Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Nossas expectativas e certezas

por Rodrigo Durante
Nossas expectativas e certezas

Publicado dia 5/8/2020 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Nossas expectativas e certezas envolvem mentalidades, crenças sobre crenças que estruturamos de forma a provar nossas próprias teorias, motivadas por emoções que armazenamos dentro de nós. Assim, podemos ter expectativas ou certezas positivas ou negativas sobre algum acontecimento futuro ou sobre a vida, mas sempre serão apenas construções mentais tão tendenciosas e volúveis quanto nossas oscilações emocionais determinarem.

A única diferença entre a expectativa e a certeza é que na expectativa ainda existe dúvida. Quando temos certeza, a ideia de algo nos parece tão concreta quanto a própria coisa manifesta, seja nosso pensamento correto ou não. Dúvida então é a certeza de que algo pode não estar correto ou não dar certo.

Dentro de nossas estruturações mentais, podemos dizer que as expectativas são um circuito aberto, enquanto as certezas são um circuito fechado. Enquanto expectativa, ainda consideramos mais possibilidades, já quando certeza, nos apoiamos em um único resultado como forma de autovalidação.

Tanto expectativa quanto certeza são apenas mecanismos do nosso ego, formas de lidarmos com algumas situações e funcionarmos na vida. Porém, diferente da expectativa, a certeza tem uma origem Divina, embora enquanto nos basearmos em crenças e emoções para justificá-la, sempre estaremos sujeitos ao erro. Ter uma origem Divina significa que ela também existe em níveis acima do nosso ego, acima das nossas construções mentais e emocionais na dualidade. É através da certeza, do pensamento focado que o Divino realiza suas Criações. Assim, mesmo quando certos de algo, qualquer resultado pode acontecer. Se esta certeza e a intenção por trás dela não estão fundamentadas na Verdade Divina, ainda estamos sujeitos ao erro, à decepção, a termos nossos desejos frustrados. Agora, se nossa certeza, nossa intenção e foco do nosso pensamento estão alinhados com a Verdade Divina ou com a descarga kármica do momento, a Criação se manifesta.

Ao contrário do que imaginamos, não são necessários argumentos para termos certeza. Não precisamos convencer nosso mental e emocional para Criarmos em alinhamento Divino. Nossa mentalidade, porém, pode interferir nesta criação. Assim, sem sabermos de onde vem esta imaginação ou intenção Divina anterior ao mental, podemos entender que Criar em pureza e perfeição não é para qualquer um. O que vivemos aqui na Terra é a pura manifestação dos nossos karmas, dos desequilíbrios que acabamos criando ao tentarmos fazer as coisas da nossa maneira enquanto egos, carentes, vazios, sem reconhecer o Divino em tudo o que há. O sofrimento que causamos a nós mesmos através dos nossos julgamentos e comparações alimentou nossa ganância por mais e mais recursos exteriores, consumindo distrações para aliviar nossas dores que, funcionando nesta mentalidade e comportamento, nunca acabarão.

A alma já é realizada. É o ego que é o não-ser, uma construção mental que sobrepôs-se à alma, é vazio de vida e busca preencher-se com imaginação e intelecto. Sempre incompleto, faminto de emoções e sedento por explicações, busca seu preenchimento no mundo exterior, através de expectativas e certezas quanto aquilo que quer e que precisa, nunca cedendo à verdade interior que o libertará.

Aqui, todas as nossas reações emocionais são kármicas. Até os próprios desejos que alimentamos, sejam considerados bons ou ruins, são karmas. Estamos constantemente descarregando karmas, nos limpando dos desequilíbrios energéticos que trazemos em nós. Assim, seja vivendo a fartura ou a escassez, tendo nossas expectativas satisfeitas ou não, a ilusão estará sempre presente, as distrações exteriores sempre nos afastando da consciência do Divino em nós. Não há nada fora que vai verdadeiramente transformar a nossa vida, apenas dentro.

Tendo certeza do Divino que somos, aos poucos nos desapegamos das expectativas de como a vida deveria acontecer, nos entregando mais facilmente ao momento presente e nos aproximando em consciência do ser, nos desidentificando do ego e nos abrindo para desfrutarmos da perfeição em tudo o que há!

Em Paz, 
Rodrigo Durante.


Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1

Sobre o Autor: Rodrigo Durante   
Aprendendo a ser feliz e compartilhando tudo o que me faz bem! Atendimentos e workshops.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Transcomunicação Instrumental
artigo A liberdade de ser
artigo Você sabe quais os benefícios de um atendimento de radiônica?
artigo Do Oran Mor aos corações apaixonados pela Luz

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa