Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Ninguém pode te salvar!

por Viviane Draghetti

Publicado dia 21/4/2019 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Estamos em tempos de expansão de consciência, evolução e desenvolvimento pessoal, porém, ainda é muito comum pessoas procurando um “salvador”, alguém para resolver seus desafios/problemas e “tirar sua dor”, ou seja, salvar sua vida.
Alguns elegem como salvadores os pais, cobrando e fazendo exigências infantis, seu marido/esposa, ou ainda um filho, acreditando que pode salvar um casamento que já fracassou.
Outros apostam nas religiões, nos terapeutas, psicólogos, nos Mestres Espirituais, em Jesus, esperando que venham lhe salvar, lhe apresentar uma fórmula mágica que independe do seu esforço pessoal.
Há aqueles que esperam serem salvos pela economia, pelo governo, por um prêmio na loteria, enfim, por algo sempre externo e assim, continuam cobrando da vida, como crianças mimadas.

Buscar um salvador é uma forma de delegar uma responsabilidade que é pessoal, de ser responsável por sua vida e por tudo que criou, consciente e inconscientemente, e assim, permanecer na posição de vítima.
Mas por que existem tantas pessoas buscando salvadores externos? A resposta é simples, por que muitos se intitulam assim “Eu posso te salvar, curar sua dor”; “Minha religião pode te salvar”; “Minha bondade e caridade podem te salvar”, “Como terapeuta posso te salvar”. E isso se transforma em um jogo de vitimização e egocentrismo, que traz frustrações e mais inconsciência.

Toda pessoa que acredita que pode salvar o outro, está agindo a partir do ego e não da consciência; ser salvador é uma fachada, não é autêntico, pois esconde inseguranças e necessidade de aprovação de terceiros.
O salvador é aquela pessoa insegura que precisa de aprovação constante do outro, que não se sente amado e não se ama, e quer validação de terceiros para continuar fazendo seu trabalho.
O salvador muitas vezes faz caridade inconsciente, ou seja, finge ajudar todos, mas, na verdade, precisa de ajuda, pois esconde de si e dos outros, seu imenso vazio interno.  Não flui na vida, nos relacionamentos afetivos, na vida financeira, sua saúde está péssima, mas diz de forma inconsciente que “o importante é ajudar o outro e deixar suas dores de lado”.

Isso não é caridade, não é bondade, é necessidade de aprovação e pura insegurança. Se eu não cuido de mim, nunca poderei facilitar a autocura no outro. E por que facilitar? Por que não curo e nem salvo ninguém, apenas facilito aprendizado, conhecimento, técnicas, e cada um precisa fazer por si, uma vez que cada um é responsável  pela vida que criou.
Quando me coloco na posição de salvador, acreditando que posso curar e salvar os outros, interfiro no livre arbítrio, que é limitado, assumo karmas e emaranhamentos alheios e ainda tiro a força e os desafios necessários de quem pede ajuda.

A verdade é que ninguém cura ninguém, não existe no externo algo ou alguém que pode te salvar!

Se você criou doenças, só você pode se curar;
Se criou dívidas, você tem a obrigação de pagá-las;
Se criou medo e desamor, precisa aprender a agir a partir do amor;
Se seu relacionamento está péssimo, não é um filho que pode salvá-lo. Não coloque essa responsabilidade tão pesada em cima de uma criança.

Se faz caridade para fugir de si mesmo, precisa aprender a se amar e se colocar em primeiro lugar.

Não transfira sua vida e sua força para terceiros. Vocé é o único responsável por sua vida, tem o dever de resolvê-la, pois tudo que é, está e tem, nesse momento, foi por você criado. Não seja infantil ou iludido, o mundo, a vida, as pessoas não se adaptarão às suas crenças ou vontades, você que precisa se adaptar ao planeta/cidade/estado, que escolheu viver, ou fazer novas escolhas que lhe tragam mais paz, amor e autorresponsabilidade.

Texto Revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 1

Sobre o Autor: Viviane Draghetti   
Terapeuta Holística, Coach de Autoconhecimento, Instrutora de Yoga, Mestre Reiki, Karuna Ki e Seichim, Especialista em Geobiologia Alquímica, técnica de limpeza energética profunda, à distância. Há 10 anos, sua missão é auxiliar no Desenvolvimento Pessoal e Espiritual das pessoas, através de atendimentos, cursos, treinamentos, palestras.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Cuide da sua energia
artigo O Invisível, visível, 2
artigo Quando as Estrelas Descem Para Dançar no Coração do Homem
artigo O poder do desinteresse

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.








horoscopo



auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa