auravide auravide

Viveravida.com.amor

por Flávio Bastos

Publicado dia 14/8/2008 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


A natureza humana é superficial e ao mesmo tempo profunda. Criticamos sem conhecimento de causa, julgamos, fofocamos, enfim, temos o nosso lado pequeno, mesquinho. Por outro lado admiramos o belo, o simples e o grandioso. Sensibilizamo-nos com a situação alheia e estendemos a mão para o auxílio ao próximo.

Assim como geramos o ódio que nos aprisiona e causa-nos dependência psico-espiritual, geramos também a energia do amor que liberta corações e expande consciências.

Somos seres divididos entre o bem e o mal, o ódio e o amor, à procura de um sentido para a vida que explique a sensação de isolamento que sentimos nessa imensidão chamada universo. Confusos, não percebemos que somos a essência da Criação, seres especiais e importantes para o contexto universal. Falta-nos a consciência plena de porquê e para quê existimos...

O sofrimento humano, através das fixações pelo pensamento, sentimento e emoção, está intimamente relacionado a situações ou fatos que nos prendem ao passado. São inúmeros os seres humanos que simplesmente desistem de sua expansão vital por motivações que os mantêm presos às armadilhas do pretérito.

Aprendamos com a natureza que sofre com a agressão ao meio ambiente sem, no entanto, perder a orientação de buscar na energia natural do fluir da vida, a recomposição do que foi destruído. A natureza nunca desiste, está sempre buscando o reequilíbrio nos momentos de desequilíbrio.

Quando o indivíduo paralisa, fixado numa situação não resolvida de sua vida atual ou pregressa, ele encontra-se em retrocesso na relação com o processo vital, ou seja, na contra-mão da história universal. Paralisar a oportunidade de crescimento quando se nasce saudável e apto à expansão consciencial representa, no contexto universal, uma significativa perda de tempo e de energia fluídica. Situação que teremos de recuperar mais tarde, em outra vida.

Portanto, viver a vida com prazer é descobrir a sexualidade no desejo, na criatividade, no êxtase e na completude, porque se a natureza nos presenteou com esse canal que nos une à espiritualidade, é para tornar a vida mais atraente, mais prazerosa e mais intensa.

Viver a vida com coragem é resgatar em si o guerreiro, o desbravador que sai em busca do crescimento pessoal e consciencial e, ao atingir metas, socializar como o outro a sua experiência e o seu conhecimento.

Viver a vida com discernimento é sentir na natureza o equilíbrio que está dentro de nós e fazer dessa percepção o direcionamento de nossas escolhas e decisões mais importantes.

Viver a vida com altivez é não deixar-se corromper por situações que possam colocar em risco a nossa integridade e a integridade daqueles que caminham ao nosso lado na jornada da existência.

Viver a vida com lucidez é estar receptivo, aberto ao novo onde as possibilidades de crescimento se multiplicam numa lógica matemática imensurável e ilimitada, pois somos pura expansão...

Enfim, viver a vida com amor é perceber nos mecanismos vitais a energia que emana da Fonte de Sabedoria Universal e sentir em si mesmo, através do outro, o seu profundo significado.

Psicanalista Clínico e Interdimensional.
flaviobastos

Texto revisado por Cris

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 8

foto-autor
Sobre o Autor: Flávio Bastos   
Flavio Bastos é criador intuitivo da Psicoterapia Interdimensional (PI) e psicanalista clínico. Outros cursos: Terapia Regressiva Evolutiva, Psicoterapia Reencarnacionista, Terapia Floral, Psicoterapia Holística, Parapsicologia, Capacitação em Dependência Química, Hipnose e Auto-hipnose e Dimensão Espiritual na Psicologia e Psicoterapia.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa