auravide auravide

O Simbolismo da Árvore de Natal

por Roberto Gwydion

Publicado dia 17/12/2008 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Natal é uma festa ligada à família. É um momento mágico no ciclo do Ano onde a poderosa egrégora ligada ao nascimento do Cristo está elevada, e no qual celebramos a esperança no futuro, a nossa ligação com Deus e celebramos a família.

Os povos antigos comemoravam o nascimento do Deus Sol, que começa, neste dia, a aumentar sua luz sobre o planeta, aumentando os dias em relação às noites. Aqui no hemisfério Sul, época de plena Luz, onde o Sol está em seu ponto de maior presença em nossas vidas, temos a vantagem de comemorar a festa do Natal Cristão num clima de alegria e vitalidade. O simbolismo antigo implícito na árvore de Natal, associado às características brasileiras, faz com que seja ela um elemento importante e essencial na celebração do Natal no Brasil. A árvore simboliza a nossa genealogia familiar e pra nós, brasileiros, representa, juntos, a esperança e a vitalidade, a natureza e a fertilidade, projetando a prosperidade e harmonia nas relações fraternas e familiares, nos relacionamentos e no plano emocional.

Montar e enfeitar a árvore de Natal em família é um hábito que vêm sendo esquecido pela maioria das pessoas, mas é um momento especial que deveria ser aproveitado de forma ritual e mágica. Reúna a família para esse ato, acenda uma vela, faça uma oração em conjunto e mantendo um ambiente de harmonia, alegria e fraternidade, iniciem a montagem da árvore enquanto conversam sobre a importância dos laços familiares, das coisas boas que a família viveu no último ano e das esperanças para o próximo período.
A árvore, com seu verde representa a esperança, a natureza, a manifestação da vida na Terra em seu eterno ciclo de nascimento, vida, morte e transformação. Da semente que cai no solo, germina, cresce, floresce, semeia, morre e se transforma em adubo para outras plantas e alimento para outros seres. Assim, o Natal marca o início de um novo período e a árvore nos lembra a cada ano, que podemos acreditar, ter fé na vida e manter a esperança no amanhã, pois a vida sempre recomeça. As bolas representam os frutos e a nossa esperança em todas as áreas da vida para o próximo período, simbolizam os frutos que queremos colher no próximo ciclo da Roda do Ano até o próximo Natal. Portanto, é importante enfeitarmos a árvore com muitas bolas e muitos enfeites, pois simbolizam a fartura.

A estrela no alto da árvore simboliza nossa Luz Interior, nossa centelha divina e a força maior que nos leva adiante, que nos impulsiona no sentido de cumprir nosso papel nesta vida. É a estrela guia, são nossas motivações interiores que nos levam a cumprir, através de nossos dons, o nosso real papel e missão nesta vida. A busca pelo autoconhecimento, lapidando a pedra bruta que temos dentro de nós e encontrando nosso cristal interno (Cristo); é o objetivo ao qual a estrela nos guia. Assim como fez os reis magos seguir a estrela para viver e encontrar o nosso próprio menino Cristo, é o sentido e a nossa maior tarefa na vida. Levar presentes, assim como fizeram os reis magos, representa a necessidade de doação, de nosso esforço pessoal em dar algo para mudar nosso caráter, nossos hábitos e transformá-los em virtude.

Ação, fé e confiança em alcançar um objetivo são as lições dos reis magos e a estrela representa esse objetivo. Enquanto no Reveillon fazemos pedidos para a prosperidade material, no Natal, nossas esperanças devem ser dirigidas ao plano emocional, à família, aos relacionamentos fraternos e à espiritualidade. É importante colocar aos pés da árvore, os presentes simbolizados por caixas caprichosamente embrulhadas, onde os membros da família colocam dentro de cada uma um papel onde escrevam as suas esperanças para o próximo ano. Importante que não sejam pedidos materiais, mas sim, objetivos e esperanças no plano emocional: melhorar o relacionamento com alguém, mudar um aspecto negativo de seu caráter, ou de alguém da família, pedir para que a família reforce cada vez mais seus laços fraternos.

Estes presentes simbolizam “o que doamos” e, assim, o mais importante é colocarmos neste papel o que pretendemos “dar em troca”, pois tudo no universo é ação e reação. Escreva o que está disposto a dar em troca: esforço que fará para mudar, que atitudes tomará para reverter a situação em um relacionamento, que mudanças de hábitos pessoais ruins fará. E assim como os reis magos, acredite e siga sua estrela. Uma vela amarela colocada aos pés da árvore para ser acesa na noite de Natal, configura um ambiente mágico, nos ligando ao plano espiritual e nos lembrando, através da chama (elemento fogo), da esperança no amanhã e a fé no plano Divino (Deus-Deusa). O fogo nos liga ao plano espiritual e ao nosso universo simbólico. A vela é o caminho mais curto para nos ligarmos ao plano Divino.Um recipiente com água (tampado para evitar impurezas) nos remete ao inconsciente, à purificação e à abertura da intuição pois nos liga ao plano emocional através do elemento água. Colocada ao lado da vela, aos pés da árvore, cria o ambiente mágico junto com a vela acesa.

Na noite de Natal, esta água (que poderá ser tomada com alguma intenção) será fluidificada pela energia da egrégora muito poderosa que se cria desde o início do mês de dezembro e se mantém até o dia 28 do mesmo mês, onde, em todo o mundo as pessoas se confraternizam e celebram a esperança do "menino da promessa" e o início do novo ciclo. Celebrem a Vida e tenham um Feliz Natal com as bençãos do Divino!

Texto revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 15

foto-autor
Sobre o Autor: Roberto Gwydion   
Terapeuta transpessoal e psicoterapeuta. Tem sua formação acadêmica em ciências sociais, psicossintese,Regressão de memória, Formação em terapia floral avançada e naturopatia holistica.
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Não se trata do que eu devo nem do que eu quero...
artigo Infeliz
artigo O sagrado
artigo Tenha uma vida afetiva abundante

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa