auravide auravide

REESTUDANDO O EVANGELHO 4


Facebook   E-mail   Whatsapp

NINGUÉM  PODE VER O REINO DE DEUS SEM NASCER DE NOVO

- Ora, havia um homem entre os Fariseus chamado Nicodemos, senador dos Judeus, que foi à noite encontrar Jesus e lhe disse: Mestre, sabemos que viestes da parte de Deus para nos instruir como um doutor; porque ninguém poderia fazer os milagres que fazeis se Deus não estivesse com ele.  Jesus lhe respondeu: - Em verdade em verdade vos digo: ninguém pode ver o reino de Deus se não nascer de novo. Nicodemos lhe disse: - Como pode nascer um homem que já está velho? Pode ele entrar no ventre de sua mãe, para nascer uma segunda vez?  - Jesus lhe respondeu:  - Em verdade em verdade vos digo: se um homem não renascer da água e do espírito, não pode entrar no reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, o que é nascido do Espírito é espírito. Não vos espantais do que eu vos disse que é preciso que nasçais de novo. O espírito sopra onde quer e ouvis sua voz, mas não sabeis de onde ele vem e para onde ele vai. Ocorre o mesmo com todo o homem que é nascido do Espírito.

Nicodemos, além de fariseu era senador dos Judeus, portanto homem importante que deveria ser culto e conhecedor profundo das escrituras. Jesus normalmente peregrinava durante o dia instruindo o povo, e à noite recolhia-se para o necessário descanso. Se Nicodemos o procurou à noite, não foi só para evitar as multidões que cercavam constantemente Jesus, mas para ter tempo mais dilatado e reservado para dialogarem. Por certo, mesmo sendo uma alta autoridade de Israel com poderes quase ditatoriais sobre o povo, apresentou-se perante Jesus humildemente, indo ao seu encontro quando poderia simplesmente mandar chamá-lo para o interrogar. Essa atitude não farisaica determina sem sombra de dúvidas que respeitava e acreditava em Jesus e tinha severas dúvidas quanto à reencarnação. A grande dúvida dele não parece ser o fato de um homem já velho poder adentrar o seio de uma jovem nascendo novamente, pois nas escrituras hebraicas haviam diversas passagens sobre o assunto, mas quem é o homem em si, e como trilha seu caminho espiritual. O cerne da questão, de onde vem o espírito e para onde vai, foi analisado e discutido durante horas, até Nicodemos saciar sua sede de saber sobre esse como outros assuntos referentes ao destino do homem, a necessidade da reencarnação, o futuro próximo e remoto do espírito, a concepção de Deus.

Quando os mestres da espiritualidade retornaram à pátria espiritual, os sublimes ensinamentos ficaram disponíveis, e os homens passaram a interpretá-los conforme sua capacidade de entendimento. Os verdadeiros valores evangélicos ficaram aguardando o amadurecimento gradual da humanidade, e no momento oportuno apresentou-se o Espírito da Verdade através da mediunidade para revivê-los. A reencarnação não só é a peça chave para o avanço e aprimoramento individual, mas também para remanejar os diversos mestres das ciências, artes, política, economia, saúde, educação, bem estar social, esportes etc., conforme as necessidades grupais, gerais ou universais.

Tratando-se da colocação de que os Senhores da Vida usam a reencarnação de espíritos mais avançados oriundos de mundos superiores para acelerar ou dar continuidade ao progresso do planeta, por certo Jesus também foi um desses expoentes que renasceu com esse objetivo. Jesus deve ter-se especializado em escolas siderais destinadas a esse mister como outros bilhões de alunos da Vida que se colocam à disposição Dela para auxiliar seus irmãozinhos menores.

Como é sabido, há uma banda energética não só para as encarnações, mas também para o fenômeno mediúnico inteligente. Tanto em um como outro caso, um espírito para renascer ou mediunizar não pode estar abaixo de determinada frequência energética como, por exemplo, a encarnação de um elementar. Da mesma forma, o postulante ou agente inteligente não pode estar acima da frequência determinada pelo limite da banda estabelecida. Fora dessa banda fluídico-energética tanto física como psiquicamente o homem não tem condições de adentrar (ou sair) a não ser pelo pensamento. Baseado nessa Lei deduz-se que Jesus deveria estar dentro dessa banda energética, portanto ainda vinculado às frequências energéticas compatíveis com nosso planeta, sem o que seria impossível seu nascimento aqui. Tanto é que há espíritos superiores habitantes de nosso sistema solar sem possibilidade nenhuma de adentrar os parâmetros psico-biofísicos dos encarnados na Terra. Em princípio, podem renascer aqui espíritos altamente superiores aos alunos aqui acantonados, desde que não ultrapassem o limite energético preestabelecido. São os professores, cientistas, instrutores, que verdadeiros missionários adentram faixas energéticas, sentimentais e morais altamente densas, deletérias e estagnadas para em nome do amor, solidariedade e fraternidade nos brindarem com seus inestimáveis préstimos.

Há inúmeras correntes de pensamento que exploram possibilidades mil sobre a pessoa e a missão de Jesus. Duas são as mais coerentes sobre o assunto: uma afirma ter Jesus vindo com a missão específica de transmitir os ensinamentos básicos para essa nova etapa, tê-la cumprido e retornado à pátria de origem continuando lá sua jornada evolutiva. A segunda, a que nos parece mais condizente como as propostas da Vida, é ele ter engajado na programação curricular para o período letivo denominado cristianismo. No término do programa, como vem acontecendo através das eternidades, haverá a seleção final, e os alunos aprovados seguirão seu estudo adentrando novo degrau na escada evolutiva e os que não se capacitaram serão transferidos a outras orbes habitadas por espíritos mais jovens, portanto cursando a matéria curricular vencida neste planeta. Talvez seja esse o julgamento onde serão separados os aprovados dos reprovados conforme Sua anotação. Enquanto isso milhares deles chegam de mundos de níveis levemente superiores ao nosso por não terem conseguido a aprovação no estágio idêntico ao que iniciaremos, obedecendo um programa de remanejamento. Esses espíritos alunos reprovados em outros planetas biocarbônicos repetem na Terra o programa curricular lá concluído. Da mesma forma, outros tantos espíritos terráqueos que não venceram essa etapa que se encerra estão sendo transferidos para outras orbes levemente mais atrasadas a fim de recomeçarem lá o programa não assimilado. Ao retornarem ao início do programa em mundos mais jovens e menos experientes, poderão servir de irmãos mais velhos. Isso vem acontecendo desde sempre, mas a partir deste século o programa será mais severo. Veremos uma lenta e gradual renovação dos valores nobilitantes, não só no ceio das sociedades em geral mas principalmente na política, na religião e nos focos de criminalidade, pois o mau cidadão, esteja ele no nível que estiver não retornará mas à Terra a denegrir ambientes sociais, políticos e religiosos de nosso planeta.  Continua na próxima semana.

Texto revisado
Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 4


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

Conteúdo desenvolvido por: Dante Bolivar Rigon   
Visite o Site do autor e leia mais artigos..   

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.

Veja também
© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2021 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa