auravide auravide

Quem não tem problemas?

por Bernardino Nilton Nascimento

Publicado dia 16/9/2007 em Autoconhecimento

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


As livrarias estão cheias de livros com soluções mágicas para resolvermos os nossos problemas. Leio os títulos, as apresentações e vejo que, a cada dia, o número de livros de auto-ajuda aumenta, como também aumentam os problemas do ser humano, só que em proporções bem maiores. Talvez seja essa a saída para explicar a quantidade de autores querendo resolver os problemas dos outros.

Às vezes, um autor acaba de lançar um livro, vende bem e logo estarão nas livrarias dois ou três livros novos. Fico pensando na rapidez e na capacidade milagrosa com que usam as palavras e encontram as soluções para todos os problemas. Como ganhar dinheiro, ter sucesso, saúde, namoro, lidar com o chefe, com os filhos, com o estresse, e todo tipo de saída milagrosa para por fim aos problemas que atingem a todos, em diferentes escalas.

Posso afirmar que todo mundo tem problemas, e ninguém vai ficar livre deles. É através deles que crescemos em todos os sentidos. É com eles que você pode mudar a sua vida. Acredito que não existam problemas fáceis ou difíceis. Em todos há algum grau de seriedade que depende de cada pessoa. Quanto mais mudarmos nosso interior, maior teremos a capacidade de enxergá-los de uma outra maneira e resolvê-los. Cada pessoa, mesmo com problemas iguais, tem saídas diferentes.

O ser humano parece gostar de ter problemas. Ele sempre procura na sua imaginação alguma coisa para virar um problema, mesmo onde não existe. Mas com sua mente fértil em negatividades acaba criando uma nuvem de maus pensamentos entre ele e o mundo superior, que quer ajudá-lo. Só que essas nuvens vão ficando tão extensas que dificultam a penetração da luz de Deus em seus corações para clarear e enxergar as verdadeiras saídas.

O mundo passa por momentos difíceis por culpa dos pensamentos negativos e da imaginação do “quase”. Coloco aqui um exemplo que acontece a todo instante: um carro bate no outro e nada acontece com as pessoas envolvidas no acidente, mas logo vêm dezenas de pessoas usando a imaginação, dizendo: “se o carro da direita não desvia um pouco, ia matar todo mundo”; outro diz: “acho que quem salvou todo mundo foi o motorista da esquerda que freou antes... se não fosse isso, também ia pegar o outro carro, e o carona deste carro poderia nem escapar com vida”. Já assisti discussões e até agressões pela imaginação exagerada. Discutir pelo que não aconteceu, pelo “quase”, é fruto de uma mente negativa e imaginária.

Gente, não discutimos o que não aconteceu. Não existe o “quase”. Simplesmente não aconteceu e acabou. Não temos que criar histórias imaginárias do nada. Isso é encher a mente de coisa sem importância e, com certeza, todas essas imaginações vão acontecer algum dia, porque o que pensamos repetidamente acaba acontecendo. Somos nós os donos do mundo e o criamos do jeito que queremos.

Estamos diante de milhares de tragédias que não aconteceram, mas na imaginação poucos se salvaram. Assim é que surgem os poluidores da mente, onde se deturpa a energia do criador, que nessas histórias fica como coadjuvante, tendo que ouvir esta frase: “Graças a Deus, nada aconteceu”. Mas até chegar a essa frase tudo de ruim já foi falado.

O mundo sofre coletivamente o que pensamos e fazemos. Todas as tragédias são frutos da imaginação do passado que hoje estamos sofrendo. Se continuarmos no mundo da imaginação, da mentira, dos pensamentos negativos e discutindo o “quase”, o que será do amanhã?

É fácil dizer que todos nós temos problemas, mas a questão está em como lidar com eles. Solução para os problemas dos outros, todo mundo tem. Os problemas existem e estão aí para nos aprimorar, mas a melhor maneira de lidar com eles é tentar se colocar de fora, para poder enxergá-los de outra maneira e ter atitude para resolvê-los. Eu consigo ficar fora deles na prática diária da meditação. Descanso a mente sem pensar em nada. E quando volto estou vendo tudo, e consigo lidar com o que está me afligindo, com certa facilidade.

Tenho fé e acredito em outros mundos, posso mudar meu destino, mas não o pré-destino. Tenho que buscar dentro de mim o que combinei passar e aceitar a lição que eu mesmo pedi para meu crescimento. Conhecendo isso, os problemas viram lições.

Eliminei da minha mente as imaginações e os pensamentos negativos do irreal, e passei a viver no momento presente, vivendo o real, sem encher a mente com coisas que não aconteceram ou que poderiam ter acontecido. O passado já se foi, o amanhã não nasceu e os meus problemas estão no agora, e para eliminá-los, dependo de atitude.

Como já conheço minha mente e sei do que ela é capaz, divido o real do momento presente com os meus sentimentos, deixando a decisão para o coração. Como vivo desejando a felicidade do próximo, não sobra tempo para viver em imaginações negativas. Afinal, o mundo é dos jovens e o futuro deles depende dos pensamentos e atitudes de hoje, e nós, os mais experientes, devemos fazer nossa parte para salvar o velho mundo.

Convido você a praticar a meditação, a ter bons pensamentos, a ser justo, a viver o real, a ouvir seu coração e a fazer o bem. Só com esses ingredientes poderemos olhar nossos problemas como lições. E quem não gostará de aprender para viver melhor?


BNN

Texto revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 250

foto-autor
Sobre o Autor: Bernardino Nilton Nascimento   
"Não seja um investigador de defeitos, seja um descobridor de virtudes"./ "Quando a ansiedade assume a frente, as soluções vão para o final da fila"./ "Quando os ventos do Universo resolve soprar a favor, até os erros dão certo". BNN
E-mail: bernardinogga@gmail.com
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo A imaginação constrói os problemas
artigo Adestrar x Educar
artigo Luz e sementes conscienciais
artigo O que é o ego?

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa