Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

TOME UM PORRE DE ÁGUA

por Suely Seabra de Sena
TOME UM PORRE DE ÁGUA

Publicado dia 20/3/2009 em Corpo e Mente

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Você pode até torcer o nariz, mas esse líquido é vital. Mais do que a comida! Saiba por que oito copos de água por dia são importantes.

Ao nascer, o ser humano é feito de quase 80% de água. Com o passar do tempo o tonel vai se esvaziando. Mas, tudo bem, não se perde tanto assim: restam expressivos 71% de líquido no organismo. Tanta água significa uma enxurrada de importância. Formada por sais minerais, como magnésio, sódio e potássio, ela regula a temperatura do corpo, desintoxica, entra na composição do sangue e permite o bom funcionamento dos órgãos.

Só para se ter uma idéia, é por meio dela que acontece o processo de alimentação das células e eliminação de todos os seus resíduos. Mesmo em descanso, o organismo elimina líquido – pela pele ou na respiração. São as chamadas perdas insensíveis, responsáveis pela liberação diária de 500 ml.  

Quando a água perdida deixa de ser reposta, o corpo fica desidratado. O organismo passa, então, a absorver do sangue e de outros órgãos a dose que precisa. Enquanto isso, o hipotálamo, estrutura que fica no cérebro, manda à glândula hipófise, a mensagem para aumentar a produção do hormônio antidiurético (ADH) que, além de reduzir o volume de urina, proporciona a sensação de sede – o relógio interno que marca a quantas anda o combustível vital.

O ideal é não esperar a sede chegar. Por isso os médicos costumam indicar que se beba goles e mais goles ao longo do dia. “Pelo menos 1, 5 l de líquido por dia, ou seja, oito copos”, aconselha João Curvo, nutrólogo do Rio de Janeiro.

Veja a seguir os oito motivos principais para você encher a cara de água.

A pessoa come menos e se sente saciada; as fibras, presentes nos alimentos como legumes, frutas e verduras, se incham como uma esponja quando em contato com a água,  o que proporciona aquela sensação de estômago cheio, mas com menos alimentos. Além disso, como toda reação orgânica, o metabolismo (transformação do alimento em energia) depende da água. Não quer dizer que a água queima calorias, mas sem ela o organismo trabalha mais lentamente. A água hidrata a parede desses órgãos e assim ele se movimenta mais rápido, como um motor lubrificado. É justamente com o requebrar do intestino que o corpo consegue expulsar os resíduos de alimentos que não vai aproveitar. E mais: de nada adianta comer itens ricos em fibras para fazer o aparelho digestivo trabalhar se não houver água. Fibras sem líquido levam à prisão de ventre.

Você sabia que 2/3 do planeta são formados por água? A mesma proporção que compõe o organismo humano. Sabia que conseguimos sobreviver até 28 dias sem comer nada, mas não passamos de três dias sem tomar líquidos?

Deixa a pele lisinha. Água previne a celulite porque carrega para fora do corpo as toxinas responsáveis pelas ondulações. Também deixa a pele mais bonita, retardando o aparecimento de marcas de expressão e ruguinhas. É que o líquido é responsável pela hidratação das camadas cutâneas mais profundas. Engana-se quem pensa que esse papel é dos cremes. Tais produtos apenas criam uma barreira que não deixa a cútis se desidratar, mas para repor a água, só mesmo tomando-a no copo (ingerindo-a).

Combate os resfriados e as alergias respiratórias. Com o corpo hidratado todas as mucosas recebem sua parte. São elas que vão produzir as secreções – do nariz e da garganta – que mandam para fora os vírus responsáveis pela gripe e defendem o aparelho respiratório de agressões.

Um copo e nada mais. Você já deve ter ouvido falar que beber água durante as refeições faz bem. Mas só um copo! Não é mágica nem crendice. Tem explicação científica. Alguns golinhos ajudam na formação do bolo digestivo. Mas beber muito líquido pode atrapalhar. O nutrólogo João Curvo compara o processo com o cozimento em uma panela: se metade dela for preenchida de alimentos, ¼ de água e o outro ¼ for deixado vazio, o preparo é perfeito. Nesse caso, o fogo representa o suco gástrico presente no estômago. “Água demais prejudica o trabalho do estômago; o resultado é azia e má digestão.”

Evita as doenças renais. Faz uma tremenda faxina na bexiga. Manda para fora o excesso de sais que sobrecarregam os rins. A urina de quem toma bastante água é clarinha e inodora. De quebra, a limpeza que faz na bexiga ajuda a evitar doenças infecciosas causadas pela presença de bactérias que ficam alojadas no aparelho genital e sobem rapidinho para os órgãos internos. 



Continua...

Texto revisado por Cris


Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 26

Sobre o Autor: Suely Seabra de Sena   
Curso de Naturologia:Anatomia;Fisiologia;Farmacologia;Biologia Bioquímica Molecular e Celular;Iridologia;Fitoterapia Aplicada; Metodologia; Florais; Hidroterapia; Trofoterapia; Naturologia; Somatosíntese;Patologia;Terapias Corporais; Geoterapia; Psicoterapia;massoterapia;Primeiros Socorros;Auriculoterapia; Oligoterapia:Argila também na cosmética.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Transcomunicação Instrumental
artigo A liberdade de ser
artigo Você sabe quais os benefícios de um atendimento de radiônica?
artigo Do Oran Mor aos corações apaixonados pela Luz

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa