auravide auravide

Onde se acha a verdadeira beleza


Facebook   E-mail   Whatsapp

A beleza está verdadeiramente nos olhos de quem vê. É uma visão subjetiva, uma perspectiva única que reflete a nossa percepção interior. Nossas memórias individuais consideram certas coisas como reconfortantes ou bonitas; para outros, essas mesmas imagens podem parecer comuns ou mesmo pouco atraentes. Meu bulldog Inglês, Elizabeth, é um exemplo perfeito disso. Eu nunca vi nada mais bonito: o amor que irradia sua personalidade única, a sua devoção, tenho prazer em todas as suas idiossincrasias. No entanto, quando ando com ela pela rua, as mães tendem a resgatar seus filhos e desesperadamente colocá-los longe das garras desta criatura feroz. Essa é a natureza da percepção.

Nossa percepção foi colorida por nossas experiências de vida. Muitas vezes, os medos e traumas de infância nos deixaram cegos para a beleza ao nosso redor; como se tivéssemos nos fechado para o mundo, para nos proteger de um perigo iminente.

Mas como podemos limpar o vidro de nossa percepção, para ver novamente a beleza do mundo como uma criança?

Toda vez que você ver alguma coisa em seu ambiente que você não gosta, vá para dentro para ver o que faz você sentir isso. Muitas vezes, você vai achar que há alguma memória celular de um evento que aconteceu no passado, que deixou uma carga emocional em relação ao que está acontecendo agora. Se você se permite sentir essa emoção, verá que o descontentamento interno desaparece, e você é capaz de aceitar o que está acontecendo com mais inocência e alegria. Em muitos casos, a causa externa do desagrado também irá alterar ou mesmo desaparecer completamente. Isto é especialmente importante em nossas relações pessoais; as pessoas mais próximas a nós são muitas vezes os nossos melhores espelhos, e na maioria das vezes, as coisas que nós rejeitamos em outras pessoas são aspectos de nós mesmos que não estamos dispostos a aceitar.

Eu sempre tentei mudar o mundo, mas eventualmente, acabei mudando eu mesma e, então, de forma automática o mundo mudou. Qualquer tentativa de mudar o mundo que não comece com a mudança interna, em última análise, falhará. Se eu estou focado no que está errado, eu vou encontrar uma longa lista de problemas. Mesmo no paraíso, o nosso foco total se concentrará numa garrafa de plástico jogada na praia, ou no saco de lixo flutuando no vento. De repente, nosso paraíso perde o seu esplendor, enquanto a mente inquieta nos aponta isso como outra coisa a consertar, algo a mais para se preocupar.

Quando começamos a ser amor, vemos a beleza em tudo. Poderia ser um golden retriever campeão em Cruft, ou um cão de rua sarnento com pedigree duvidoso, para dizer o mínimo. Em cada representação individual de amor incondicional, você começa a descobrir a beleza. Esta beleza só pode ser percebida a partir de um vácuo, desprovido das comparações e opiniões de um personagem construído por meio de nossa interação com a sociedade, a verdadeira beleza da criação é revelada a nós. No vácuo, o espelho do mundo, apenas reflete a luz do amor.

Costuma-se dizer que a beleza está nos olhos de quem vê, se pudéssemos ver a beleza com o olho da totalidade, cada expressão única da existência neste planeta seria percebida em sua perfeição. Se pudéssemos ver além dos julgamentos e opiniões que nos separam, que dividem nações, raças e ideologias, que criam a ilusão de "nós e eles", desapareceria a necessidade de defender o que é "nosso" para nos protegermos de um mundo aparentemente hostil e imprevisível.

Onde você pode encontrar a beleza? Se você olhar, você vai descobrir. E se a beleza está no olho do observador, consequentemente, alterando o espectador, podemos realmente mudar o mundo.

*Escute a nova canção de Isha “One World, One Hope, One Dream” e faça sua votação para a concorrência de MasterPeace, clicando aqui

Um Mundo

As nuvens são como sonhos
nossos desejos podem formar sombras
tapam a luz
e não podemos ver mais nada
O sol dá calor
a tudo que acaricia
Seja como o sol
e logo verás

Um mundo
Uma esperança
Um sonho que nos une a todos
Um amor
Uma boca
para alimentar
A vida convida a todos nós

Os medos são como muros
que nos aprisionam em estruturas
sufocam a confiança
e não podemos ver mais nada
A lua ilumina o caminho
quando tudo está escuro
Seja como a lua
e logo verás

Um mundo
Uma esperança
Um sonho que nos une a todos
Um amor
Uma boca para alimentar
A vida convida a todos nós a vivermos como um

A beleza é agora
não espere o futuro
e serás o amor
A terra tem o suficiente para tudo o que abriga
seja como a terra e logo verás

Um mundo
Uma esperança
Um sonho que nos une a todos
Um amor
Uma boca para alimentar
A vida convida a todos nós
a vivermos como um

Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 47


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Isha Judd   
Isha é mestra espiritual reconhecida internacionalmente como embaixadora da paz. Criou um Sistema para a expansão da consciência que permite a auto-cura do corpo, da mente e das emoções. Site oficial www.ishajudd.com
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa