auravide auravide

PROPAGAR O BEM NÃO DÁ IBOPE

por Silvana Giudice

Publicado dia 27/8/2008 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Estava pensando outro dia sobre as informações que nos chegam diariamente através da TV, rádio e jornais.
Por que tanto destaque às notícias de crime, guerra, violência, tráfico?
Os noticiários insistem nas notícias que nos deprimem, nos sensibilizam e, principalmente, nos amedrontam, tornando os nossos dias mais preocupantes, estressantes e, porque não dizer, para alguns até paralisantes?

Eu acredito que a depressão, a síndrome do pânico que acomete um grande número de pessoas, tem o "mal que é informado", pela mídia, como um grande colaborador.
O medo da doença, do desemprego, de sofrer acidentes, de ser assaltado são reforçados pelas imagens violentas que chegam até nós diariamente.
Não basta dar a notícia! Eles informam, comentam, massacram, repercutem...
Um verdadeiro espetáculo de insensibilidade!
Mas dá IBOPE!

Se pensarmos bem, estes veículos de comunicação, formadores de opinião, poderiam ocupar seus espaços com assuntos relevantes, com conteúdo, dignos de apreço.
Entretanto, as tardes televisivas giram em torno do artista que se separou de fulana e agora circula com beltrana.
Do pagodeiro que não pagou pensão alimentícia...
A TV passa da desinformação da investigação de paternidade de famosos, a longas horas com "mulheres" laranja, abacaxi, melão, etc... Uma verdadeira salada de frutas.

Bem, você poderá estar se perguntando: - o que eu tenho que ver com isso, se não posso mudar o noticiário?
Sim, mas depende de nós filtrarmos o que deixamos entrar em nossa casa.
Podemos não perceber, mas estas imagens ficam gravadas no nosso subconsciente, principalmente antes de dormir.

Ao invés de darmos IBOPE a esse baixo tipo de informação, podemos nos programar para usarmos a nossa criatividade.
A TV a cabo ainda oferece algumas boas opções, mas quem não tem poderá encontrar outras atividades interessantes como: ler, escrever, meditar, relaxar, pintar, formar grupos de estudos, orar por esses que são os protagonistas destas tristes notícias...
Enfim, podemos até resgatar velhos hábitos, talentos adormecidos. Quem sabe, não temos aí uma chance de nos tornarmos mais cúmplices, mais afetivos e mais presentes e ouvintes na vida daqueles que amamos, perguntando e querendo sinceramente saber como foi o seu dia?
Não existe só coisa ruim neste mundo. Existe muita coisa boa, muita gente boa.
Vamos comentar, falar e passar adiante somente as boas notícias e deletar o resto de nossas vidas. A saúde da nossa mente agradece.

Silvana Giudice
Terapeuta Holística - pedagoga

Texto revisado por: Cris


Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 20

foto-autor
Sobre o Autor: Silvana Giudice   
Psicoterapeuta Reencarnacionista Numerologia Pessoal- Empresarial- Vocacional Terapia Floral Tarô Aconselhamento Endereço- Tatuapé- proxima Metrô Carrão telefone- (011) 3586-8885 e 98706-0806 Tatuapé- São Paulo mais informações- [email protected]
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Qual é a sua ambição?
artigo Porque estamos novamente falando da Era de Aquário?
artigo O Universo num Corpo Humano
artigo A noite escura, de são joão da cruz

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa