auravide auravide

Conheça o caminho para ter um envelhecimento saudável e feliz

por Grupo Psicon

Publicado dia 25/6/2008 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Em 2025, o Brasil será o sexto país do mundo com maior número de idosos.
Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), são considerados idosos as pessoas com mais de 60 anos. O Brasil passará de 14 milhões e 100 mil para 33 milhões e 400 mil idosos.
Os fatores responsáveis pelo envelhecimento de um país são a baixa taxa de fertilidade (pelo baixo número de filhos dos casais modernos) e aumento da longevidade (maior descoberta de doenças, seus devidos tratamentos e melhora na qualidade de vida).
É um mito dizermos que para termos um envelhecimento saudável, devemos ter uma não incidência de doenças, já que o idoso na maioria das vezes, pelo desgaste do próprio tempo de vida, poderá ter doenças como diabetes, hipertensão, entre outros.
O caminho é desenvolvermos um envelhecimento ativo, onde a autonomia e a independência estarão presentes em nossa participação nas questões sociais, econômicas, culturais, espirituais e civis.
A adoção de estilos de vida mais saudáveis colaboram com um envelhecer ativo, alimentação, sono saudáveis, atividade física e etc.
É importante sabermos que ao envelhecemos, devemos diminuir as atividades aeróbicas e aumentarmos as de força.
Atividades estas que poderão ser caminhadas, musculação, natação. Além de dança, a yoga, o pilates etc., dentro do possível, atividades que nos proporcionem prazer, para nos mantermos motivados para sua continuidade.
Um estudo recente realizado na Harvard Medical School, sobre envelhecimento, trouxe-nos como contribuição a idéia de que, além da alimentação e atividade física, o emocional nos revela um grande aliado para longevidade saudável.

Neste estudo, os indivíduos foram divididos em dois grupos:

Os felizes e sem doença e os tristes e com doenças.
Os mecanismos de enfrentamento que mais diferenciaram os “felizes” dos “não felizes” são: sublimação, bom humor, altruísmo e saber esquecer e adiar.
O desapego, a criatividade e o perdão também podem ajudar muito.
Sabemos hoje que o envelhecimento é influenciado 30% por fatores genéticos, 20% por fatores ambientais e os outros 50% por nossas escolhas.

Há um provérbio chinês que diz:

“A juventude não é uma época da vida,
é um estado de espírito“.
Provérbio chinês.


A partir desta reflexão, faça você mesmo sua escolha, veja por qual caminho deseja seguir.

Silvia Ligabue
Psicóloga Clinica
[email protected]

Tels. 55 11 2865-4845 e 91296351

Texto revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 15

foto-autor
Sobre o Autor: Grupo Psicon   
Curso: Coaching em Bem estar pela Real Balance Global Wellness Services; 2010- Gestão em Qualidade de vida no trabalho;2009 ABQV/FIA Curso de atualização em Promoção da Saúde – Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP –2008; Participação em Congressos e Workshops e Grupos com temas em Qualidade de Vida – desde 2005 até o presente mome
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Treinando a não-mente
artigo Horário
artigo Ativação dos sentidos interiores
artigo Amigos extrafísicos

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa