auravide auravide

Na chegada da maturidade nada se perde



Há muitas coisas difíceis de se lidar quando chega a maturidade: o sentimento de arrependimento quanto ao que deixamos de fazer, os desejos não realizados, as conquistas que não alcançamos por medo, insegurança ou qualquer outro motivo.

Muitos dos nossos arrependimentos vêm da falta de atitude. Deixamos de tomá-la na hora certa, por falta de autoconfiança ou por termos deixado de aproveitar as grandes oportunidades que a vida nos presenteou e nos presenteia no dia a dia.

É difícil esquecer a juventude, uma fase eletrizante e cheia de tentativas. Nessa fase, ainda não estamos prontos, logo, é natural que nos deixemos dominar pela insegurança. Quando jovens, o nosso rumo profissional ainda não está claramente traçado e as paixões rondam os nossos corações.

Na maturidade, tudo pode acontecer com um sabor melhor. Deixamos as paixões pra trás e vivemos romanticamente, como também trazemos as nossas experiências para o momento presente.

A cobrança e o excesso de rigor com a própria idade não nos facilitará em nada a recuperação do tempo perdido. É importante termos a consciência de onde poderíamos ter ousado mais, termos sido mais persistentes e eficientes na busca dos sonhos. Porém, na maturidade os sonhos não se acabam, os desejos têm que ser renovados, e a cada instante a persistência tem que estar presente.

Nunca é tarde para renovarmos os nossos antigos hábitos e vivermos no mundo do agora, no tempo presente. Viveremos na casa dos jovens, onde impera o hoje, só que com muito mais sabedoria e experiência.

Na vida, temos sempre que ter novos projetos, novos sonhos, novos desejos e renovadas esperanças. Já passamos coisas difíceis e até coisas que achávamos impossíveis de serem realizadas. No entanto, sempre haverá novos planos a serem traçados que poderão proporcionar o bom e velho sentimento de realização e inéditas alegrias.

Temos que continuar vivendo com o sentimento de que tudo será possível, e não podemos perder a chance de redescobrir, em nós mesmos, potenciais que estavam apenas adormecidos, esperando uma nova chance para se manifestarem. Temos que fazer uma retrospectiva permanente dos nossos sonhos da juventude e descobrir quais deles ainda podem ser vividos. Para isso, temos que buscar, dentro de nós mesmos, uma força que possa nos ajudar a acordar a nossa motivação.

Vamos nos permitir tentar, quantas vezes forem necessárias, buscar desejos antigos. Só que agora com mais segurança e consciência. Se isso for te fazer feliz, vá à luta. A segurança e a auto-estima são atributos vitais, tanto para a juventude, como para os adultos.

Se transcendermos a idade e reacendermos a chama do amor próprio, teremos a certeza de que hoje podemos ser melhores do que ontem, e assim, assumiremos o desafio de expressar nossos verdadeiros sentimentos, sem medo do peso da idade. Se trouxermos do fundo do nosso coração a força da juventude e a calejada experiência da maturidade , as nossas realizações virão naturalmente. Nunca será tarde realizarmos alguma coisa em prol do próximo e de nós mesmos.

Nossas energias não estão no corpo, e sim em nossos sentimentos. Devemos concentrar nossos objetivos no servir, e mais do que nunca, servir a nós mesmos. Na maturidade, quando nos sentimos mais saudosistas e muitas vezes solitários, devemos nos fazer companhia, meditar, falar com nosso coração, renovar as nossas emoções. Certamente surgirão novos talentos dentro de nós que os jovens vão admirar e nos aceitar como jovens que somos, porque na maturidade nada se perde, e porque somos a soma do tempo da juventude de hoje. Podemos começar o dia olhando para cima, afinal, o tempo já nos faz enxergar o próximo passo das lições aprendidas pela vida.

BNN

Texto revisado
Publicado dia 4/8/2007
  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 243



foto-autor
Autor: Bernardino Nilton Nascimento   
"Não seja um investigador de defeitos, seja um descobridor de virtudes"./ "Quando a ansiedade assume a frente, as soluções vão para o final da fila"./ "Quando os ventos do Universo resolve soprar a favor, até os erros dão certo". BNN
E-mail: bernardinogga@gmail.com | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa