.

Mas, você pode estar se perguntando: “Como pode a meditação levar a tudo isto? O que ela ensina, afinal?”

Genericamente, podemos entender meditação como uma “pausa” na atividade do nosso cérebro racional, ou seja, um momento de silêncio na mente objetiva e no raciocínio.

Quantas vezes você se permitiu durante o dia fechar os olhos por 5 minutos e apenas observar a sua respiração, sem pensar em mais nada além disso? Ou apenas se permitir observar os seus sentimentos, ou até os seus pensamentos?

No início, muitos relatos nos mostram que este simples exercício parece não ser tão simples assim, pois a mente racional está indomável, totalmente no comando do nosso Ser. Ela não permite que seja controlada, pois criamos o hábito de pensar, pensar e pensar, o tempo todo. Quem sofre de insônia, por exemplo, é dominado completamente pelo cérebro esquerdo, não se entrega e não dorme.

Criar o hábito da meditação leva ao domínio de nossa mente objetiva. Usamos o raciocínio quando queremos e quando precisamos, e o “desligamos” também quando queremos. A mente possui outros atributos que precisam ser explorados, e a meditação permite isto.

Desta forma, nos tornamos pessoas auto-suficientes, começando pela nossa própria cabeça. Ela fica a serviço de Consciência, de nosso querer mais profundo e isto inclui projetos, metas, etc...

A técnica que muitos conhecem (sentar e fechar os olhos) não é a única, mas apenas uma dentre inúmeras que existem. Podemos dizer que há técnicas de meditação indicadas para estados emocionais específicos. Entretanto, todas elas chegarão ao mesmo resultado: O silêncio interior.

Existem as meditações ativas que trabalham intensamente com o corpo. Ativando-se a bioenergia a mente silencia com mais facilidade, principalmente para pessoas que são muitos ativas, ansiosas e não param. Um exemplo é caminhar meditando. Prestar atenção nos movimentos e na respiração, depois sentar-se num lugar tranqüilo e observar o movimento interno do corpo. Num estágio mais avançado pode-se acrescentar alguma visualização neste momento e depois silenciar novamente.

Outras técnicas utilizam apenas a visualização criativa indo buscar na memória imagens de lugares, objetos ou pessoas para receber alguma inspiração ou liberação de bloqueios subconscientes.

Outras utilizam o estado de atenção plena nas atividades do cotidiano como: cozinhar, varrer a casa, nas refeições, estudos, etc... Pode-se aproveitar realmente cada momento e transformá-lo numa meditação.

Se isto puder ser alcançado não ouviremos mais falar em stress emocional, stress no trabalho ou síndromes que atormentam muitas pessoas, pois viver se tornará um prazer.

Tudo que se possa fazer em meditação torna-se uma experiência especial, pois estamos inteiros em cada momento com o nosso melhor potencial e as nossas melhores qualidades; portanto, o resultado será sempre muito compensador.

Na pessoa que medita não ocorre falta de energia e nem excesso, pois tudo está equilibrado, circulando, fluindo. Se há equilíbrio e bem-estar não pode existir doença e as forças da natureza em seu interior podem atuar ao seu favor.

Por isso, atualmente a meditação está sendo considerada a maior descoberta na área da saúde preventiva melhorando a saúde física, emocional e mental.

Mercedes Araez Requena

Texto revisado por: Cris



Publicado dia 25/5/2007

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 3




Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa