auravide auravide

Pai

por Lia Frámco

Publicado dia 10/1/2008 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Pai,
Que hoje eu possa saber fazer silêncio!

Que os maus pensamentos se calem
E que os meus ouvidos sejam surdos
Para más palavras e maledicências.

Que os meus olhos possam apenas enxergar o bem
Em todas as coisas por pior que elas pareçam.

Que o meu ego se emudeça e se afaste
De julgamentos e condenações.

Que a minha alma se expanda e tenha compaixão
Por todos os seres vivos.

Que em meu silêncio eu veja que há tempo
Para fazer preces pelos que já se foram.

Que eu consiga perceber cada recado Teu
Através das Tuas criações.

Que eu compreenda que a Tua voz é a única que me
Sopra a verdade nas 24 horas dos meus dias.

Que eu ouça em cada minúsculo ser
A grandeza da Tua obra.

Que eu perceba nessa Grandeza o quanto
És desprovido de orgulho.

Pai,
Que hoje eu possa saber fazer silêncio!

Que eu saiba calar na hora exata
E nessa hora lembrar-me de observar
Que na música da vida
Só prevalece a Tua arte...

E que em meio a qualquer som
Tu sempre soarás mais alto
E jamais hás de calar-Te.

Amém.

Texto revisado por Cris

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 3

foto-autor
Autor: Lia Frámco   
Visite o Site do autor e leia mais artigos..   


Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa