auravide auravide

MEU PASSARIM DO PACOTI



(para Joseph E de Sousa
22/07/1921 - 1º/02/2007)


Hoje abri minha janela
e um lindo canto eu ouvi.
No galho da goiabeira,
com trejeitos e chilreios
faziam coro, felizes,
um sabiá e um bem-te-vi.

Lembrei de um canto distante
que ainda me chega aqui,
com amor e com beleza.
Lembrei saudosa de ti.
Do teu melodioso trinado,
Meu "Passarim do Pacoti"!

"O pássaro não canta porque espera aplauso.
Canta porque tem uma canção".
Joseph de Sousa

Texto revisado por: Cris




Publicado dia 5/3/2007

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 13




Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa