Autoconhecimento Autoajuda e Espiritualidade
 
auravide auravide

Refletindo sobre Carma e Darma

por Denise Schinetzky
Refletindo sobre Carma e Darma

Publicado dia 8/11/2009 em Espiritualidade

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp


No decorrer desse tempo, trabalhando com terapias, recebo muitas pessoas que atribuem os acontecimentos de suas vidas ao carma, no que não estão erradas. O que questiono e procuro rever com elas, é o enfoque dado a isso. Percebo que as pessoas atribuem ao carma limitações, doenças, escassez, permanecendo constantemente numa vibração de devedoras que precisam saldar suas dívidas com todo tipo de dor e sofrimento e que isso vai redimi-las, um dia...

O que proponho agora é que passemos a olhar para o carma de outra perspectiva, afinal nos foi dada essa escolha.

Podemos conceituar carma como Lei de Causa e Efeito, isto é, tudo que emanamos, seja em pensamentos, palavras ou atos, retorna a nós. Tudo que vibramos é o que atraímos por ressonância. Com nossas emanações vamos construindo ao nosso redor uma malha energética que vibra na freqüência que nós mesmos criamos. A troca de energia é uma constante no universo. Tudo que se deposita é recebido de volta, isso é uma lei. O sistema de acerto de contas é perfeito.

Já vi muitas pessoas vibrando na raiva, ódio, ressentimento, falando mal, julgando, criticando sem cessar e quando as coisas não vão bem a primeira coisa que fazem é atribuir a demandas, inveja, olho grande, pragas. Pode até haver tais coisas ocorrendo. Mas qual o motivo disso ter atingido a pessoa adentrando em seu campo energético e se manifestando na vida material?

As pessoas que estão a maior parte do tempo sorrindo, que acham tudo fácil, tem uma postura de confiança e são otimistas dificilmente se queixam que atraem coisas negativas para si e suas vidas fluem de maneira mais harmoniosa. Digo que essas pessoas são as que estão no comando de suas vidas pois sabem transformar problemas em oportunidades.

Todos nós temos problemas, claro! Mas precisamos entender que o que vivemos hoje é o que plantamos no passado. Pense que, exatamente agora, lendo esse texto, você está construindo seu futuro, seu carma. Dependendo do uso que der a essas simples informações pode alterar inúmeros eventos no seu dia de hoje e, por conseqüência, no futuro.

Precisamos prestar mais atenção ao que sentimos e pensamos, às nossas reações frente aos fatos da vida. A maioria dessas reações são reflexos condicionados, isto é, agimos inconscientemente e da mesma maneira que aprendemos desde crianças, ou desde outras vidas, se assim quiser avaliar, sem questionarmos se é certo ou errado e o que isso nos traz. Isso é viver com o piloto automático sempre ligado, comandando.

Ao nos observarmos questionando nossas escolhas, os motivos de agirmos desse modo, o que isso nos trará em benefício, como influenciará aos outros e ficando com a melhor opção, estamos escolhendo conscientemente nosso carma futuro.

Para o carma atual, que vem do passado, temos três maneiras de lidar com ele:

Podemos escolher pagar nossas dívidas com diferentes graus de sofrimento, com peso, cheios de medo e culpa, o que na maioria das vezes não leva à evolução e sim gera ainda mais carma negativo.

Podemos, como segunda opção, avaliar as situações e fazer a escolha de aprender com elas, transmutando, transformando-as em algo mais agradável e útil a nós mesmos ou aos outros, o que transforma o carma em Darma - a manifestação do dom divino de cada um através de seus propósitos de vida, o que traz realização pessoal. Entendendo que tudo o que acontece sempre contém um propósito, uma mensagem, um aprendizado, podemos tirar proveito disso, através de nosso posicionamento pessoal.

E uma terceira forma é a transcendência, que só se consegue entrando em contato íntimo com o espírito, o Eu Superior, através de ferramentas espirituais como a prática do silêncio profundo e meditação. Nosso espírito contém nossa consciência - memória, desejos, propósitos, aprendizados e nesse nível podemos modificar nosso carma e passar a fazer escolhas mais conscientes que se refletem na nossa vida e na vida de outros seres também.

Todos nós escolhemos a cada minuto, consciente ou inconscientemente. Isso é o livre arbítrio, a responsabilidade que nos foi dada. Nosso coração quando em sintonia com o espírito, sempre tem as respostas mais adequadas. Unindo consciência e coração certamente optaremos pelo melhor e criaremos saúde, felicidade, amor harmonia, dentro e externamente a nós. Construiremos nosso Darma.

O que você vai escolher fazer com as simples informações desse texto, agora, no dia de hoje?
 

Texto revisado

Compartilhe

Facebook   E-mail   Whatsapp
  estamos online

Gostou deste Artigo?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 17

Sobre o Autor: Denise Schinetzky   
Denise Schinetzky Terapeuta Holística - sinte rs 054 www.portalquantico.com.br http://portalquantico.blogspot.com/
E-mail: [email protected]
Visite o Site do autor e leia mais artigos.


Veja também
artigo Transcomunicação Instrumental
artigo A liberdade de ser
artigo Você sabe quais os benefícios de um atendimento de radiônica?
artigo Do Oran Mor aos corações apaixonados pela Luz

© Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.





horoscopo


auravide

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2020 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa