auravide auravide

Reconheça quando alguém te deixa pra baixo

por Silvana Giudice

Publicado dia 12/5/2008 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Preste atenção: quantas vezes, durante o dia, somos bombardeados pelo que vem de fora? O noticiário, quase sempre com notícias ruins: desemprego, atentados no mundo, fome, doença, corrupção, aumento de impostos: IPT disso, IPT daquilo, IPVA daquele outro... Dá pra ficar surdo? Insensível?? Imune???

Somos seres vulneráveis às influências externas. Mas precisamos, urgentemente, numa era tão informatizada em que tudo nos chega tão rápido, procurar nos protegermos. O“mercado de consumo” é tentador: cosméticos milagrosos, celulares que fotografam, carros que falam, plásticas que tiram daqui e põe ali, oferecendo um corpo perfeito... viagens tentadoras...

A notícia ruim nos amedronta: será que esse mal pode me acontecer? A notícia boa de “bens de consumo” nos frusta: será que algum dia poderei comprar isso? Tudo para nos tirar de “dentro da gente” e acreditarmos que é de fora que conquistamos nossa felicidade.

Mas, como não ser influenciado?

Proponho um exercício:

A cada vez em que ouvir algo desagradável, que te deixa “pra baixo”, visualize duas anteninhas em sua cabeça com umas rodinhas em cada ponta (como um etezinho). Respire profundamente e comece a jogar todo “lixo” para essas rodinhas e imagine uma fumaça escura que vai girando, girando e aos poucos, clareando, clareando, até tornar-se bem branquinha. Respire mais uma vez e, imediatamente, pense em algo bom que você quer que aconteça.

Quando encontrar com alguém ou mesmo falar ao telefone, ou ainda entrar em um ambiente e logo sentir-se mal, PERCEBA: por que tão rapidamente meu humor mudou? Fiquei com a cabeça pesada ou com outros incômodos? Imediatamente você vai reconhecer que entrou numa energia ruim. Proponha-se não deixar que ela permaneça em você.

O "Curso em Milagres" reconhece que existem somente dois estados em que podemos nos encontrar: o estado de medo ou o estado de amor.
O estado de amor é o estado de nossa alma. Os pensamentos de amor deveriam ser sempre os nossos pensamentos. Somos um ser "de amor".
Reconheça o "GENUÍNO" em você.

Texto revisado por: Cris

Silvana Giudice
terapeuta holística
fone- 3586-8885 e 9590-0515

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 9

foto-autor
Sobre o Autor: Silvana Giudice   
Psicoterapeuta Reencarnacionista Numerologia Pessoal- Empresarial- Vocacional Terapia Floral Tarô Aconselhamento Endereço- Tatuapé- proxima Metrô Carrão telefone- (011) 3586-8885 e 98706-0806 Tatuapé- São Paulo mais informações- [email protected]
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa