auravide auravide

Rasa, Virya, Vipaka e Prabhava, segundo a Ayur Veda

por Centro Integrado de Ciências Ayurvedicas

Publicado dia 10/6/2008 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


A Ayur Veda se caracteriza pela sua visão holística. Os mesmos sintomas de desequilíbrio da saúde podem ser tratados de maneiras diferentes pelo curador habilidoso; ele só precisa conhecer bem o paciente, tanto física como mental e emocionalmente, conhecendo sua constituição ou Prakruti, a natureza e o estado de evolução do desequilíbrio.

Partindo do princípio de que o indivíduo é um microcosmo, entende-se que o equilíbrio perdido também se encontra no macrocosmo. A Ayur Veda analisa os efeitos dos alimentos ingeridos como sendo quatro: em sânscrito, Rasa, Virya, Vipaka e Prabhava, que, em português, poderíamos traduzir como sabor, energia (calórica), efeito pós-digestivo e efeito na mente ou consciência.

Rasa (sabor) - Pela presença dos cinco grandes elementos em toda a manifestação, mesmo nos sabores teremos a influência dos Doshas. O sabor (Rasa) é imediatamente percebido na língua, ao ser ingerido, mas seu efeito se observa em todo o corpo, incluindo a mente.
Os sabores podem ser seis: doce, salgado, ácido, picante, amargo e adstringente; e equilibram, agravam ou reduzem os Doshas.
Por experiência sabemos que a ingestão contínua e intensa de doces provoca excesso de peso. A ingestão de picantes acelera a digestão e nos predispõe para novos sabores. A Ayur Veda estuda como o sabor doce se compõe de elementos Kapha e, portanto a sua ingestão em demasia acaba agravando o mesmo Dosha Kapha. Assim todos os sabores são estudados pela sua composição e sua influência conseqüente nos Doshas.
A Ayur Veda recomenda uma dieta balanceada com os seis sabores para ter uma vida mais saudável e prevenir dessa forma desequilíbrios.

Virya (energia calórica) - A temperatura (Virya) deveria ser observada, pois é muito importante de acordo com a Ayur Veda, uma vez que esta tem participação crucial na digestão. Os efeitos dos alimentos “quentes” podem ser observados, por exemplo, na maior facilidade da sua digestão, uma vez que o organismo não precisa dispensar energia extra; e o contrário pode-se observar quando ingerimos alimentos “frios”: o organismo precisa tomar emprestada a energia calórica para o processo de digestão de tais alimentos. Por outro lado, também já tivemos a experiência de evitar temperaturas frias para uma criança com um quadro de gripe ou com tosse produtiva. Ou seja, em termos da Ayur Veda, o Virya será responsável pelo Pitta numa digestão. Vai definir uma digestão boa, lenta ou rápida.
Um Virya “frio” vai incrementar o Vata e o Kapha e acalmar o Pitta e um Virya “quente” incrementa o Pitta, reduzindo e acalmando Vata e Kapha. Por exemplo, damos chás “quentes” para um quadro de gripe com intenção de fluidificar os mucos (Kapha). O Virya dos alimentos incide na temperatura do corpo e na digestão e seu estudo e aplicação na nossa vida diária nos protege de desordens na saúde.

Vipaka (digestão específica ou efeito pós-digestivo) - O terceiro efeito estudado é o efeito pós-digestivo (Vipaka) e é o que ocorre ao finalizar o processo de digestão, quando os tecidos absorveram todos os nutrientes encontrados no alimento ingerido. Este é um efeito muito sutil, porém conhecemos algumas maneiras para detectá-lo; por exemplo, já tivemos experiência de saborear algo que depois de digerido se apresentou com outro sabor. A Ayur Veda analisa os seis sabores e seus efeitos pós-digestivos como sendo três: doce, ácido e picante, e aconselha que observemos esses detalhes para uma saúde estável. Os sabores doces e salgados têm um efeito doce, o ácido permanece como ácido e os três sabores restantes (picante, amargo e adstringente) terão um efeito pós-digestivo picante.
O conhecimento do Vipaka de um alimento é indireto, assim, só poderemos identificá-lo conhecendo antes o seu sabor.

Prabhava (efeito na consciência) - Prabhava é o efeito provocado pelos alimentos na mente, na consciência, e este é um ponto de vista único da Ayur Veda. É um efeito muito sutil, porém direto e poderoso na mente e, por sua sutileza, carência de lógica e imprevisibilidade dificilmente pode ser catalogada, sendo mística e estranha.
Podemos perceber sua influência se observarmos com atenção um indivíduo que se alimenta, por exemplo, em estabelecimentos que comercializam alimentos industrializados, e outro que se alimenta com comidas feitas pela carinhosa mãe. O carinho da mãe entra em ação bem antes da preparação dos alimentos, mesmo na escolha dos ingredientes, levando em consideração o gosto e as necessidades nutricionais do seu “freguês”, e todo o cuidado durante os preparativos desse alimento para se chegar a um prato atrativo, nutritivo e satisfatório. Não podemos afirmar que o mesmo processo seja levado a cabo nos estabelecimentos de alimentos industrializados, mesmo que se esforcem colocando uma foto na parede com o “empregado do mês”, lindo e bem sorridente. Os efeitos na mente serão bem visíveis para o observador atento.

A Ayur Veda, como medicina, tem muitas maneiras simples e objetivas de nos ajudar no nosso dia-a-dia.

www.rosanayurveda.blogspot.com
www.cicaterapias.blogspot.com

Texto revisado por Cris

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 11

foto-autor
Sobre o Autor: Centro Integrado de Ciências Ayurvedicas   
Atendimentos, Palestras, Cursos e Workshop. MSN:[email protected]
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa