auravide auravide

No quintal do teu coração



Rosana Braga escreveu uma bela crônica onde ela fala da necessidade de não se punir durante toda a sua vida, não se sentir refém de nada e de ninguém. Na maior parte dos relacionamentos atuais as histórias se parecem tanto! O ciúme é sempre um ruim conselheiro e, geralmente, sem razão nenhuma!

A brevidade da vida nem sempre é lembrada; esquecemos que somos seres humanos, com tempo de vir e de ir e isso é a única certeza que temos, então por que não viver bem os momentos que podemos compartilhar juntos?

Dia desses vi na televisão o caso de uma mulher que desejando encantar seu marido, adquiriu lingerie nova, com estampa bem viva. Tinha certeza de que seu marido ia adorar. Mas houve um contratempo, uma leve discussão, e ela murchou na sua intenção de amar e ser amada. Guardou as peças.

No dia seguinte, deixou o corpo num grave acidente de carro. A imagem dele era triste, quando olhando as roupas da mulher que falecera, encontrou aquela lingerie tão linda e sedutora.

Há um ditado antigo, muito conhecido que diz: não deixe para amanhã o que se pode fazer hoje. E eu gosto muito daquela música que fala de tantas coisas que eu podia ter feito e não fiz; das pessoas que eu desejei amar e não amei; das aventuras que eu tanto quis realizar e não tive coragem de fazer.

Faça hoje, enquanto é tempo. Busque sua felicidade, não se algeme nessas razões que sua mente e seu orgulho teimam em transformar em pedras, impedindo suas mãos de tocar a criatura que convive com você, dia a dia. Olhe este filho que está ao seu lado, perdoe suas birras, suas más companhias e abençoe nele as virtudes que estão na sua alma. Até quando ele estará ao seu lado?

Hoje, você está no quintal do seu coração procurando um lenitivo para suas dores e solidão. Mas observe quantas criaturas passaram em sua vida e você não se deu conta; volte para dentro de si mesmo, entre em seu Universo e desvende os tesouros que você já conquistou, reparta com os amigos.

Dê um presente para si mesma, cante pela rua, ande saltitante, permitindo que as pessoas vejam em você uma louca, uma visionária. Eles não sabem o que dizem e nem imaginam o quanto você é feliz, por viver. Quando sair de casa para comprar um pão na padaria, tome banho, vista uma roupa linda, apresente-se para a vida, para o mundo com seu encanto. Arrume-se para você.

Uma amiga me diz que quando a solidão aumenta e o seu coração está aos gritos, ela conversa com suas plantas, derrama suas lágrimas sobre elas. É loucura? Não para ela.

Afinal, as plantas sentem. Neste ser que surgiu de uma semente e que rasgou o solo para viver está um ser espiritual rudimentar, mas que é divino na sua essência. Quando vem à sua mente uma inspiração muito linda, ela vai até a plantinha e sopra nas suas folhas os seus poemas.

Aquelas palavras saindo do seu coração estarão gravadas no Universo. E, se em algum lugar do Planeta Terra, alguém estiver sentado sozinho, no quintal de sua casa, olhando as estrelas, com certeza vai ler e sentirá em seu coração o toque suave dessa mulher que está com o cheiro da poesia em seu corpo e alma.

Eu já falei em outro artigo do Cheiro da Infidelidade. Pois é, você pode irradiar pela atmosfera o perfume da sua alma. Os poetas e todas as criaturas que escrevem poesias têm este perfume. Faça com que as pessoas pensem que Deus, quando a estava criando, deixou derramar perfume em sua alma enquanto abençoava sua volta para a Terra. Quem sabe...

Mas se você não tem plantas e lê este artigo pode ter a coragem de soletrar poemas de luz, nas noites cálidas, quando insone você solta os cabelos e vai para a varanda olhar a doce lua.

Alguém em algum lugar do Universo há de te dizer ao coração: "Plaisir de te lire" - "prazer em te ler".

É isso que meu coração diz para estas criaturas que escrevem cartas, contam suas histórias, desnudando suas almas.

Outro dia, para uma pessoa que sentia muita solidão eu disse: Olha, minha amiga, escreva cartas para Deus. Conte para ELE suas dores e sonhos. Ou será que ele não tem ouvidos para você?

Ela atendeu minha sugestão e hoje está de bem com a vida. Escreve e fala com Deus, soletrando pequenas frases para suas plantas; dedilhando com carinho as cordas do coração de seu cão, enquanto pronuncia um poema qualquer... Ou ainda escrevendo com a imaginação páginas de amor para a criatura que ao seu lado, dorme, desligado de seus projetos e sonhos.
É mais feliz que antes... e da varanda de seu Universo, ela acena para a lua que fica ali, toda meiga, flertando com o seu coração.

Texto revisado por: Cris
Publicado dia 15/8/2007

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 389



foto-autor
Autor: Wilson Francisco   
Terapeuta Holístico. Desenvolve processo que faz a Leitura da Alma; Toque Quântico para dar qualidade à circulação e aos campos vibracionais; Purificação do Tronco Familiar e Cura de Antepassados para Resgatar, Atualizar e Realizar o Ser Divino que há em você. Agendar pelo WhatsApp 011 - 959224182 ou pelo email wilson153@gmail.com
E-mail: wilson153@gmail.com | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa