Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

A DECISÃO É SUA

por Leila Silva
A DECISÃO É SUA

Publicado dia 4/12/2009 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


A maioria das pessoas, com a chegada do final do ano, faz um balanço maior dos projetos que empreendeu durante os meses anteriores. Em quais obteve êxito, quais vão precisar ficar pela estrada e quais serão ajustados, para que possam continuar a serem implementados no ano seguinte.

Não são reflexões fáceis, mas são necessárias, uma vez que gasta-se muita energia sempre que se pretende realizar algo e muitas vezes, o que nos encantou e pareceu totalmente viável no início do ano, não merece de nós mais tanta dedicação. Em contrapartida, o que não pareceu tão importante e começou como uma coisa menor pode estar carecendo de mais atenção, nos despertando mais interesse.

Gosto muito dessa época, apesar de ser um pouco mais corrida, nos permite um equilíbrio mais consciente de nossos esforços. Uma faxina pessoal e profissional, dificilmente encontra um momento mais apropriado para ser realizada. Deixar para trás o que acabou ficando "pesado" para resgatar boas coisas e partir em busca de novas realizações pode ser um combustível novo a ser experimentado.

Não se pode adiar a felicidade indefinidamente e, para muitos, está mais do que na hora de ir em busca de alegrias e coisas que fazem bem. Ser feliz exige atitude e coragem, sem dúvida nenhuma. Pode ser a hora de retomar os estudos, empreender aquela viagem a muito sonhada, repaginar a própria vida, para que fica com a cara dos nossos sonhos. Por que não? A vida não teria propósito sem nossos sonhos. Seja lá o tamanho que eles tiverem.

Se pensarmos que existem inúmeros fatores que nos impedem o começo da trilha, podemos pensar que existe um compromisso com a nossa alma de sermos parecidos com a criança sorridente e arteira que deveria ainda, brincar dentro de nós. Alimentá-la, cuidar dela e caminhar de mãos dadas, deveria ser uma prioridade.

Sempre podemos dar espaço a ela, sempre. Temos sempre tempo para isso. Querer coisas boas é mais do que comprometimento. É compromisso. Não uma obrigação, mas um merecimento. Não uma troca, mas um direito. A decisão de ser feliz passa pela absolvição pessoal, quando reconhecemos que podemos errar, sim, mas que isso nos leva a escolha melhores, a decisões mais adultas que façam a nossa felicidade pessoal e a alegria de nossa criança interior.  

Texto revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 7

Sobre o Autor: Leila Silva   
Leila Silva é Promotora de Estilo e presta Consultoria no Rio de Janeiro. Saiba mais sobre Estilo e Moda visitando seu Blog www.leilasilva.wordpress.com.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Transcomunicação Instrumental
artigo A liberdade de ser
artigo Você sabe quais os benefícios de um atendimento de radiônica?
artigo Do Oran Mor aos corações apaixonados pela Luz

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa