auravide auravide

RESGATANDO OVELHAS PERDIDAS


Facebook   E-mail   Whatsapp

Recentemente, fiquei pasmo ao ver, na internet, que alguns sites americanos, dedicados somente à traição, poderão ser acessados por internautas brasileiros.
Uma das encarregadas, de um dos sites, afirma que “traição é um negócio rentável; vamos ganhar muito dinheiro”.
E neste site só poderão participar pessoas casadas, de ambos os sexos, insatisfeitos com a rotina sexual de suas vidas.
E onde fica a família?
Voltando ao passado recente, tivemos a liberação de casamentos entre pessoas do mesmo sexo.
Logo a mídia vem se deliciando em expor casos e fotos de pessoas se beijando e dando depoimentos que tudo é normal.
E onde fica aquela frase do Mestre: ”Ai daqueles que forem causas de escândalos”.
E o aborto que foi banalizado se tornando tema político para cata de votos?
As drogas, diga-se a maconha, já tem até campanhas subilinares para sua liberação.

ALGUMAS PERGUNTAS

Para ser “celebridade” ou “famoso” o certo é pousar nu?
Ou ainda dar entrevistas dizendo que já usou drogas?
Um dos livros mais lidos é aquele que narra a vida promíscua de uma garota de programas?
Qual a revista que mais é vendida a ponto de esgotar suas edições? Certamente não são as revistas de conhecimento, cultura, tecnologia, religião, ciência.
Por que as redes de televisão, para ganhar Ibope, usam e abusam da imoralidade não respeitando a família?
Quantos sites eróticos existem na Internet?
Por que a corrupção está banalizada, principalmente na área política?
Estas são apenas algumas perguntas. Claro que existem centenas que violentam a moral e a ética, não só no no Brasil, mas pelo mundo afora.

O HOMEM NO MUNDO

No “Evangelho Segundo o Espiritismo”, no capítulo ”Sedes Perfeitos”, há um trecho denominado “O Homem no Mundo”.
Afirma-se ali que o espírito, prisioneiro do corpo físico, deve viver com os homens de sua época, em sociedade.
O homem deve viver não como um asceta longe do mundo e sim vivenciar prazeres a que a condição humana lhe oferece.
Há, contudo um livre-arbítrio que será a balança entre fazer o bem e o mal.

Este artigo não tem a finalidade de estabelecer criticas nem julgamentos. Faço parte deste todo e nem quero ser arauto da perfeição.
Na parábola da “Ovelha Perdida”, Jesus deixa claro que nenhum espírito, por mais empedernido que seja, ficara à deriva.
A caridade do nosso Criador se faz através de múltiplas reencarnações. E mesmo nestes momentos de ceifa há um planeta esperando estas almas desgarradas do rebanho. Texto revisado

Gostou?    Sim    Não   

starstarstarstarstar Avaliação: 5 | Votos: 13


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Alberto Carlos Gomes Lomba   
Visite o Site do autor e leia mais artigos..   

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa