auravide auravide

Suicídio na visão espiritualista


Facebook   E-mail   Whatsapp

A verdadeira explicação é que o espiritualismo condena o suicídio, porque o espiritualismo está sempre ensinando para nós “amor” e não violência, ainda mais uma violência brutal consigo mesmo, tirando a sua vida, é uma forma violenta de tentar se libertar de uma situação, por isso que o espiritualismo condena.

'O Amor Entre os Povos' não aceita esta prática, mesmo que estejamos vivendo uma vida difícil e complicada, e ainda interrompendo uma passagem pela Terra de um modo tão violento e que vai refletir em outras pessoas.

O suicida ao chegar do outro lado após a morte irá pagar pelo seu ato, pela forma de interromper uma caminhada, e fica muito difícil para nós concordarmos com um ato deste.

Como exemplo, tive há pouco tempo um amigo que se suicidou, quando fui procurado pela família dele, a mãe e as irmãs, eu lhes falei a verdade: “que era falta de uma religião e que foi uma covardia, pois deixou de procurar um entendimento do que estava ocorrendo e sozinho buscou um ato como a única solução, então, terá que pagar pelo seu ato. Ele terá que voltar numa outra vida para cumprir a sua missão que deixou para trás. Ficando esse retorno com um fardo muito pesado para ele”.

Para se fugir dessa situação é necessário que tenhamos uma religião, porque a pessoa firme não comete atos dessa natureza, mas também deve evitar furtos, falso testemunho -que é um ato terrível- uma vez que poderá prejudicar pessoas e famílias, e também é enquadrado como o suicídio dentro da Lei Natural da Vida.

As pessoas que cometem assassinatos são pessoas que não têm sossego. Quando tiverem contato com um assassino verão que a mente dele é terrível. Ao entrar em sua cela, no presidio, encontrará imagens de todos os santos, escritos na parede palavras bonitas, figura de Nosso Senhor Jesus Cristo, da Nossa Senhora, do Anjo da Guarda etc.. Tudo que pensar tem na parede, ou quando não, mandam tatuar no seu corpo, porque a consciência deles os acusa e não conseguem dormir.

Os assassinos não têm um sono tranquilo e também o suicida não encontra sossego, não tem a paz necessária, uma vez que é interrompida a vida por não ter tido pensamentos bons.

O suicida poderá praticar esse gesto por qualquer dificuldade ou transtorno nas suas vidas vindouras e comete novamente suicídio, pois ele tem essa tendência.

No caso dos desligamentos dos aparelhos vitais que mantêm a vida, quem pagará é quem autorizou os desligamentos dos aparelhos que estavam mantendo vivo o corpo, no caso, o suicida ou o assassino.

Tanto o suicida como o assassino pagarão pelos seus atos, o fofoqueiro, o levantador de calúnia também pagará pelos seus perjúrios porque a lei é uma só, terá que reparar os seus erros pelo sofrimento que faz para os outros seres humanos.

Passar pelo suicídio é um ato que todo ser humano está determinado a passar, ou seja, todos passam por toda forma de aprendizado, pois só com teoria não conseguiremos a nossa evolução, isso é uma lei para todos.

Nosso endereço: Amor Entre os Povos, Rua São José, 247 – centro – Ribeirão Preto - SP, fone: 16 3625-0574.

Abraços

Florêncio Antonio Lopes, Mestre Espiritualista
www.aep.org.br  | [email protected]

Texto Revisado

Gostou?    Sim    Não   

starstar Avaliação: 2 | Votos: 20


estamos online   Facebook   E-mail   Whatsapp

foto-autor
Conteúdo desenvolvido por: Florencio Antonio Lopes   
FLORÊNCIO ANTONIO LOPES Mestre Espiritualista graduado "Senhor-Mestre" Ribeirão Preto - SP
E-mail: [email protected] | Mais artigos.

Saiba mais sobre você!
Descubra sobre Espiritualidade clicando aqui.

Veja também © Copyright - Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução dos textos aqui contidos sem a prévia autorização dos autores.




publicidade










Receba o SomosTodosUM
em primeira mão!
 
 
Ao se cadastrar, você receberá sempre em primeira mão, o mais variado conteúdo de Autoconhecimento, Astrologia, Numerologia, Horóscopo, e muito mais...


 

Voltar ao Topo

Siga-nos


Somos Todos UM no Smartphone
Google Play


© Copyright 2000-2022 SomosTodosUM - O SEU SITE DE AUTOCONHECIMENTO. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade - Site Parceiro do UOL Universa