Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

ARUANDA – UM PORTAL DE LUZ!

por Marilene Pitta
ARUANDA – UM PORTAL DE LUZ!

Publicado dia 12/5/2011 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Sinto em meu coração quando leio as poesias de Castro Alves sobre o Navio Negreiro a presença da dor. Agora, mãe-avó sei que é mais que dor. É algo que fragmenta o coração em sangue. Retirados da sua aldeia, do seu chão, das suas águas, das suas montanhas, do seu calor e, principalmente, da sua risada livre correndo pelos campos com os animais. A Natureza se revela esplêndida a cada por do sol ou a cada nascer do sol. E as estrelas. Brincar de contá-las. Fazendo o quebra-cabeça com as Cassiopéia; Ursa Maior; Pleiades a tantos outros brilhos que fazem a dança do olhar amoroso. Acho que assim é que ficamos mais perto do Criador.
É essa a minha memória ancestral. Vem de longe. Ás vezes é amarga, outras vezes é doce como mel. Especialmente, meu pai me trouxe o encantamento pela cultura africana: os patuás, as cores, as guias, os protetores. Naquela ocasião, festa e folia de criança. Fui crescendo, estudando, pesquisando e as energias se aproximaram. Contaram suas histórias. Seus nomes. Sua missão na arte de curar.
A incorporação desse acoplamento energético me faz uma pessoa melhor. Agora eu sei que onde há FREQUÊNCIAS LUMINOSAS o espaço-tempo se dilui e fica somente uma PRESENÇA.

Quem me ensinou sobre isso foi um Preto Velho chamado “Seu Manuel”. Vinha todo dia trazer os nossos alimentos. Passava lentamente, parava, olhava para mim e me abençoava! Sua presença trazia segurança. Sua presença era nutridora. Seu caminhar pelas ruas Duque de Caxias era de Paz. Lembro tão bem do seu chapéu de couro marrom. Cabeça branca. Curvado. Os olhos miúdos e brilhantes. Falava pouco. Fica claro o sentido da Aruanda como um Portal de Luz.
Não se necessita de alarde. É um silêncio devocional. Sabe o que o outro necessita e traz uma matriz de CONFIANÇA NO DIVINO.

É como encontrar um Cálice (talvez o Graal) e saborear das coisas simples do bem viver. Gosto muito de uma canção do Gilberto Gil (com sua licença) ...”andar com fé eu vou / que a fé não costuma faiá”. É esse o meu aprendizado com os Pretos Velhos – nunca falham!Tem um tempo, um movimento, um ciclo; evidentemente, não tem a minha pressa, tem um ritmo. Creio que é o ritmo do Cachimbo! A arte de cachimbar é uma prece silenciosa. Os nativos americanos falam do Grande Espírito, da comunicação, da intimidade.

É a mesma coisa! Gosto muito de contemplar a Mãe Preta tão linda, tão meiga, tão paciente, tão amorosa, tão presente em minha vida! Meu Deus, como eu estou distante dessa energia de amor, paz e bênção! É conta para pagar, é buzina o dia todo, é correria; mas quando sento no consultório e inicio o meu dia abençoando, cuidando, esperando as pessoas entrando e saindo, abraçando e confiando...
Aí, sim, sou uma Preta Velha! Fico no coração da Paz e da Confiança na Espiritualidade Amiga.

Hoje, eu desejo agradecer ao meu pai, ao seu Manuel, e aos meus amados guias espirituais! Obrigada por me fazer ver e sentir a força da Aruanda Iluminada. Aprender a trabalhar em várias dimensões. Está aqui e agora e na expansão da consciência ampliar as percepções. Ver além. Ter paciência e silenciar. Aprender a perdoar a mim mesma e a todos que de uma forma ou de outra feriram, mas nem tanto: como Mãe Preta fala: ”você precisa aprender essa lição, minha filha; ás vezes tem coisa do passado que você nem sabe. Veja o rio é a mesma água que corre sempre para o mar, a gente não pega a água com a mão ela leva, é livre, voa. Tudo passa. O choro de hoje e a agonia de agora, mais tarde já passou. Anos depois, você encontra a pessoa que fez o machucado em sua alma e nada lha afeta. O segredo que quero lhe passar é que –não guarde mágoa, não prenda o seu coração, não coloque alfinete nele. Deixe o coração livre para a Luz chegar e habitar. O seu coração deve ser sempre a morada da Luz. É assim que a gente fica tudo junto! O Portal da Aruanda se abre desse jeito.”Vi uma fumaça dourada subir. Um pássaro passou.Nesses momentos, choro de alegria e agradeço.

E assim eu caminho. Bença. Tome conta de mim. E também estou me curando em comunhão com todos aqueles que me buscam na Terapia. Gratidão. Luz.
Texto revisado

Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo


Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 13

Sobre o Autor: Marilene Pitta   
Formada em Registros Akáschicos;Alinhamento Energético;Terapia Floral;Formação Holística de Base (UNIPAZ) com Pós Graduação em Terapias Holísticas;Mestrado em Educação e Desenvolvimento Humano. Consultas em Roda Xamânicas. Animal Poder.Atendimento com Conexão com o Povo das Estrelas (Arcturianos e Pleidianos). Atendimento á Distância e Presencial.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Você tem realmente esse tal Livre Arbítrio?
artigo Contrato com a morte
artigo Estesia
artigo A mudança deve ser interna

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa