auravide auravide

PARA SEMPRE, JOSEPH



Um anjo te roubou de mim;
partiste para a eternidade.
Recordar tua voz tão doce
é bálsamo sagrado,
alívio da minha saudade.
Tudo, tua presença amada
sem pedir licença, invade.
Sinto-te, agora, em mim
e na lágrima da chuva chorando
sobre o silêncio noturno da cidade.

Texto revisado por: Cris
Publicado dia 5/11/2007

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 5




Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa