auravide auravide

ENCONTRO COM O VEGETAL

por Sonia Regina Marquette CRT 43690

Publicado dia 31/3/2008 em Corpo e Mente

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


O meu objetivo é me aprofundar cada vez mais nas forças vegetais, no encontro, na sensibilização, no elemento, focando a parte medicinal.

Você sabe que há duas regras básicas para o uso das ervas: amor e bom senso. O amor é um sentimento abstrato. Podemos defini-lo de várias formas diferentes; o sentimento amor pode ser dividido em fé e respeito. Fé é o que acreditamos, é a nossa crença em algo maior; quando achamos que algo é bom para nós é ali que está nossa fé.

Jesus Cristo quando esteve entre nós dizia ao fazer suas curas milagrosas: "Tua fé te curou, tua cura é do tamanho da tua fé". Então, quando acreditamos, o poder da realização entra em ação; a fé é o poder em ação; a realização sem acreditar, nada acontece.

Respeito é honra. Respeitar a natureza é honrar o Pai Criador pela dádiva da vida, honrar o Pai pelo ar que respiramos, respeitar a forma que o Espírito Divino se apresenta nos vegetais, a energia que uma erva contém mesmo depois de seca.

Enfim, amor é fé e respeito porque quem ama acredita e respeita. Amar as ervas é acreditar que podem nos trazer benefícios, é respeitar a forma de uso e direciona-lo de forma correta.

O bom senso é o conhecimento básico para saber o que é bom e o que é ruim. É a presença de espírito que temos ao saber que não devemos usar uma erva que não conhecemos. Muitas plantas são tóxicas e poderão trazer resultados desagradáveis. É necessário ter cuidado, filtrar informações, comparar e perguntar. Isso é bom senso.

A natureza nos proporciona uma infinidade de plantas com valores medicinais. A flora brasileira é uma fonte inesgotável de saúde. Vou dar alguns exemplos:

- Mil folhas (novalgina) - seu chá é bom para baixar febre, aliviar dores, reumatismo pressão alta e má circulação.
- Jasmim - seu chá é um excelente colírio contra infecção nos olhos, além de ser diurético e estimulante.
- Unha de gato - estimula a imunidade, protege o organismo contra infecção por virus e bactérias; não existe nenhuma droga química capaz de tantos benefícios e sem contra indicação.

Esse é um pequeno exemplo do poder e da força que as ervas possuem; e o bem que nos propiciam.

Texto revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 13

foto-autor
Autor: Sonia Regina Marquette CRT 43690   
Visite o Site do autor e leia mais artigos..   


Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa