auravide auravide

Para onde o levam os seus desejos?

por Vicente Godinho

Publicado dia 27/3/2008 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


A vida é um eterno querer. É impossível nos imaginar sem nenhuma vontade nem aspirações. Já pensou que essas buscas podem revelar muito sobre o sentido da sua vida?

O que estou fazendo aqui? O que a vida espera de mim? Certamente em algum momento de sua caminhada você já deve ter feito estas e outras perguntas a si mesmo. Talvez ainda não tenha encontrado uma resposta que seja satisfatória, talvez nem nunca a encontre completamente. A beleza e a mágica da vida está exatamente nisso: no mistério.

Seria confortável ou tudo faria mais sentido se pudéssemos, pelo menos, compreender um pouco do "fio da meada" da vida. Descobrir qual é meu encaixe nessa roda viva, se faz diferença ou não as escolhas que faço nesse percurso. Pois bem, existe sim uma forma de compreender a marcha e seguir em frente. Basta prestar atenção aos seus desejos, sim, suas vontades e aspirações podem revelar muito sobre o que a vida espera de você.

Nossos desejos nascem em nosso mais íntimo, lugar onde dificilmente temos muito acesso. Por isso, quando paramos um pouco e observamos esses nossos anseios, temos contato com nosso mundo interior, onde se esconde o segredo da nossa vida. É como se observássemos os ventos. Com um pouco de experiência podemos afirmar várias coisas: se vai mudar o tempo, se vai chover, etc.

Para onde o levam os seus desejos? De onde vem o "vento" que empurra você na vida? Às vezes, é sensato dar atenção a vontades recorrentes que nos acompanham por longo tempo. Quantas coisas deixamos para trás acreditando que era impossível, difícil, inviável?

Mas mesmo assim esses pensamentos insistem em voltar. É como uma voz nos chamando à razão, às nossas "responsabilidades" cósmicas. O universo nos incumbe algumas tarefas das quais, se quisermos estar em harmonia com o fluxo da vida, não temos como escapar. Existem determinadas coisas que só cabem a você realizar e concretizar. Como muita coisa poderia ser diferente, o quanto o mundo poderia melhorar se você fizesse a sua parte!

A maneira como você pensa o mundo, por exemplo, pode fazer a diferença; o seu jeito criativo de ver e encarar a vida pode somar e contribuir muito para a solução de vários problemas. Confie naqueles seus projetos, idéias, ideais. Eles são anseios da sua alma, é a sua oportunidade de participar, de contribuir com seu diferencial ao universo. Quando estamos realmente dispostos e começamos a fazer a nossa parte, o universo faz a parte dele.

Pode ser que um dia ao acordar tudo pareça fazer sentido, todas as peças se encaixem perfeitamente e você sinta aquela sensação boa de que está tudo certo.

Vicente Godinho
Terapeuta corporal e Naturopata.
Atendimentos, cursos, vivências.
Visite meu Blog

Texto revisado por: Cris


Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 3

Sobre o Autor: Vicente Godinho   
VICENTE GODINHO é Terapeuta corporal e naturopata, trabalha a partir de uma abordagem psicoespiritual, focado na filosofia oriental e no Xamanismo. Seu trabalho propõe facilitar nosso processo de autoconhecimento e transformação interior para que possamos viver a partir da nossa essência divina. Contato:[email protected]
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa