Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
Home > Corpo e Mente
O trabalho é um ato de devoção

O trabalho é um ato de devoção

por Camilo de Lelis Mendonça Mota
Facebook   E-mail   Whatsapp   chat aura


Numa recente conferência em que participei no interior paulista, o Dr. Farhad Shayani fez uma consideração crítica bastante interessante sobre o enfoque que a sociedade de consumo tem dado hoje à questão do trabalho em relação aos jovens. São muitas as motivações para que os que iniciam sua vida profissional conquistem o sucesso antes dos 30 anos. A meta principal é ser um exemplo de eficiência, para que se ganhe logo o primeiro milhão. Eu já havia observado tal tendência ao procurar informações sobre cursos universitários em algumas entidades privadas. O marketing de tais instituições é direcionado também por essa obsessão pelo sucesso, pela conquista do seu espaço no Mercado.

Tal tendência a aferir valores puramente materiais à vida profissional tem me levado a refletir sobre como é crescente a insatisfação das pessoas em suas ocupações. Ao mesmo tempo, ainda consigo encontrar pessoas que, ao contrário, despertam-me uma grande satisfação por ver como executam suas funções com prazer, com verdadeira intenção de servir e, por conseguinte, com devoção pelas bênçãos que o trabalho lhes traz.

No primeiro caso, imersos no mar da vida material, esquecem que o trabalho é uma conquista humana e também uma dádiva divina, não importando se a função é simples e humilde, ou complexa e delicada. É nesse ponto que começam a surgir os conflitos interiores, as dificuldades de autorrealização e a perda do significado do que é prosperidade e de como alcançá-la. O trabalho se torna assim algo alienante, conforme denunciado por Karl Marx.

No entanto, uma mudança de paradigma em nossa maneira de enxergar a nossa função no mundo revela que a alienação pode ser superada quando realizamos nossas tarefas de acordo com aquilo que sentimos intimamente como sendo nossa realização pessoal e verdadeira. Ao percebermos o trabalho como um ato de devoção ao Criador, como uma oração prática que nos conecta ao mesmo tempo a nós mesmos, aos nossos irmãos (a humanidade) e a Deus (nossa Fonte de Inspiração), damos um passo fundamental para melhorarmos nossa qualidade de vida.

"Alcançar a perfeição na profissão é considerado adoração a Deus. Enquanto estás te ocupando em tua profissão, podes recordar do Ser Verdadeiro", afirmou ‘Abdul-Bahá em um de seus escritos. Tal zelo para com o conhecimento próprio é também uma escada para chegar à presença da força divina em nós, pois faz parte do empenho que precisamos ter para nos tornarmos antes um servidor da humanidade e não apenas um escravo do Mercado.

Tal princípio pode ser útil também nas pequenas realizações da vida: um filho que ajuda o pai num ofício, um marido que ajuda a esposa nos trabalhos do lar, na mãe ou no pai que orientam o filho na hora do estudo para a prova. Tudo o que fazemos é uma forma de trabalho, às vezes remunerado, outras vezes, por simples doação em prol de algo útil a ser feito.

Enquanto mantivermos nossas mentes firmes naquilo que estejamos fazendo e procuramos fazer cada vez melhor, estaremos contribuindo para nosso aprimoramento pessoal, emocional, mental e espiritual.

Texto revisado
Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo




Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 8
Atualizado em 19/07/2011

Veja também
artigo A resiliência pode ajudá-lo a superar a crise
artigo Só o agora importa
artigo Você sabe quem é quem na trama familiar da mãe abusiva?
artigo Coração Ardente

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




horoscopo



Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa