auravide auravide

ESCRITA

por Renata Cibele Lima

Publicado dia 11/7/2012 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Escrevo mesmo.

Não escrevo só gentilezas.

Denuncio sentimentos, olhares e pensamentos.

Não sei se agrado.

Mas agradar não é a missão.

Escrever é acima de tudo.

Coragem.

Encarar e despir.

Enfrentar ventos e versos.

Tempestades.

Às vezes, só brisa.

Ser ventinho manso.

Deixar-me quieta.

Não incomodada.

Solta.

Liberta.

Sem me importar com o que se passa.

Deixar passar o incômodo.

Vida leve.

Leveza no sentir.

Poesia.

Resolver agradar o vento.

Amansar leões nas linhas
ou atiçar.

Ser escritor.

Pontos, vírgulas, exclamações e porquês!

Com acento ou sem acento?

Sei lá!

Tem que estudar!

Se comprometer.

Escrever não é brincadeira!

Se tocar no meu diário de vida.

Eu denuncio na hora.

Ou renuncio as minhas verdades.

Isso jamais faria.

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 2

foto-autor
Sobre o Autor: Renata Cibele Lima   
Renata Cibele Lima é Escritora, Arte-Educadora, Artista Plástica, Pesquisadora e Consultora em Desenvolvimento Humano.
E-mail: dlima_r@yahoo.com.br
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Pontes Imagináveis
artigo Auto avaliação
artigo Recado espiritual de um Amparador Budista
artigo O que significa viver no presente?

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa