Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

A humildade de quem sobrevive graças a 100 trilhões de bactérias

por Regis S Mesquita de Oliveira

Publicado dia 5/10/2012 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp






Leia a notícia do NY Times: 

"Durante anos as bactérias foram vistas como vilãs e tidas como responsáveis por infecções e doenças. Ou seja, algo que se deveria evitar a todo custo. 

Mas agora, sob o olhar mais detalhado de pesquisadores, bactérias ganharam um papel de destaque que vai muito além da saúde e da doença. Os 100 trilhões de bactérias benignas que habitam o corpo humano desempenham um papel vital na vida das pessoas.

... São essenciais para a vida, necessárias para a digestão e para sintetizar alguns tipos de vitaminas. Além disso, elas protegem nosso corpo contra doenças causadas por bactérias malignas.

Em uma pesquisa norte-americana que levou cinco anos, como parte do Projeto Microbioma Humano, que foi comparado ao Projeto Genoma Humano, 200 cientistas de 80 instituições sequenciaram o material genético de bactérias extraídas de aproximadamente 250 pessoas saudáveis.

Eles descobriram mais colônias de bactérias do que imaginavam - são milhares de colônias em cada pessoa. E variam de pessoa para pessoa".

https://www.nytimes.com/2012/06/14/health/human-microbiome-project-decodes-our-100-trillion-good-bacteria.html

Mutualismo é a interação entre duas espécies na qual uma ajuda e depende da outra. Estas bactérias precisam do nosso corpo para sobreviver. Apesar do texto não ter deixado claro, é provável que o ser humano também precise das 100 trilhões de bactérias para ter qualidade de vida.

A Bíblia diz que o humano foi criado para dominar a Terra. Nossos antepassados pensavam que a Terra era o centro do Universo. O Alcorão diz que Deus fez os anjos se prostrarem frente ao homem. Atualmente, religiões estão se expandindo divulgando informações como: você é perfeito, o que você pensa acontece, etc. São todas ideias megalomaníacas que mudam somente de época e de circunstâncias. Nestas ideias o ser humano é super especial, praticamente o centro da criação divina ou com super poderes especiais.

Na verdade, o ser humano é dependente até das bactérias - aqueles seres que te ensinaram a desprezar e combater. Basta ligar a televisão que verá propaganda de produtos químicos propondo contaminar seu corpo e o ambiente em troca de matar até 99% das bactérias.

A criação de Deus perderia sentido se a raça humana tivesse fim? Não, tanto é que a raça humana é muito recente na história do universo. São bilhões de anos (no mínimo) de criação/geração do universo, para poucos 200 mil anos de existência dos humanos.

Os espíritos dependem de existir humanos para poderem encarnar? Não, lógico que não. A origem dos espíritos antecede à raça humana.

Então, por que tanta megalomania? Imaturidade. É difícil para muitas pessoas aceitar que se a raça humana acabar, o universo continuará. Os planos de Deus continuarão, a vida espiritual continuará. Não somos o centro da criação divina, nossa raça não é eterna.

Saber que sem a ajuda das bactérias não conseguimos manter nosso corpo vivo, pode gerar um novo entendimento MAIS HUMILDE da vida. A vida foi organizada desta forma para que todo o Universo pudesse ter a oportunidade de ofertar e usufruir. Quanto mais amadurecemos, mais ofertamos. Ao evoluir desenvolvemos qualidades e habilidades que podem ser extremamente úteis para outros seres.

Vivemos em sociedade. A energia chega até nossas casas porque existe quem cuida deste setor. Nosso corpo precisa de bactérias para sintetizar algumas vitaminas. Recebemos muito, devemos ofertar muito. Esta é a grande função da evolução - contribuir cada vez mais para tornar mais justo, mais equilibrado e mais acolhedor, o local onde vivemos.

O foco do ser humano que cultiva a mente clara deve ser: desenvolver habilidades e qualidades para ofertar cada vez mais.

Não somos Especiais. Somos especiais na mesma medida que um gato ou uma ameba é especial. Na prática, não somos especiais. Não precisamos disto! Nossa vida é a mesma, mesmo que não seja especial. A realidade é mais forte que as ideias; a vida continua sempre como Deus a organizou. Quer tenhamos consciência ou não, quer aceitemos ou não - a vida é organizada pelas Leis de Deus.

Humilde, sabemos que o Todo "vive muito bem" sem nossa presença - não é dependente de nós e nem da nossa escolha. Somos incrivelmente minúsculos; todavia, podemos colaborar - temos potencialidades. Podemos nos esforçar para ofertar bastante e assim colaborar com o Universo.

Podemos colaborar, agir positivamente, ajudar, fazer bem feito, ser eficiente, amar, cuidar, amparar, estudar. Podemos fazer muito, porque o ser humano é o fazer; o fazer é muito mais importante que o pensar.

O que precisamos é romper com a consciência baseada no ego. É o ego que precisa se sentir especial. Nosso espírito e nosso self (Eu Sou) não está nem aí para este sentimento. O foco é servir, pois é servindo que o ato de fazer ganha equilíbrio. Explico: o que é bom para mim, também deve servir ao próximo.

Continue lendo o texto aqui: https://caminhonobre.com.br/2012/10/05/mutualismo/

Leia também:

Cientistas provam que eles são pouco evoluídos


Serei um aproveitador de tudo que há em mim


Aceitar viver a vida intensamente


O que esta criança fez para merecer tanta sorte?


Vibrações elevadas podem mudar nosso comportamento


 Regis Mesquita é psicólogo e Terapeuta de Vidas Passadas em Campinas, SP 

Seu site sobre regressão: https://www.tvphipnose.com.br/

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 2

Autor: Regis S Mesquita de Oliveira   
Visite o Site do autor e leia mais artigos..   


Veja também
artigo Transcomunicação Instrumental
artigo A liberdade de ser
artigo Você sabe quais os benefícios de um atendimento de radiônica?
artigo Do Oran Mor aos corações apaixonados pela Luz

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa