auravide auravide

Reconheça a sua importância na vida e não a negue

por Nelson Sganzerla

Publicado dia 24/5/2012 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


Autoestima em baixa, muitas vezes por problemas meramente estéticos: estamos fora do nosso peso ideal, nos sentimos fora dos holofotes do mundo onde se prega a beleza estética. Fora do peso, somos vistos como pessoas descuidadas e sem nenhuma preocupação com a saúde.
É isso que está por aí na mídia e no dia a dia.
Basta ligar a televisão e se deparar com programas que falam de obesidade, dietas, seja à base de remédios ou alimentação natural, fórmulas milagrosas fitoterápicas, sistema de emagrecimento, pelo controle de calorias consumidas diariamente, teorias e teorias, mas nem sempre se encaixa com a realidade de uma pessoa que está fora do peso.

De nada adianta querer doutrinar as pessoas para fazer determinados programas de saúde se as mesmas não estiverem preparadas para isso.
Essas decisões, acreditem, está em cada um de nós, ou seja, em cada individualidade; há por detrás disso problemas psicológicos que foram somatizados às vezes durante anos, não vai ser nenhum programa de dieta que irá solucionar, um problema da mente.

Hoje, vivemos de modismos, tudo o que está aí é para o proveito lucrativo das grandes indústrias de alimentação e saúde. Você por acaso já viu, na época de seus avós, fazerem exercícios? (veja, acho exercício físico muito importante) Ou algum tipo de dieta? Por acaso eles conheciam a palavra colesterol? Alimentavam-se de produtos diet, ou zero gordura trans?
E quanto tempo viveram e desfrutaram de uma boa vida com muita saúde? Óbvio, ninguém aqui é tolo ao ponto de chegar a altos exageros, hoje em dia a expectativa de vida aumentou e pelo fato de se viver mais são necessários certos cuidados, que antigamente, talvez não fossem.

Mas qual é o ponto: somos escravos dessa mídia, que através dessa doutrina nos faz ter a crença, do belo padrão de beleza que sem o qual não nos sentimos bem. Deixamos, então, que uma baixa autoestima tome conta e se apodere do nosso ser e assim passamos a procurar fórmulas infalíveis para esteticamente estarmos bem, mas, não pela saúde do nosso corpo e da nossa mente, mas para estarmos dentro do padrão de beleza que nos foi incutido em nossa mente.

Na cultura oriental, a grande preocupação é com uma mente sadia. Geralmente, não vemos nenhuma mulher oriental preocupar-se com a beleza do seu corpo ou de seu rosto e se observarmos, existem mulheres lindas sem nenhum recurso de plástica, ou seja, rostos naturais e corpos naturais em perfeita harmonia com o universo. O que nos falta é a nossa própria valorização, aquilo que somos como pessoas ou indivíduos falta valorizarmos o nosso SER e entendermos definitivamente o nosso papel aqui no Planeta Terra.

Quais seriam esses papéis?

O nosso valor como pessoa, na condição de pai e mãe, na condição de filhos, amigos, companheiros, maridos, esposas, namorados, amantes, profissionais, todos nós sem exceção, possuímos relevante papel no convívio com quem nos é caro e em sociedade; independentemente de sermos bonitos esteticamente ou não, somos valorizados pelo que somos e pelo papel que exercemos na vida de cada uma das pessoas, com as quais convivemos.

O grande erro é acreditarmos que tudo está fora, é colocarmos a responsabilidade de todo nosso sofrimento para mundo externo, quando a grande responsabilidade de nossa vida seja para o sofrimento ou para a felicidade está dentro de nós e somos os únicos responsáveis pela nossa vida.

Não compreendemos o valor que temos na vida das pessoas que convivem conosco, entramos em depressão, por acharmos que não temos nenhuma importância ou que não nos dão nenhuma importância, que não somos amados, pelo que somos; mas somos nós mesmos que não nos damos essa devida importância.

Estamos fora de peso, estamos com as rugas da idade ou sem aquele viço da juventude, queiramos ou não, a vida está seguindo seu curso e não voltaremos a ter o mesmo peso da juventude e nem a mesma pele, mas uma mulher com certa idade tem a sua beleza, basta ter olhos para ver.

Faça falta no seio da sua família e verá no que isso irá acarretar para o bem-estar dos seus filhos no que diz respeito à falta que você irá fazer, no comando do seu lar.
Procure viver sem a presença da pessoa que você ama e verá o quanto farão falta um ao outro.
Viva distante de um amigo por um determinado tempo, e sinta a falta e a importância da presença desse amigo, em toda conversa intima que vocês confidenciavam um ao outro.

Isso são fatores relevantes em sua vida como pessoa que é. E nos esquecemos disso e procuramos melhorar nossa autoestima de uma maneira, fabricada ou industrializada, como embalagens coloridas de suco de laranja que compramos em um supermercado, todas com um mesmo padrão de beleza.

Não fique negando sua importância nem a sua beleza, entenda que se você não se aceitar o mundo não irá aceitá-lo (a) mais uma vez; não está fora e sim dentro, a beleza da mulher está em sua naturalidade, em seu sorriso, no brilho dos olhos, na simplicidade dos cabelos em todas as manhãs. Na sua delicadeza e na sua leveza ao caminhar. Tolo é o homem que não enxerga isso.

Todos sem exceção temos importância aqui nesse Planeta Terra, pois somos todos abençoados pelo nosso Pai Celestial e sejamos ricos, pobres, fora de peso, velhos, jovens, crianças, temos a beleza que é só nossa.
E não existe tratamento de estética no mundo que irá nos colocar melhores. Se a nossa beleza não vier de dentro e não a valorizarmos. E, principalmente, não a negarmos.

Pense nisso...



Texto revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 270

foto-autor
Sobre o Autor: Nelson Sganzerla   
Uma ALMA encarnada no Planeta Terra, que busca a ascensão para a LUZ
E-mail: nelsonsganzerla@terra.com.br
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Abrandar o sofrimento
artigo Apenas um espírito espiritualista
artigo O que é o EU?
artigo Orientações Astrológicas para 2021

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.


auravide

 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa