Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Adversidades - Como revertê-las ao nosso favor

por Renata Rissato

Publicado dia 24/2/2012 em Corpo e Mente

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Ser alegre é estar de bem consigo e com a vida, o que provoca força e firmeza de caráter.

Compreender é outra forma de se soltar e de se separar. Não existem fracassos. O que existe é você não querer encarar um problema e não solucioná-lo. Tudo na vida tem altos e baixos ciclos. Saiba fluir nos fluxos.

São nas adversidades que as oportunidades de crescimento surgem e nos proporcionam a chance de nos libertarmos do papel de vítimas.  Em nosso dia-a-dia sempre encontraremos situações, pessoas e acontecimentos que nos farão perder o controle, deixando-nos desequilibrados e sem foco no que realmente importa: "nossos objetivos."

Quando nos vemos diante de um problema, muitas vezes insignificante, acionamos um mecanismo automático e nada saudável - o de achar que qualquer adversidade, da unha quebrada à falta de dinheiro - nos faz entrar em crise, até sentar e chorar. Quando nos sentimos imobilizados por coisas pequenas, nossas reações excessivas não só nos deixam frustrados, como nos impedem de alcançar o que gostaríamos.

Segundo o coach executivo Carlos Alecrim, esse comportamento não é de uma pessoa de sucesso. O ser humano bem sucedido consegue se posicionar diante da vida com positivismo, maturidade, bom senso e segurança.

O fato de potencializarmos demais um pequeno acontecimento faz com que multipliquemos o seu real valor. O que não percebemos é que gastar energia com fatos que não podemos mudar agora ou que já aconteceram, nos faz perder a direção de nós mesmos, desperdiçando tempo foco e oportunidades que não conseguimos enxergar devido a estarmos fora do eixo.

Então, o que é necessário para mantermos o nosso eixo?

O primeiro passo é se conectar com que realmente é essencial, ao que importa:

- objetivo;

- seu foco;

- o que você quer.

O segundo passo é neutralizar todo sentimento provocado e a sensação de irritabilidade causada pelo externo, enfim, ser menos intolerante com você e com o outro. Buscar uma perfeição nos torna obsessivos e inflexíveis conosco e com os outros.

Aceitar o que não pode ser mudado no momento é uma terceira opção, reagir à vida de maneira menos intensa, buscar soluções possíveis.

O psicólogo e psicoterapeuta Marco Antonio De Tommaso explica que quem faz muito barulho por nada em geral sofre de algum transtorno de ansiedade -"é um estado de estresse permanente que a faz enxergar a tudo e a todos como ameaças".

A pessoa ansiosa e insegura está sempre em busca de aprovação, porque nunca se sente preparada e morre de medo de ser rejeitada. Por isso, é importante conhecermos nossas capacidades e fragilidades para que quando um problema apareça nós saibamos dar a devida  importância a ele.

Observe seus pensamentos, a negatividade é um inimigo em potencial, ela nos faz desistir de nossos objetivos sem ao menos tentarmos. Você começa a prestar atenção demais ao que é ruim e, quando percebe, não existem mais coisas boas porque você as engessou. Nós somos o que pensamos ser. Mude seu padrão vibratório. Isso é um exercício diário.

Problemas todos nós temos. O que nos difere é a forma como interpretamos os fatos. Quando nos conhecemos, conseguimos processar melhor o nosso dia-a-dia, quando superamos os problemas, em vez de resistirmos a eles, nossa vida começa a fluir.

Texto revisado
Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo


Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 11

Sobre o Autor: Renata Rissato   
Diretora da Attitude Plan Consultoria e Treinamento. Dentro da área de cursos comportamentais, ministra os cursos de Etiqueta Empresarial e Inovação Pessoal, desenvolvendo nestes a metodologia da neurolinguística, trabalhando o desenvolvimento pessoal dando ênfase no auto conhecimento e mudança de atitude.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Você tem realmente esse tal Livre Arbítrio?
artigo Contrato com a morte
artigo Estesia
artigo A mudança deve ser interna

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa