Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
Home > Espiritualidade
Deus em nós - Busca e Fé

Deus em nós - Busca e Fé

por Euckaris Guimaraes Mendes
Facebook   E-mail   Whatsapp   chat aura


A Suprema Majestade do Universo é, por dignidade própria, o Inconcebível e o Incomparável. Não é digno de um raciocínio apurado dizer que Deus é infinito pois não sabemos o que é o infinito. Se ele existe foi criado, portanto, não pode ser o seu Criador. Nada se pode comparar ao Arquiteto Universal; de Sua vida estuante e vigorosa saem vidas com a marca do seu amor incomparável. Somos todos filhos do Amor.

Nós, os espíritos encarnados e desencarnados, devemos nos contentar em sentir Deus em todas as coisas, sem pretender o conhecimento completo da Sua magnânima natureza.
Somente Ele conhece a Si mesmo.

A nossa evolução, ou despertar, é gradativa em todas as circunstâncias. O saber sobre o Senhor nos vem pela força do progresso, que no-lo entrega pelas mãos do tempo. Se a natureza não dá saltos em campo algum da vida, comecemos a estudar a nós mesmos com grandes vantagens em relação ao conhecimento de Deus e, se quisermos avançar mais, entremos na escola do AMOR, que ele poderá nos transmitir as primeiras lições sobre os atributos da Divindade.

Temos ao nosso alcance todos os meios disponíveis para conhecer o desconhecido, pois é a razão, a ciência, a filosofia e a própria religião, que nos induzem a isso; no entanto, somente o Amor mais puro é que nos faz sentir o nosso Pai mais próximo de nós, a pulsar dentro dos nossos corações e a nos dizer: A Paz seja Convosco, que traduz toda a felicidade na brandura e na suavidade do Seu calor Espiritual.

Todas as comparações que fazemos de Deus, todos os relevantes postos que a Ele atribuímos O diminuem em vista da nossa pobreza de linguagem, porque Ele é, em essência, O Incomparável!

Deus é infinito nas Suas perfeições, nas qualidades inerentes a Sua personalidade que se irradia em todas as direções, que sustenta e dá existência a todas as dimensões do existir.

Ele é o Todo que se vê e, muito mais, tudo o que os nossos sentidos não alcançam. Ele é Espírito e importa, sim, que O adoremos em Espírito e Verdade.

Ele está presente nas claridades do máximo e na luz do mínimo.
Ele vibra nas formas das estrelas e canta nos movimentos dos átomos.
Ele faz mover todas as constelações e harmoniza todo o ninho cósmico.
Ele sorri para nós através das flores e nos dá as mãos pelas mãos dos nossos benfeitores.
Deus é ternura, na ternura do Seu coração.

A melhor definição que temos de Deus ainda é a do Apóstolo João:
DEUS É AMOR! Ainda assim, entendemos que o Amor é atributo da Divindade
não é a Divindade! (Filosofia Espírita – Miramez)


“Era uma vez, um menino todo de sal. Ele queria saber como era Deus... Como sentir Deus... Onde encontra-Lo... Como falar com Ele e perguntar muitas coisas como, por exemplo, de onde viera.

Saiu pelo mundo perguntando ao sol, à lua, às estrelas, ao vento, aos pássaros... mas nenhuma resposta o satisfazia.

Um dia, após andar e andar, encontrou o mar. Feliz, sentindo a areia fina sob os pés, sentou-se e ficou a observar o Oceano de Deus, imenso, harmonioso com o equilíbrio das Leis Universais, e pensou:

- Deve ser aqui que Ele mora. É tão grandioso! Esse movimento tão certinho das ondas, vai e vem, sempre obedecendo o mesmo espaço de tempo... quem poderia fazer isso com tanta perfeição? Movimentar esse colosso de água, só pode ser serviço de Deus, homem nenhum faria isso como se fosse um copo de água...

De repente, apareceu uma ninfa de cabelos longos e disse:
- Se quer saber mesmo quem é Deus e de onde você veio, não tenha medo, mergulhe no Oceano de Deus e sinta que faz parte Dele. Dele você veio e para Ele voltará.

A criança de sal muito feliz, foi então entrando no Oceano de Deus, confiante foi se dissolvendo pouco a pouco nele, até se integrar totalmente com suas águas. Cheia de alegria e entusiasmo, repetia sem parar:

- Agora sim, eu sei quem é Deus, posso senti-Lo em todo o meu ser. Fluo Nele tanto quanto Ele flui em mim!”

Deus não se explica, é preciso senti-Lo, fluir Nele, mergulhar Nele e assim se integrar no TODOSER – Dele viemos e para Ele voltaremos!

Eu e o Pai somos apenas um, disse Jesus.
Nós tambem o somos...

“A Fé nos instiga a buscar, explorar o mistério da existência, nos encoraja a
encontrar nossas respostas e um sentimento de libertação. O sentimento de
unidade permite uma relação amorosa sem estreiteza, fanatismo ou arrogância
com o semelhante e com o Divino”.

OBS. MAIS UMA PÁGINA DO LIVRO DE MINHA AUTORIA: "NOSSAS PALESTRAS"

EUCKARIS GUIMARÃES MENDES

COM MUITO AMOR!!!


Texto revisado por: Cris


Consulte grátis
Mapa Astral   Tarot   horoscopo




Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 26
Atualizado em 02/02/2009

Veja também
artigo A resiliência pode ajudá-lo a superar a crise
artigo Só o agora importa
artigo Você sabe quem é quem na trama familiar da mãe abusiva?
artigo Coração Ardente

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




horoscopo



Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa