auravide auravide

ONDAS DE ENERGIA


Facebook   E-mail   Whatsapp

"A imaginação é mais importante que a ciência, porque a ciência é limitada, ao passo que a imaginação abrange o mundo inteiro" - Albert Einstein.

Estamos vivendo um momento de liberdades individuais sem precedentes. Todos temos o direito de expressão, de ir e vir, de fazer aquilo que desejamos com nosso próprio destino. Se por um lado a liberdade individual é a chave para que se encontre a si mesmo como seres únicos e artesanais que somos, assistimos àqueles que não estão preparados para viver com liberdade compartilhada, extrapolando na busca individual, passando por cima de seu semelhante no intuito de satisfazer a si próprio.

Como ainda vivemos numa sociedade capitalista que valoriza a produção e o consumo, assistimos atônitos ao dinheiro ganhar status de senhor. O grande comandante que leva a humanidade ao vazio interior e à conta bancária recheada.

Esta busca pelo enriquecimento veste roupagens múltiplas. Vai desde a necessidade do cidadão comum a se sentir seguro num mundo perverso, até aos gananciosos pelo poder e manipulação de grupos, num ode ao próprio ego, passando pelas vítimas injustiçadas revoltadas clamando vingança (ou justiça).

É triste perceber o quanto nos afastamos de uma natureza mais sublime, ou sublimada, como queiram, para nos perdermos na corrida desenfreada pelo status social e a satisfação efêmera dos sentidos.

O dinheiro, ferramenta importante disponibilizada para nós, deve servir para financiar a vida e não para alimentar nossos medos, estes que tem sido o maior carma da humanidade, seguidos pela culpa.

Por sentir medo da finitude e do desconhecido, temos sido capazes de perversões. Escolhas equivocadas que voltam-se contra nós mesmos num looping infinito, aterrando-nos de tal forma, deformando-nos de tal maneira, que ficamos pensando como vai ser para tomarmos de novo o caminho correto para o que realmente importa.

É em função disso que hoje temos um número enorme de pessoas "adivinhando" que só poderemos mudar se coisas muito grandes, de proporções apocalípticas acontecerem a toda humanidade ao mesmo tempo.

Particularmente penso que chegou o momento de compreender que, independente de se vai ou não acontecer coisas, devemos aproveitar a onda de energia para fazermos uma conscientização de nossos atos em vida!

Assim sendo, chegou a hora de lapidar, sutilizar, auto-conhecer-nos para que haja chance de superação através da transcendência da matéria, como disse Teillard de Chardin.

Se, de fato, acontecerem muitas catástrofes nos próximos anos entre nós, estaremos preparados para os próximos up-grades da raça que sabemos terem já acontecido no passado da Terra, como nos mostrou Darwin.

Esperamos que todos nós, filhos de Gaia, possamos acordar para as mudanças. Este é o propósito. Temos o que fazer? Claro que sim! Não podemos mudar o curso natural dos sistemas e não podemos mudar o outro. Podemos dirigir nossa atenção para nós mesmos e nos mudar. E apenas isso, já não é nada fácil.

A primeira coisa a se fazer é parar de querer que o outro pague pelos seus erros. Nós não temos nada com o outro: foque em você. Vamos esquecer que o mundo tem defeitos. Deixe que cada um cuide de si mesmo. Vamos voltar o foco para nós. Vamos suportar nossas angústias sem tomar remédios para dormir, remédios para acordar, remédios para pensar, remédios para esquecer.

Vamos suportar nossas culpas, fazendo com que elas trabalhem para nós, na medida em que se considere que erros levam a estratégias de mudanças no comportamento que me levou a errar. Vamos suportar as perdas, compreendendo que tudo passa e sempre passa para melhor. Não somos daqui. Estamos aqui por algum tempo. Vamos adquirir hábitos que abram nossa mente para sairmos, ao menos um pouco, da cegueira que nos encontramos, sutilizar a matéria.Vamos melhorar nossa energia...

...Comece por pensar que somos energia: nosso corpo físico é feito de moléculas em vibração. Isso é energia condensada inteligente que nos envolve e nos compõe em três dimensões. Se nos sutilizarmos, estaremos conectando com faixas vibratórias que nos afastarão de pessoas e entidades que não vibram como nós. Trabalhe para isto.

Crie a luz em si.

Texto revisado

 


Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 18


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Carmem Farage   
Fundadora do Instituto Lumni, criadora da Terapia Lumni - uma terapia quântica que une ciência e espiritualidade sob a mentoria de Teillhard de Chardin. Psicóloga, Psicanalista, especialista em Regressão de memória, apometria Clínica, Mestra de Reiki Usui Tibetano, especialista em Medicina Chinesa.
E-mail: carmemfarage@gmail.com | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Corpo e Mente clicando aqui.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa