Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

SEXO E AMOR NA VISÃO TAOÍSTA

por Instituto ISI
SEXO E AMOR NA VISÃO TAOÍSTA

Publicado dia 15/6/2009 em Corpo e Mente

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


A falsa idéia de que o sexo é algo separado de nossas vidas é algo que merece nossa atenção no mundo atual. O desejo é uma parte muito importante da experiência humana. Somos apaixonados pelas coisas que mais têm importância para nós: a família, o trabalho, a espiritualidade, uma causa importante, dentre outros. Nosso interesse por esses e outros importantes aspectos da vida contribuem poderosamente para a qualidade de nosso bem estar, nos impulsionando para a tomada de atitudes e ações; é o que nos dá alegria de viver.

O fato de a energia sexual ser tão poderosa é que tem levado a maioria das principais religiões a controlar e restringir o comportamento sexual, especialmente o comportamento das mulheres. Restabelecer a ligação com o desejo é parte da recuperação do nosso poder pessoal.

Compreendendo a natureza da energia sexual poderemos usá-la no corpo e no mundo para fazer grande bem. Estudos ao longo de muitos anos confirmaram uma correlação entre o sexo regular e longevidade, sugerindo que a atividade sexual está associada a uma melhor saúde entre adultos mais velhos ativos sexualmente quando comparados com grupos semelhantes não-ativos. Os hormônios tais como o FEA, uma forma natural de anfetamina ou “hormônio do romance”, o DHEA, precursor de todos os hormônios sexuais, também chamado de hormônio do “antienvelhecimento”, a OXITOCINA, o hormônio do “vínculo”, além da testosterona, do estrogênio e das endorfinas, são liberados no nosso corpo nas mais diversas situações de prazer que experenciamos, desde o ato de fazer amor até quando recebemos afeto e carinho ou quando fomos amamentados no seio materno.

Os taoístas vêem o desejo ou energia sexual (Jing Chi) como parte de nossa energia vital, ou chi. Chi é a força dentro de nós e no Universo que gera a vida; está por trás de toda vida e movimento. Estar apaixonado é estar cheio de chi, mas esse desejo e paixão não incluem somente o sexo; eles também refletem os nossos sentimentos mais fortes sobre a vida.

Os exercícios e práticas taoístas para o amor desenvolverão uma maior conexão com corpo, reduzindo as tensões e o stress, permitindo um maior equilíbrio das emoções e conseqüentemente uma melhora no fluxo de energia vital, abrindo-nos para o fluir da sutileza de nossos outros corpos.

A energia sexual junto com a energia amorosa e a alegria interna do coração irão transformar-se numa fonte de alimento ilimitada para o corpo, a mente e o espírito, gerando uma experiência única de liberdade e contemplação internas.
Amando-se verdadeiramente compreenderá o seu direito como ser plenamente sexual e espiritual, compartilhando suas dádivas com as pessoas amadas e com o mundo.

Laiza Singulani
Instituto ISI

Texto revisado por Cris


Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 26

Sobre o Autor: Instituto ISI   
Mestrado em psicologia de Orientação Holística, na Lesley University, E.U.A., Certificação em teoria Integral pela Fielding University, universidade parceira do Instituto Integral, sob a liderança de Ken Wilber, autor da teoria Integral MBA em gestão de Qualidade Total na Fundação Getúlio Vargas, RJ – Brasil.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Mensagem Para A+Cor+Dar
artigo Desacelerar
artigo Será que a mãe ou o parceiro abusivo sabe o que está fazendo?
artigo A estrela e a canção: Presentes de Brahman

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa