Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Dois Mundos Distintos

por Marcos Spagnuolo Souza
Dois Mundos Distintos

Publicado dia 28/6/2012 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


O nosso planeta Terra possui aproximadamente cinco bilhões de anos e nesse período desenvolveram centenas de civilizações, inclusive, muitas sociedades apresentaram progressos tecnológicos superiores ao atual agrupamento humano. Existem períodos de desaparecimento de todas as galáxias, épocas de destruição de galáxias individuais, de sistemas planetários e extinção de planetas específicos. O planeta Terra morreu inúmeras vezes e inúmeros foram os seus renascimentos. Os aniquilamentos das formas são acompanhados pelos renascimentos.

O nascimento, crescimento, morte e renascimento seguem o fluxo de existências subjetivas e, no caso específico do nosso planeta, o seu sistema de manifestação e desaparecimento é controlado pela estrutura astral planetária que é um campo de força que acumula todo o conhecimento das experiências planetárias. O planeta Terra e a estrutura astral planetária se alimentam reciprocamente sendo que depois de um longo período de milhões de anos, os planos astrais são totalmente extintos e logicamente tudo que está inserido no espaço/ tempo desaparece. Os constantes aniquilamentos mostram a não sustentabilidade virtual de todas as coisas que possuem forma, tanto no plano objetivo ou subjetivo.

O campo de força no qual está inserido, tanto o planeta material e sua estrutura astral, não constituem a única realidade, pois acima da velocidade da luz existem dimensões que se caracterizam pela inexistência do espaço, tempo e forma o qual o denominamos de campo impessoal. Fica evidente que temos dois níveis distintos sendo que o primeiro é constituído pela materialidade e as subjetividades astrais. O segundo plano é impessoal predominando a ausência do espaço, tempo e formas. Na cultura vedanta, o nível tridimensional é denominado de “apara-prakrti” ou natureza material e a dimensão impessoal é caracterizada como sendo “para-prakrti” ou natureza espiritual.

A natureza material, em todas as suas dimensões possuem formas que estão inseridas dentro do espaço e tempo, sendo que a característica fundamental é o desaparecimento, ou seja, tudo na natureza material morre inclusive a própria natureza material devido a sua virtualidade. A natureza impessoal é imortal, atemporal e não espacial. Tentando descrever os dois aspectos salientados a cultura vedanta caracteriza a dimensão impessoal de “Brahman”, ou seja, impessoalidade penetrante; o nível material é denominado de “Brahma” significando a forma criada na existência temporal.
O aspecto mais importante é que tudo que possui forma é limitado e a estrutura impessoal interpenetra todas as formas no espaço/tempo por ser onipresente.

Texto revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 8

Autor: Marcos Spagnuolo Souza   
Visite o Site do autor e leia mais artigos..   


Veja também
artigo Transcomunicação Instrumental
artigo A liberdade de ser
artigo Você sabe quais os benefícios de um atendimento de radiônica?
artigo Do Oran Mor aos corações apaixonados pela Luz

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa