auravide auravide

Cura-te a Ti Mesmo


Facebook   E-mail   Whatsapp

Dr. Edward Bach nasceu próximo a Birmingham, na Inglaterra. Sempre teve muito amor pelos animais e pela natureza; realizava longas caminhadas pelo campo, e era capaz de ficar horas observando as flores.

Dotado de imensa compaixão pelo ser humano, não se conformava com os tratamentos médicos de sua época, que considerava caros e ineficientes. Além disso, via uma relação íntima entre a doença física e o estado mental do indivíduo. Desejava ser pastor ou médico.

Em meados de 1930, depois de ter se tornado médico e dono de um laboratório, vendeu tudo o que tinha e foi para o campo, onde deu continuidade às suas pesquisas da relação entre mente e corpo.

Observou profundamente os homens e seus sofrimentos, valores, manias e outras características. Através da intuição, descobriu os florais e suas aplicações.

Bach acreditava em que as doenças físicas são originadas por estados de alma que as desencadeiam. Enumerou as sete doenças básicas do ser humano, a partir das quais formou sete grupos de florais: crueldade, ódio, egoísmo, ignorância, avidez, orgulho e indecisão.

Para Edward Bach, "a doença é tão somente corretiva. Ela não é vingativa nem cruel; mas é o meio adotado pela nossa Alma para nos mostrar os nossos erros, nos impedir de cometer erros ainda maiores, nos impedir de causar maiores danos e nos trazer de volta ao camiho da Verdade e da Luz, do qual nunca deveríamos ter nos afastado".

"A cura da doença pode ser encontrada descobrindo o errado dentro de nós e erradicando com o desenvolvimento da virtude oposta". Não se trata de lutar contra o erro, mas de substituí-lo por uma atitute melhor.

Seguindo a mesma linha de raciocínio, de que nossa mente é diretamente responsável pelas nossas condições físicas, vamos encontrar Valcapelli & Gasparetto defendendo a tese de que "a doença é a manifestação de nossos conflitos interiores".

Segundo eles, antes de ocorrer a somatização, a pessoa apresenta problemas de ordem emocional, como angústia, depressão, medo. O corpo funciona como uma espécie de sensor que acusa as atitudes que não estão de acordo com a nossa natureza.

Às vezes parece complicado compreender que somos os responsáveis pela doença, pois aprendemos que ela vem sem qualquer participação de nossa parte. Mas somos reflexos de nossos pensamentos.

O tratamento médico convencional cura apenas o físico, e geralmente elimina sintomas. Para alcançarmos a verdadeira cura, apesar de essa palavra causar grande polêmica na classe médica, temos que olhar para dentro de nós e enxergarmos o que falta ser "consertado".

Outra conceituação importante desses dois autores é a consciência. Segundo eles, essas manifestações só acontecem quando sabemos que estamos agindo contra a nossa natureza.

Assim, para alcançarmos a saúde, devemos realizar uma viagem para dentro de nós mesmos, detectarmos aquilo que não está de acordo com a nossa essência e procurarmos a ajuda adequada quando sentirmos que não coneguimos realizar a mudança sozinhos. 
Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 6


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Espaço Harmonia    
Vivian Caon é Tecnóloga em Estética. Estuda e viviencia as terapias holísticas desde o ano 2000, sempre se aperfeiçoando. Já participou de inúmeros cursos e workshops nessa área.
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Corpo e Mente clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa