auravide auravide

Serás, sim, uma borboleta



Dia desses, um Espírito numa reunião de investigação psíquica informou que o Planeta Terra caminha a passos rápidos para eliminar a dor. Tanto isso é verdade que os cientistas descobriram que a célula-tronco pode regenerar órgãos ou células defeituosas ou afetadas.

Mas ele disse uma coisa que reputo como muito importante. Ele falou que podemos renascer sem as possibilidades da doença, eliminando os sinais do carma em nosso universo genético. Depende dos pais, do Espírito que vai renascer e da vontade Divina. Vamos examinar cada um desses itens, para entender o processo:

1 – Depende dos pais: é preciso que se revele aos pais que o padrão de pensamento que ambos desenvolverem desde quando projetam a vinda de um filho, e principalmente durante a gravidez, é de importância vital para o sucesso da saúde no corpo da criatura que eles estão gerando. E não se fala aqui tão somente da questão da mãe não fumar, como é hábito na maioria dos críticos do cigarro. É necessário envolver-se em atitudes inteligentes e emoções equilibradas. Estimulações e motivações vocacionais também são relevantes. Uma criança com tendência ou desejo pronunciado de ser músico quase sempre terá ouvido música e sinalizações da importância da música no comportamento humano, quando estava no ventre materno. Os pais podem impregnar o bebê com seus gostos e projetos. Mas é imprescindível que os pais tenham o cuidado de idealizar para a criança caminhos, projetos e sonhos pertinentes ao filho evitando o desejo mórbido de curar suas frustrações com uma pressão superlativa para que o filho ou a filha sejam aquilo que eles não conseguiram ser em suas próprias vidas.
Atitudes desse tipo se transformam em manipulação doentia, originando deformidades na estruturação da mente infantil. Os pais são pontes, instrumentos do Universo e não são proprietários de seus filhos. Eles, os filhos, precisam ser preparados e ter condições adequadas para desenvolver seus talentos.

2 – Depende do Espírito: segundo essa informação que nos foi passada por esse ser do universo multidimensional, a criatura que vai habitar um corpo pode se preparar adequadamente e tomar decisões importantes antes do renascimento, eliminando de seu íntimo idéias de culpa, remorso e medo. A cultura de que renascemos para pagar dívidas passadas é ruim, faz com que a criatura chegue ao mundo com uma bagagem excessivamente pesada.

Na verdade, o Espírito que vem para o mundo físico deve estar com a mente limpa, pronto para iniciar uma nova caminhada, novos roteiros. Outros e muitos projetos e sonhos. O corpo energético, que reveste o Espírito e que vai ser ligado ao corpo físico, permanecendo até a morte, pode estar livre dos padrões da dor, do carma, se o agente, no caso o Espírito, desfazer nele toda e qualquer energia de violência ou medo. É possível isso? Sim, mesmo para quem já esteja aqui na Terra, habitando o corpo com 32 ou 50 anos. Ou seja, com qualquer idade, você pode estabelecer um padrão mental e com ele dominar a ingerência mecanicista da Lei Causal, elaborando nos tecidos do corpo bioplasmático a possibilidade de alterar a dinâmica genética, incorporando em si ingredientes evolutivos, reprogramadores para tornar apto e sutil o seu DNA, desprogramando-o dos elementos temporais, causadores da dor.

3 – Vontade Divina: ela é expressa pelo Universo, através de leis que atuam no Espírito e por conseqüência em todos seus corpos, físico, mental, energético, etc, quando o Espírito, por fragilidade, medo ou pensamentos de culpa e remorso, deixa de projetar seu próprio corpo, aceitando que a Lei se manifeste. É possível mudar uma “decisão” divina? Sim, porque como se diz popularmente Deus não coloca fardos pesados em ombros fracos; Deus não dá serpente ao filho que pede um peixe e, finalmente, sabe-se que Deus é infinitamente Justo e Misericordioso, dando a cada um de acordo com suas obras.

Observem bem esse filme que circula na mídia, O Segredo. Ele fala sobre a Lei da Atração. É importante que saibamos o seguinte: Você é o que pensa. Você atrai para Si tudo que seu coração desejar. Ah, Wilson, eu desejo tanto o Bem para mim e veja que vida eu levo, diz uma internauta.
Custa-me acreditar nessa justiça divina, nessa misericórdia que contempla os ricos, menosprezando os pobres. Não é assim. A verdade é que este mundo ainda é regido por leis humanas, isso pesa muito e, por outro lado, só agora o ser humano está aprendendo sobre como lidar com sua energia, após o advento das teorias alternativas, das descobertas da física quântica. Porque enquanto o homem esteve nas mãos da religião só aprendeu que iria para o céu ou inferno, que devia temer a Deus, que tem de cumprir com as provas e expiações.

Alguém aqui do meu lado, diz o seguinte: Por que só agora Deus passa essas informações? Não é de agora que se fala nisso, há dois mil anos Jesus dizia: ama ao teu próximo como a si mesmo. Ou seja, ame suas atitudes, faça o bem a si própria, primeiro. Seja feliz e depois irradie sua felicidade para todos que estejam do seu lado. E o que a religião repassou para a humanidade? Esqueça de você, cuide dos outros, dê esmolas, pague o dízimo, assim verás o Reino de Deus.

E se formos pesquisar mais profundamente a Bíblia, vamos encontrar muito mais notícias de Jesus, sobre como proceder para ser feliz e eliminar a dor e o mal de nossas vidas.
Só para lembrar, podemos citar Madalena, perdoada porque muito amou. Mas como assim? dirão os pragmáticos religiosos de carteirinha. O Cristo a perdoou, porque ela muito amou. Na verdade, os homens se prostituíam, dando-se o prazer de usar o corpo da cortesã para saciar a sede corporal deles próprios, mas ela oferecia amor. E por isso, Jesus tirou os demônios de seu corpo e a perdoou.

Como se vê, as possibilidades da concretização desse grande sonho da humanidade, que é uma existência sem dor, uma sociedade sem corrupção, meninos e meninas cultivando hábitos progressistas, sem se enveredar pelos caminhos da droga e da violência, pode estar próximo. Mas será necessário, imprescindível mesmo, que cada um desfaça em si as máscaras do passado, os instintos egoístas, desistindo de aplicar a lei da esperteza e então a transformação acontecerá. É importante acreditar e mais eficaz ainda realizar em si próprio a metamorfose, sair da lagarta rastejante, envolver-se com o Bem social, principalmente aplicando a honestidade e o respeito.

E por fim, imite a lagarta, quebre as algemas do Mal, este casulo empobrecedor, para se tornar uma borboleta azul e bela planando por sobre as flores à procura do néctar para sua sobrevivência. E onde você estiver, em que condições sociais sua família viver, o maná divino estará disponível para te alimentar e sustentar na jornada.

Portanto, diante da dor e das dúvidas da vida, amiga, voe e irradie paz e alegria. O Universo aguarda que você bata asas e seja feliz, muito feliz.

Texto revisado por: Cris
Publicado dia 18/10/2007

  estamos online

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 185



foto-autor
Autor: Wilson Francisco   
Terapeuta Holístico. Desenvolve processo que faz a Leitura da Alma; Toque Quântico para dar qualidade à circulação e aos campos vibracionais; Purificação do Tronco Familiar e Cura de Antepassados para Resgatar, Atualizar e Realizar o Ser Divino que há em você. Agendar pelo WhatsApp 011 - 959224182 ou pelo email wilson153@gmail.com
E-mail: wilson153@gmail.com | Mais artigos.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade











auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa